MENU

3 de maio de 2013 - 11:07Brasileiro de Gran Turismo

Brasileiro de Gran Turismo começa no Anhembi

RIO DE JANEIRO - Os carros dos sonhos estão de volta às pistas. Começa neste fim de semana no circuito de rua do Anhembi, como preliminar da etapa brasileira da Fórmula Indy, a temporada 2013 do Brasileiro de Gran Turismo.

Com alguns carros ainda na Europa sendo revisados/atualizados e outros irremediavelmente fora, caso de toda a equipe BMW, que foi disputar o FIA GT Series, o grid não chega a empolgar em matéria de números. De acordo com o piloto de autorama Luc Monteiro, um chato de galocha quando o assunto é futebol (o cara é corintiano doente, ninguém é perfeito…), porém um excelente narrador, pois conhece do riscado e é tão doente no assunto automobilismo quanto eu, são quinze os carros presentes à primeira corrida do campeonato.

Sim, eu sei. A categoria já passou por dias melhores. E por outros, logicamente, muito piores do que este. Se a vaidade for deixada de lado, o Brasileiro de Gran Turismo poderá sobreviver e voltar a ameaçar a Stock Car no status de melhor categoria do automobilismo brasileiro. Afinal de contas, quem não gostaria de ver um grid com Mercedes (ausentes no Anhembi), Audi, Lotus, Porsche, Corvette, Ferrari, Lamborghini e Aston Martin?

A divisão de categorias continua a mesma do ano passado: GT3, GT Premium (dos GT3 mais antigos, marcando pontos na GT3 e também em sua própria categoria) e GT4. Vocês leitores notarão que a dupla formada por Cléber Faria e Duda Rosa, campeã da GT3 ano passado, não está presente na primeira rodada do ano.

Vamos aos inscritos:

GT3

#3 SCUDERIA CRT
Ferrari F430
Cláudio Ricci/Rafael Derani

#16 BLÄU MOTORSPORT
Lamborghini Gallardo LP600+
Allam Khodair/Marcelo Hahn

#20 EBRAHIM MOTORS/AUDI TOP SERVICE
Audi R8 LMS Ultra
Fábio Ebrahim/Wagner Ebrahim

#61 GFORCE
Chevrolet Corvette Z06
Fernando Croce/Júlio Campos

GT PREMIUM

#4 METASA
Ferrari F430
Felipe Roso/Vinícius Roso

#5 SCUDERIA CRT
Ferrari F430
Walter Derani/TBA

#10 BSC RACING
Lamborghini Gallardo LP520
Cristiano “Tigrinho” Almeida/Pierre Ventura

#18 MOTTIN RACING
Lamborghini Gallardo LP560
Roger Sandoval/Fernando Poeta

#33 MUNDO MOTORSPORT
Porsche 911 GT3 S
Marçal Melo/Alex Fabiano

#111 MOTTIN RACING
Lamborghini Gallardo LP520
Paulo Rutzen/Wilson Júnior

GT4

#6 LOTUS DRAGÃO MOTORSPORT
Lotus Évora GT4
Walter Pinheiro/Renan Guerra

#8 M2 COMPETIÇÕES
Ferrari 430 Challenge
Duda Oliveira/William Freire

#21 GRECO
Maserati MC Granturismo
Fábio Greco/Válter Rossete

#57 M2 COMPETIÇÕES
Aston Martin Vantage GT4
Sérgio Laganá/Alan Hellmeister

#75 GRECO
Ferrari 430 Challenge
Henrique Assunção/Ronaldo Kastropil

4 comentários

  1. luiz alberto disse:

    Caro Rodrigo,eu se dono de equipe fosse jamais colocaria um carro para correr nestas canaletas que são estes malditos circuitos de rua que se um carro por qualquer motivo escapa vai para o muro,é um risco muito grande para este tipo de carro,verdadeiras jóias da engenharia.E tem imbecis questionando segurança em autodromos.A coitada da curva do café que desde o inicio de interlagos sempre esteve lá e só agora é a vilã do autodromo ,e olhe que nos anos 40,50 ,60 corrriam com “coisas” tipo carreteras(velhos Chevrolets ou Fords com motores potentes(para época)mas nada de freio,suspensão e aerodinâmica ou velhos F1 com motores Corvette adaptados(carro projetado para usar leves motores com bloco e cabeçote de aluminio) agora com pesados motores com bloco de ferro e ainda com freios a tambor em sua maioria e não me lembro do registro de nenhum acidente fatal neste ponto do circuito nesta epoca.Más deve ter alguma empreiteira querendo destruir mais um pouco o que outrora foi um dos mais belos e desafiante circuito do mundo,assim como acharam um pretexto para destruirem o autodromo do Rio de Janeiro,acredito eu que só para beneficiarem aos “cumpadis das empreiteiras”que põe dinheiro nas campanhas.

  2. Confortin disse:

    Putz, que grid fraco… 4 carros na GT3? E concordo com o Luiz Alberto, é suicídio pra essas equipes colocarem esses carros caríssimos (ainda mais aqui no Brasil-sil-sil) em circuito de rua… um errinho e lá se vai quem sabe mais de US$100.000,00 do já curto dinheiro das equipes. Quem sabe a visibilidade conquistada em virtude da Indy valha de algo!

    • Diogo disse:

      Esse grid deve aumentar. Os Mercedes dos irmãos Faria estão em atualização na Europa e as Ferraris 458 que correram ano passado também estão sendo revisadas. Além disso, com a saída do Hermann, acredito na volta do Xandy Negrão e do Chico Longo para a GT Brasil.

  3. Fernando disse:

    Amanhã estarei no Anhembi para conferir mas não estou muito empolgado não. Voltar a ser o que era até 2011, quando o público que frequenta as arquibancadas a considerou a melhor categoria nacional (roubando o posto que era da Stock Car…) não consegue mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>