MENU

4 de janeiro de 2015 - 11:26Rali Dakar

Vitória de Sunderland na primeira especial do Dakar 2015

Sunderland-dakar-2015

RIO DE JANEIRO - Com 406 veículos autorizados a largar nas quatro categorias em disputa, começou oficialmente a 37ª edição do Rali Dakar, cuja largada promocional fez ferver a capital argentina Buenos Aires. As cercanias da Plaza de Mayo foram tomadas por uma multidão ensandecida que vibrou com o espetáculo de cores e sons proporcionado pelas estrelas do espetáculo. E hoje a aventura já está em andamento: 838 km entre o autódromo de Baradero e a cidade de Villa Carlos Paz, na região de Córdoba, com 175 km cronometrados para as motos, as primeiras a ganhar a trilha. Um dia de nada a ganhar e muito a perder.

Na verdade, pelo menos para quem leva a especial, é um gostinho de alegria. E o vencedor da etapa #1 em duas rodas foi o britânico Sam Sunderland, do time oficial KTM, com o tempo de 1h18min57seg, somente cinco segundos melhor que o português Paulo Gonçalves, da HRC Honda.

Atual campeão do Dakar, Marc Coma completou a primeira etapa na 3ª colocação, a 1min12seg de Sunderland, trazendo na sequência o também espanhol Joan Barreda Bort, que é considerado o mais duro rival de Coma, que tenta em 2015 seu quinto título no evento. Alain Duclos começou forte com sua Sherco TVS e estabeleceu a quinta marca da etapa, com o chileno Jeremias Israel Esquerre (Honda) em sexto, como o melhor sul-americano no primeiro dia de provas entre os motociclistas.

A boa surpresa foi a 8ª colocação do novato austríaco Matthias Walkner, atual campeão europeu de Enduro. O piloto, apadrinhado por Heinz Kinigadner, lenda do motocross de seu país, faz sua estreia no Dakar. E o chileno Pablo Quintanilla beliscou um top 10 para o currículo. No total, houve seis KTM entre os dez mais rápidos do dia.

As Yamaha oficiais começaram num patamar mais abaixo: Olivier Pain foi apenas o 13º colocado, com Michael Metge em 21º e Alessandro Botturi em vigésimo-sétimo, logo à frente do único brasileiro da competição. Jean Azevedo completou a especial deste domingo com o tempo de 1h25min33seg. Até o fechamento deste post, 155 dos 161 motociclistas tinham chegado ao posto de controle para mais um trecho de ligação em direção a Villa Carlos Paz.

O resultado da etapa #1 nas motos:

1º #6 Sam Sunderland (KTM) – 1h18min57seg
2º #10 Paulo Gonçalves (Honda) – 1h19min02seg
3º #1 Marc Coma (KTM) – 1h20min09seg
4º #2 Joan Barreda Bort (Honda) – 1h20min38seg
5º #14 Alain Duclos (Sherco TVS) – 1h21min05seg
6º #12 Jeremias Israel Esquerre (Honda) – 1h21min13seg
7º #9 David Casteu (KTM) – 1h21min33seg
8º #27 Matthias Walkner (KTM) – 1h21min39seg
9º #31 Pablo Quintanilla (KTM) – 1h21min55seg
10º #11 Ruben Faria (KTM) – 1h21min59seg

2 comentários

  1. Diego disse:

    Uma pena Ullevalsetter não estar no Dakar 2015, faltou patrocínio Rodrigo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>