MENU

22 de março de 2013 - 18:51GP2 Series

Coletti é pole na GP2; Nasr, por oito milésimos, sai em 3º

3919320130322094231RIO DE JANEIRO - Treino muito disputado para a abertura da nona temporada da história da GP2 Series, que começa neste sábado na Malásia (0h15, segundo me informaram, para nós do Brasil). O italiano Stefano Coletti, da Rapax, surpreendeu os favoritos James Calado e Felipe Nasr, conquistando a pole position em Sepang.

Com o tempo de 1’44″280, Coletti superou Calado por apenas quatro milésimos de segundo e Nasr por oito. Mas o piloto da Carlin não ficou totalmente contente com o resultado. Ele queria a pole e disse que um erro na última volta acarretou na terceira posição do grid. “Travei as rodas na última curva e desequilibrei o carro na saída. Por isso  apareceu essa diferença de milésimos”, justificou.

O treino de meia hora teve situações bem esquisitas, como o entrevero entre Johnny Cecotto Jr., da Arden e o recém-regressado Sam Bird, da Russian Time. O britânico foi solenemente jogado para fora da pista pelo rival, que foi merecidamente punido pelos comissários desportivos e sairá da última posição. Confiram o incidente no vídeo abaixo.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=du458jeJ2WI&feature=youtu.be]

O próprio Bird também foi considerado culpado por bloquear um adversário num outro momento da qualificação e acabou punido: era o quinto do grid, terá que largar três posições abaixo, em oitavo. A punição a Bird deu ao novato Mitch Evans, o melhor do lote, a possibilidade de ganhar uma posição no grid. Evans vem da GP3 Series, onde é o atual campeão.

O tempo esquentou também na hora da pesagem obrigatória dos pilotos, onde o espanhol Sergio Canamasas, da Caterham, quis tirar satisfações com o francês Nathanael Berthön, da Trident. Felizmente, os ânimos foram refreados e, sinceramente, espero que esse clima belicoso não se reflita no que vai acontecer na pista malaia na primeira rodada dupla de um campeonato que vai perdendo prestígio por conta dos altos custos e o aparecimento de pilotos de talento discutível e equipes sem muita tradição no automobilismo de base.

O grid do GP da Malásia da GP2 em Sepang é este:

1. fila
#18 Stefano Coletti – Rapax – 1’44″280
#3James Calado – ART – 1’44″284

2. fila
#9 Felipe Nasr – Carlin – 1’44″288
#8 Fabio Leimer – Racing Engineering – 1’44″463

3. fila
#6 Mitch Evans – Arden – 1’44″618
#17 Rio Haryanto – Addax – 1’44″681

4. fila
#24 Rene Binder – Lazarus – 1’44″687
#11 Sam Bird – Russian Time – 1’44″598 (*)

5. fila
#19 Simon Trummer – Rapax – 1’44″692
#12 Tom Dillmann – Russian Time – 1’44″731

6. fila
#7 Julian Leal – Racing Engineering – 1’44″732
#14 Sergio Canamasas – Caterham – 1’44″761

7. fila
#1 Marcus Ericsson – Dams – 1’44″766
#26 Adrian Quaife-Hobbs – MP – 1’45″191

8. fila
#2 Stephane Richelmi – Dams – 1’45″262
#22 Conor Daly – Hilmer – 1’45″289

9. fila
#20 Nathanael Berthon – Trident – 1’45″378
#21 Kevin Ceccon – Trident – 1’45″491

10. fila
#15 Ma Quing Hua – Caterham – 1’45″497
#27 Daniel De Jong – MP – 1’45″522

11. fila
#4 Daniel Abt – ART – 1’45″593
#10 Jolyon Palmer – Carlin – 1’45″662

12. fila
#16 Jake Rosenzweig – Addax – 1’45″708
#23 Pal Varhaug – Hilmer – 1’45″830

13. fila
#25 Kevin Giovesi – Lazarus – 1’45″985
#5 Johnny Cecotto – Arden – 1’44″788 (**)

(*) Punido com a perda de três posições por bloquear um adversário
(**) Era o 14º originalmente, mas cai para último por jogar Sam Bird para fora da pista

1 comentário

  1. Jaime Boueri disse:

    Caraio!!! Que palhaçada esse lance aí do vídeo hein?! na minha humilde opinião, sair de último foi luro. Eu, suspendia o cara por um bom tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>