MENU

26 de maio de 2014 - 17:17Blancpain GT Series Endurance

Bentley triunfa em Silverstone

timthumb (3)

Em casa, o Bentley Continental GT3 da M-Sport triunfou na segunda etapa do Blancpain Endurance Series

RIO DE JANEIRO - Na segunda corrida do modelo Continental GT3, a Bentley conquistou a primeira vitória no Blancpain Endurance Series. A equipe M-Sport levou a melhor na segunda etapa do campeonato, disputada neste domingo em Silverstone, com a participação de 43 carros. O trio Guy Smith/Andrew Meyrick/Steven Kane completou um total de 84 voltas com apenas 1″274 de vantagem para Kévin Estre/Andy Soucek/Kevin Korjus, a bordo de um dos McLaren MP4-12C GT3 da ART Grand Prix. Apesar da segunda posição, eles lideram o campeonato com 33 pontos, apenas dois a mais que os vencedores deste fim de semana.

Após a realização dos treinos livres em pista molhada e tempo ruim, as condições melhoraram no domingo para o classificatório e para a corrida. O francês Franck Perera cravou a pole position com o Porsche #93 da Pro GT by Almeras, mas o comando no início da disputa foi de Eric Dermont, rapidamente superado após a bandeira verde. O português Álvaro Parente, da ART Grand Prix, comandou a primeira hora e depois que foi substituído por Grégoire Demoustier, o francês foi superado por Kevin Korjus. Guy Smith começou a bordo do #7 vencedor, punido logo no início por uma ultrapassagem em zona de bandeiras amarelas e Steven Kane, que assumiu o volante, também não teve problemas para suplantar Demoustier.

A 42 minutos para o fim das 3 horas de prova, um forte acidente com o Aston Martin #128 da Horse Power Racing conduzido por Paul Bailey/Andy Schulz trouxe o Safety Car e mudou tudo a favor do Bentley da M-Sport. Steven Kane ultrapassou Andy Soucek e levou o carro à inédita vitória na competição.

224373_407486_gino4530

Cesar Ramos ajudou a equipe Belgian Audi Club WRT a chegar ao pódio em Silverstone. O time chegou em 3º lugar após ultrapassar a rival Saintéloc Racing na última volta (Divulgação)

O terceiro lugar no pódio foi decidido na última volta. Largando em 10º, o Audi #1 do trio Cesar Ramos/Laurens Vanthoor/Marc Basseng passou por alguns percalços. Primeiro Basseng, que largou, foi punido com drive through. Cesar Ramos assumiu no período mais movimentado e disputado e, após uma briga com as Mercedinhas da HTP Motorsport, entregou o carro a Vanthoor em oitavo.

A intervenção após o acidente do #128 foi de colher para o trio do #1. Vanthoor atacou, ganhou posições e na última volta deixou para trás o carro gêmeo da Saintéloc Racing, que já sonhava com o pódio, frustrando Edward Sandström/Stéphane Ortelli/Grégory Gulivert. Com o pódio, a trinca está em 5º lugar no campeonato, com 27 pontos.

Na Pro-Am, a vitória da etapa de Silverstone ficou com o Nissan da equipe GT Academy Team RJN, num excelente trabalho de Nick McMillen/Florian Strauss/Alex Buncombe, que concluíram a disputa em 8º lugar na classificação geral. Eles ganharam com uma volta de avanço sobre Richard Abra/Joe Poole/Mark Osborne, a bordo de um Aston Martin. A italiana Michela Cerruti celebrou um bom 3º posto no pódio com a BMW da ROAL Motorsport, dividida com os parceiros Eugenio Amos e Stefano Comandini.

A classe Gentlemen Trophy viu a vitória da Rinaldi Racing com a Ferrari número #458 guiada por Alexander Mattschull/Frank Schimkler, que ficaram bem mais atrás na classificação, em 27º lugar. Os portugueses Francisco Guedes e Filipe Barreiros, junto ao estadunidense Peter Mann chegaram em segundo na divisão, com o trio formado por Ian Loggie/Chris Jones/Julien Westwood completando o pódio.

A próxima prova será em Paul Ricard, na França, no último domingo de junho.

2 comentários

  1. Fernando lima disse:

    Esteticamente, o Bentley não é bonito (minha opinião) mas, assim como o Toyota TS040 no WEC, na pista ele se mostra “lindo”.
    Por acaso temos algum outro Continental correndo nos demais campeonatos GT por ai??

    • Fora a M-Sport, a outra equipe que corre com o Continental é a Generation Bentley no British GT, e que correu nesta etapa do BES.

      É bom ver que logo na sua segunda corrida no BES o Continental já conseguiu um feito tão grandioso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>