MENU

13 de janeiro de 2015 - 17:19Rali Dakar

Al-Attiyah faz a diferença em dia de vitória de Nani Roma

Argentina Dakar Rally

No bom caminho: Nasser Al-Attiyah amplia liderança geral nos carros: agora são mais de 23 minutos para o rival Giniel De Villiers

RIO DE JANEIRO - O catari Nasser Al-Attiyah mostrou de novo o porque de ser o grande favorito a conquistar o Rali Dakar 2015 nos carros, no que será o segundo triunfo do piloto do Oriente Médio na competição. Com seu Mini #301, ele e o navegador Matthieu Baumel fizeram uma especial excepcional no trecho entre Iquique e Calama: não só terminaram em 2º lugar, como abriram incríveis 15min31seg para o Toyota Hilux de Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzewitz, que se conformaram em terminar na 4ª colocação da etapa. Com isso, a diferença entre os principais postulantes ao título subiu – e muito – para 23min58seg.

A vitória na especial foi do atual campeão da prova: Nani Roma e seu navegador Michel Périn concluíram os 450 km cronometrados em 4h41min56seg, superando Al-Attiyah/Baumel por 6min27seg. A Mini fez os três primeiros lugares da etapa, pois o russo Vladimir Vasiliev, que antes da passagem do Dakar pela Bolívia também fez seu brilhareco e ganhou uma especial, terminou em 4º a 15min52seg de Roma, atrás do surpreendente Guérlain Chichérit.

De Villiers não foi o único a perder terreno em relação a Al-Attiyah. O saudita Yazeed Al Rajhi hoje não conseguiu mostrar suficiente velocidade para acompanhar o ritmo dos adversários e foi apenas o 6º colocado, com diferença de mais de 27 minutos para os ponteiros.

Num dia bastante positivo para os pilotos da Mini, o polonês Krzyzstof Holowczyc manteve o bom ritmo e terminou a 9ª etapa com a sétima marca, a quase meia hora de Roma. O oitavo posto foi do argentino Orlando “Orly” Terranova, seguido por Robby Gordon, que alterna bons e maus desempenhos com seu Buggy Gordini. Marcando sua volta ao top 10 após duas especiais com desempenhos mais discretos, o holandês Erik Van Loon ficou com o décimo lugar – resultado que poderá devolvê-lo aos cinco primeiros postos na geral, em virtude dos problemas enfrentados pelo compatriota Bernhard Ten Brinke em seu Toyota.

E a boa surpresa do dia foi que, enfim, Cyril Despres quase faturou um lugar entre os dez melhores numa especial em seu ano de estreia nos carros. O piloto francês levou seu Peugeot 2008 DKR à décima-primeira colocação. Enquanto muitas duplas tentam completar a etapa em direção a Calama, o navegador brasileiro Edu Sachs chegou ao fim do trecho cronometrado ao lado do piloto português Ricardo Leal dos Santos. A dupla do Nissan Navara #360 completou em 6h02min37seg, resultado que os deixa entre os 25 melhores desta etapa.

O resultado da etapa #9 nos carros:

1º #300 Nani Roma/Michel Périn (Mini) – 4h41min56seg
2º #301 Nasser Al-Attiyah/Mattiheu Baumel (Mini) – 4h48min23seg
3º #323 Guérlain Chichérit/Alexandre Winocq (Buggy) – 4h56min05seg
4º #310 Vladimir Vasiliev/Konstantin Zhiltsov (Mini) – 4h57min48seg
5º #303 Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzewitz (Toyota) – 5h03min54seg
6º #325 Yazeed Al Rajhi/Timo Gottschalk (Toyota) – 5h09min12seg
7º #307 Krzyzstof Holowczyc/Xavier Panseri (Mini) – 5h11min26seg
8º #305 Orlando Terranova/Bernardo Graue (Mini) – 5h12min30seg
9º #308 Robby Gordon/Johnny Campbell (Gordini) – 5h17min55seg
10º #314 Erik Van Loon/Wouter Rosegaar (Mini) – 5h24min18seg

Classificação geral:

1º #301 Nasser Al-Attiyah/Matthieu Baumel – 31h29min38seg
2º #303 Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzewitz – 31h53min36seg
3º #325 Yazeed Al Rajhi/Timo Gottschalk – 32h09min07seg
4º #307 Krzyzstof Holowczyc/Xavier Panseri – 32h47min19seg
5º #314 Erik Van Loon/Wouter Rosegaar – 33h31min24seg
6º #309 Christian Lavieille/Pascal Maimon – 34h21min17seg
7º #306 Carlos Sousa/Paulo Fiuza – 34h23min13seg
8º #310 Vladimir Vasiliev/Konstantin Zhiltsov – 34h32min19seg
9º #315 Bernhard Ten Brinke/Tom Colsoul – 35h03min45seg
10º #329 Aidyn Rakhimbaev/Anton Nikolaev – 35h11min02seg

3 comentários

  1. Herik disse:

    Que “belíssima” entubada a Peugeot está tomando,

  2. Fernando Lima disse:

    Os carros da Mini parecem realmente imbatíveis à esta altura…sobre o Robby Gordon, é aquele mesmo que competiu na extinta CART nos anos 90, e que era chamado de “Flash Gordon”??

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>