MENU

16 de março de 2015 - 10:37Fórmula 1, Temporada 2015

Mimimi

2015315115638_466364598_II

RIO DE JANEIRO - Por quatro anos, de 2010 a 2013, a Fórmula 1 assistiu ao domínio da Red Bull e de Sebastian Vettel, que conquistaram títulos mundiais em sequência. Agora que os rubrotaurinos entubaram uma sova da Mercedes-Benz no ano passado, começou o mimimi da equipe chefiada por Christian Horner.

É muito engraçado isso… quando era protagonista, o time bancado por Dietrich Mateschitz não falava nada. Agora, que foi rebaixada ao papel de coadjuvante, o discurso é outro. Complicado…

Mas se olharmos por outro prisma, poderemos ver que as reivindicações da equipe podem não estar erradas. Se for contra a falta de renovação da categoria, especialmente no que diz respeito às ideias de Bernie Ecclestone, pode ser o caminho.

Mais detalhes aqui, no Grande Prêmio.

10 comentários

  1. Arthur Luz disse:

    Rodrigo, lembra de quando o Bernie sugeriu que as pistas tivesses atalhos em que os pilotos pudessem usá-los algumas vezes durante a prova? Só podes ser coisa de quem está caducando…

    Abraço.

  2. Razor disse:

    O Mi-mi-mi é livre.

  3. sinval disse:

    me desculpem pelo
    desabafo.

    mas este homem vai ter que “morrer” um dia
    pra formula 1 tomar outro rumo .
    este cara esta completamente fora da casinha
    em todos os assuntos que tem F1 , e percebe se que a olhos vistos
    que no mundo da formula temos “n” indivíduos
    que poderiam estar no lugar dele fazendo “n” coisas
    boas pra F1 . pelo simples fato de terem sido pilotos e ou
    dirigentes , chefes de equipe de escuderias. enfim tem
    muita bagagem de conhecimento para tornar tudo isto
    aquela F1 de (PILOTOS) não mais do que isto, são eles
    que tem a responsabilidade e o talento para gerir o
    espetáculo , e não as equipes com seus proprietários
    mendigando dólares de pilotos pagantes, que absurdo.
    se tentaram uma vez matar o papa, achar quem apague
    um cabra desse não deve ser difícil.

    • Arthur Luz disse:

      Pois é,

      Bernie e João Havelange tem algo em comum, pegaram um esporte cheio de paixão e público e transformaram em algo que extrapola os padrões, isto é, Futebol e F1 se tornaram o suprassumo do esporte.

      Largar o osso é difícil, ainda mais depois do que esses caras passaram pra elevar o esporte.

      O J.H. saiu de cena depois daquele esquemão todo.
      O Bernie só sai no caixão.

      Loucura e sanidade andam lado a lado pra esses caras, mas quando a primeira se sobressai, é porque está na hora de recolher a louça.

      E pode ter certeza, quando o Bernie (não estou defendendo ele) for dessa pra melhor, a F1 pode até acabar.

      abraço

  4. José Carlos Marcondes de Bueno disse:

    Mattar, gostaria de saber se a Revista Warm-Up morreu mesmo ou se ela será retomada em 2015? Obrigado e mantenha o bom trabalho!

  5. Marchi disse:

    Em partes “mimimi di Montezemolo” em partes verdade. É como se um atleta não pudesse desenvolver sua constituição física durante o intervalos entre as competições. Não tem lógica lacrar tudo depois da pré-temporada e vença quem começou bem.
    Salvem os tokens que são poucos!

  6. Razor disse:

    Agora com mais tempo… muita gente (inclusive o Mattar neste texto) põe a culpa da situação da F-1 nas costas do Bernie Ecclestone.
    Isto é um erro.
    Tio Bernie não tem nada com isso.

    Se os carros têm essas traquitanas esquisitas por motor, se a aerodinâmica é assim ou assado, se os motores foram parcialmente congelados de um ano para o outro, se os pilotos sequer podem trocar o desenho dos capacetes e os projetistas têm um livro grosso como uma lista telefônica dizendo como desenhar o carro, KERS, ERS, DRS…isto é tudo ação da FIA.
    Sequer a parte esportiva passa pelo crivo de Ecclestone.

    Bernie só cuida da parte comercial da F-1. Ele só trata da grana. Tevê, direitos de imagem, propaganda na pista, paddock club…podem reclamar com ele.

    Mas toda a parte que diz respeito ao esporte é de responsabilidade da FIA do Jean Todt.
    Do Charlie Whiting.
    E principalmente DOS CONSTRUTORES. São eles quem aprovam ou não os regulamentos. Foram eles quem impediram de ter três carros no grid, por exemplo.

    Quanto ao choro da Red Bull, é de um cinismo, de uma arrogância, enormes.
    Coisa bem Helmuth Marko. É a cara dele!
    Querem ir embora? Auf wiedersehen! Não farão falta!

  7. Bruz disse:

    Velho, Vc lembra do Difusor Duplo, dos escapamentos soprados, Do fundo com “buracos deslizantes, Dos Mapeamentos do Motor, Do bico Flexivel que não era Flexivel??? Lembra? Tudo isso era inovações feitas em base a trabalho e engenho dos aerodinamicistas. Tudo foi capado na base de que a superioridade não era bom pro espetaculo porque não era justa a competição.
    Pois é, e gora que? Quem quer ver dois caras passeando na frente todo o ano. Provavelmente Sepang seja a última corrida que eu veja em muito tempo. De ganhar Hamilton de novo na base de poupar combustivel, freios, e motor. Foda-se. não perco mais tempo vendo isso.
    Horner e Marko tem razão. Se não cancelarem toda a porcariada de Tokens, Fluxometros e escalimetros, e deixarem desenvolver o motor libremente. não valerá a pena gastar dinheiro apenas para que a Mercedes se promocione e a marca das bebidas energéticas fique arranhada com isso.
    Que o ultimo apague a Luz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>