MENU

18 de setembro de 2014 - 15:07Blancpain GT Series Endurance

1000 km de Nürburgring: hora de decisão

timthumb (8)

Do caos à glória: após a complicada prova de Spa-Francorchamps, o Blancpain Endurance Series conhece seus novos campeões neste domingo

RIO DE JANEIRO - Chegou a hora da decisão do Blancpain Endurance Series. A temporada 2014 da competição termina neste domingo com mais uma edição dos 1000 km de Nürburgring, que no ano passado decidiram o título em favor do alemão Maximilian Bühk, com Mercedes-Benz da HTP Motorsport. Quarenta carros estarão na pista para a última prova do campeonato – 14 na Pro Cup, dezessete na Pro-Am Cup e nove na Gentlemen Trophy.

Na classe principal, que contará com a presença do brasileiro Cesar Ramos a bordo do Audi R8 LMS Ultra #1 do Belgian Audi Club Team WRT, o belga Laurens Vanthoor terá que contar com o apoio do companheiro de equipe para ser campeão. Líder com 74 pontos, graças ao triunfo das 24h de Spa-Francorchamps, ele tem sete de vantagem para o trio formado por Edward Sandström/Stéphane Ortelli/Grégory Gulivert, da Saintéloc. A Audi poderá ser campeã de qualquer jeito, mas os dois do #1, reforçados por Christopher Mies na prova germânica, terão que cortar um dobrado para dar o troféu de campeão a Vanthoor.

E como se não bastasse, ainda há os Bentley Boys: Andy Meyrick/Guy Smith/Stephen Kane somam 59 pontos e duas vitórias – o que lhes dá vantagem em caso de um empate em pontos com qualquer adversário. Cesar Ramos é o 11º colocado, com 31.

Na Pro-Am Cup, após a caótica prova belga, repleta de incidentes com bólidos desta divisão, a trinca formada por Andrea Rizzoli/Stefano Gai/Francesco Castellacci lidera com 77 pontos. Porém, a formação que perdurou até Spa foi desfeita: Castellacci vai andar no #52 da AF Corse e tentará bater os compatriotas, que terão a companhia de Thomas Kemenater no #90 da Scuderia Villorba Corse. Andrew Smith/Alasdair McCaig/Oliver Bryant colideram a competição, 12 pontos atrás, seguidos por Richard Abra/Mark Poole/Joe Osborne, com 45.

A classificação da Gentlemen Trophy sofreu uma reviravolta com o abandono da Ferrari da Rinaldi Racing, guiada por Alexander Mattschull/Frank Schimckler, em Spa. A trinca vinha de três vitórias e na corrida de Spa, Peter Mann e Francisco Guedes passaram ao comando do campeonato com 97 pontos, vinte e dois à frente dos alemães, com Cédric Mezard em terceiro, com 51. Neste fim de semana, a Rinaldi conseguiu ter pelo menos um carro inscrito: Mattschull e Schimckler terão como parceiros Pierre Ehret. O carro #333 da Pro-Am Cup, destruído no acidente entre Vadim Kogay e Markus Mahy nem foi inscrito dessa vez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>