MENU

25 de novembro de 2014 - 14:47Mundial de Endurance

Quem é quem, 6h de São Paulo – equipes LMP1 (oficiais)

RIO DE JANEIRO - Mais uma missão cumprida: o blog termina hoje a apresentação das equipes que disputarão neste fim de semana as 6h de São Paulo (lá estaremos!) em Interlagos. É a despedida do WEC do Brasil, que espero ser temporária. No ano que vem não teremos a corrida, mas espero que o evento retorne em 2016 como prometeram: na abertura do campeonato. Vamos perder o confronto que promete ser histórico entre as japonesas Toyota e Nissan e as alemãs Porsche e Audi. Enquanto isso, pelo menos neste ano veremos o 919 Hybrid em sua primeira aparição por aqui.

A classe LMP1 dos times oficiais de fábrica prevê a participação de protótipos identificados com o número em fundo vermelho e o adesivo HY que os diferencia dos carros construídos por Lotus e Rebellion. Esses protótipos oficiais têm motores a gasolina e diesel de livre concepção e cilindrada, desde que dotados de Energy Recovering Systems (ERS). Tanques de combustível estão limitados a 67 litros para os bólidos movidos a gasolina e 55 litros para os diesel. Peso mínimo: 870 kg.

As equipes:

05

O campeão de 2013 Tom Kristensen faz sua despedida das pistas neste domingo

AUDI SPORT TEAM JOEST
Sede: Wald-Michelbach, Alemanha
Chefe de equipe: Ralf Jüttner
Diretor técnico: Christian Reinke
Carro: Audi R18 e-tron quattro
Motor: Audi 4 litros V6 turbodiesel
Pneus: Michelin

04

Vice-líderes do campeonato, Marcel Fässler/Andre Lotterer/Bénoit Tréluyer ganharam duas vezes, mas faltou ritmo e velocidade ao R18 e-tron quattro na maioria das provas do WEC

A Audi talvez não esperasse pelo que lhe ocorreu em 2014 no WEC: além da perda da hegemonia e da conquista do título de pilotos por Anthony Davidson e Sébastien Buemi, a marca de Ingolstadt ainda pode ser derrotada pela Toyota no Mundial de Marcas, na última etapa do campeonato. A Audi ainda conquistou duas vitórias – a 13ª em Le Mans nos últimos 15 anos e também no COTA, em Austin – mas foram triunfos ocasionados mais pelos problemas dos rivais do que pela questão da velocidade do e-tron quattro versão 2014. Faltou ritmo ao carro em várias provas e nas últimas três – Fuji, Xangai e Bahrein – os dois protótipos quatrargólicos foram impiedosamente dominados pela Toyota e chegaram a perder feio no confronto com os Porsches. A opção de pôr o R18 na categoria de 2MJ de economia de energia revelou-se um desastre completo numa temporada que marca, inclusive, a despedida do mito Tom Kristensen das pistas. O dinamarquês de 47 anos faz sua última prova no domingo em Interlagos e certamente será o alvo das atenções de todos. Lucas Di Grassi também está em busca de sua primeira vitória no WEC e do 3º lugar no Mundial de Pilotos.

Os pilotos:

Tom Kristensen (DK)

TOM KRISTENSEN (DINAMARCA)
Data de nascimento: 07/07/1967 (47 anos)
Cidade natal: Hobro
Provas disputadas no WEC: 23
4º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (102 pontos)

W

LUCAS DI GRASSI (BRASIL)
Data de nascimento: 11/08/1984 (30 anos)
Cidade natal: São Paulo
Provas disputadas no WEC: 10
4º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (102 pontos)

Audi R18 Test

LOÏC DUVAL (FRANÇA)
Data de nascimento: 12/06/1982 (32 anos)
Cidade natal: Chartres
Provas disputadas no WEC: 22
8º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (66 pontos)

1005690_183629288468149_121344375_n (1)

ANDRE LOTTERER (ALEMANHA)
Data de nascimento: 19/11/1981 (33 anos)
Cidade natal: Duisburg
Provas disputadas no WEC: 23
2º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (117 pontos)

RRR_9218

MARCEL FÄSSLER (SUÍÇA)
Data de nascimento: 27/05/1976 (38 anos)
Cidade natal: Einsiedeln
Provas disputadas no WEC: 23
2º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (117 pontos)

2014-WEC-LeMans-Benoit-Treluyer-Audi-672

BÉNOIT TRÉLUYER (FRANÇA)
Data de nascimento: 12/07/1976 (38 anos)
Cidade natal: Alençon
Provas disputadas no WEC: 23
2º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (117 pontos)

01 (1)

O Toyota #7 venceu só uma corrida, na etapa anterior a Interlagos, as 6h do Bahrein

TOYOTA RACING
Sede: Colônia, Alemanha
Chefe de equipe: Pascal Vasselon
Diretor técnico: John Litjens
Carro: Toyota TS040 Hybrid
Motor: Toyota THS-R 3,7 litros V8
Pneus: Michelin

11

Davidson e Buemi venceram quatro vezes e conseguiram, enfim, derrotar os pilotos da Audi para conquistar o título antecipado no WEC

Muita gente pensou que a campanha da Toyota no WEC seria o chamado “fogo de palha” após as vitórias acachapantes em Silverstone e Spa-Francorchamps, após os tropeços em Le Mans e Austin. Mas a verdade é que os protótipos japoneses foram os que melhor exploraram o regulamento com a questão dos MJs de energia dispendidos por volta. Com uma potência estimada em 1000 HP com o uso do motor a gasolina 3,7 litros e o supercapacitor elétrico, o TS040 Hybrid foi o carro a ser batido em 2014 e proporcionou aos pilotos Anthony Davidson e Sébastien Buemi o título antecipado numa temporada de quatro vitórias até aqui para eles e cinco triunfos do construtor que pode ser campeão mundial neste domingo em Interlagos.

Os pilotos:

alex-wurz3

ALEX WURZ (ÁUSTRIA)
Data de nascimento: 15/02/1974 (40 anos)
Cidade natal: Waldhofen
Provas disputadas no WEC: 19
3º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (104 pontos)

IMGP9892

STÉPHANE SARRAZIN (FRANÇA)
Data de nascimento: 02/11/1975 (39 anos)
Cidade natal: Barjac
Provas disputadas no WEC: 23
3º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (104 pontos)

Copyright:Audi AG/ Klaus Nagel Le Mans 13.06.2002 Presseabdruck honorarfrei

MIKE CONWAY (GRÃ-BRETANHA)
Data de nascimento: 19/08/1983 (31 anos)
Cidade natal: Bromley
Provas disputadas no WEC: 10
12º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (33 pontos)

2014_03_27_D_Davidson

ANTHONY DAVIDSON (GRÃ-BRETANHA)
Data de nascimento: 18/04/1979 (35 anos)
Cidade natal: Hemel Hempstead
Provas disputadas no WEC: 16
Campeão antecipado no FIA World Endurance Drivers Championship (148 pontos)

2014-24-Heures-du-Mans-8-TOYOTA-RACING-(JPN)-TOYOTA-TS-040-HYBRID-SBA-1424A--BA-9902_n

SÉBASTIEN BUEMI (SUÍÇA)
Data de nascimento: 31/10/1988 (26 anos)
Cidade natal: Aigle
Provas disputadas no WEC: 16
Campeão antecipado no FIA World Endurance Drivers Championship (148 pontos)

02

A trinca do #14 foi mais constante em corrida e em qualificação foi a mais veloz na reestreia da Porsche nos protótipos

PORSCHE TEAM
Sede: Weissach, Alemanha
Chefe de equipe: Andreas Seidl
Diretor técnico: Alexander Hitzinger
Carro: Porsche 919 Hybrid
Motor: Porsche 2 litros V4 turbo
Pneus: Michelin

03

Com o carro #20, Mark Webber e seus companheiros conquistaram três pódios nas sete provas anteriores do WEC

Em seu primeiro ano completo nas competições de protótipos após muito tempo ausente deste tipo de disputa, a Porsche surpreendeu. Faltou a primeira vitória, é verdade, mas os carros de Weissach foram velozes em qualificação (três pole positions) e em corrida (duas voltas mais rápidas). Faltou também confiabilidade: por isso, os bólidos com o motor 2 litros V4 conquistaram apenas cinco pódios, com o 2º lugar nas 6h do Bahrein, na etapa anterior a Interlagos, como melhor resultado. Em 2015, os alemães prometem não deixar barato: vêm inclusive com um terceiro 919 Hybrid para as 24h de Le Mans e o rumor coloca até Fernando Alonso como titular deste carro extra. Será?

Os pilotos:

1030357-16604468-640-360

ROMAIN DUMAS (FRANÇA)
Data de nascimento: 14/12/1977 (36 anos)
Cidade natal: Alès
Provas disputadas no WEC: 13
6º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (92 pontos)

Neel-Jani-Porsche-2014-fotoshowBigImage-ef680ae4-759352

NEEL JANI (SUÍÇA)
Data de nascimento: 08/12/1983 (30 anos)
Cidade natal: Rorschach
Provas disputadas no WEC: 18
6º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (92 pontos)

2014-Journee-Test---24-Heures-du-Mans-14-PORSCHE-TEAM-(DEU)-PORSCHE-919-HYBRID-SBA-1424A-JT--BA-0668_hd

MARC LIEB (ALEMANHA)
Data de nascimento: 04/07/1980 (34 anos)
Cidade natal: Bad Cannstatt
Provas disputadas no WEC: 23
6º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (92 pontos)

2013-11-20-bernhard-2

TIMO BERNHARD (ALEMANHA)
Data de nascimento: 24/02/1981 (33 anos)
Cidade natal: Hamburgo
Provas disputadas no WEC: 11
9º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (63,5 pontos)

ImageStream

BRENDON HARTLEY (NOVA ZELÂNDIA)
Data de nascimento: 10/11/1989 (25 anos)
Cidade natal: Palmerston North
Provas disputadas no WEC: 7
9º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (63,5 pontos)

M14_1717

MARK WEBBER (AUSTRÁLIA)
Data de nascimento: 27/08/1976 (38 anos)
Cidade natal: Queanbeyan
Provas disputadas no WEC: 7
9º colocado no FIA World Endurance Drivers Championship (63,5 pontos)

3 comentários

  1. Marcos José disse:

    Caso o boato com Alonso se confirme quem seria os outros dois pilotos especulados que formariam o trio neste terceiro Porsche 919 Hybrid pra Le Mans? Button poderia pintar neste Porsche ou teria uma chance num dos carros GTR-P1 (seria este o nome do carro) da Nissan no WEC em 2015 caso não fique na f1? Quem seria o provável substitudo do Kristensen na Audi? Eu não ficarei surpreso caso Alonso apareça assumindo o lugar que era do Kristensen na Audi ao invés deste terceiro carro da Porsche para disputar as 24 Horas de Le Mans em 2015!

  2. Fernando Lima disse:

    Eu apostaria mais em Jason Button do que em Alonso para este carro…e não somente em Le Mans, mas “full session”, já que foi nítido o tom de despedida ao final da corrida de Yas Marina no domingo. Sobre a corrida, já sinto saudades por antecipação pelo ano que vem e espero realmente que retorne em 2016, pois aos poucos vai conquistando o público brasileiro.
    Estarei lá já no sábado, quero aproveitar cada minuto deste que já considero desde 2012 o melhor campeonato automobilístico do mundo. Não é meu perfil “tietar”, mas desta vez vou encarar aquelas filas de visitação aos boxes e pegar um autógrafo do Mito Tom Kristensen.

  3. luiz alberto disse:

    Caros amigos , lembrem-se que Vergne que é um bom piloto e ainda jovem também esta no mercado e seria muito bom contar com ele no W E C ,
    Pois acredito que em algum tempo o W E C será a mais importante categoria de competições automobilísticas ,coisa que já foi a anos.
    Como tudo é cíclico como moda feminina ,eu estou apostando nisto,é só o W E C não querer copiar a moribunda F 1 e levar a competição a autódromos sem alma e tradição e ainda inventar um monte de “jogadas 171″ para dar emoção as competições .

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>