MENU

6 de março de 2015 - 15:24Automobilismo Nacional, Fórmula Indy

Nada de Brasília na Stock

RIO DE JANEIRO – Para nenhuma surpresa, a Stock Car anunciou que não fará a corrida prevista para o próximo dia 26 de abril em Brasília. Não há condição da capital do país receber o evento e a etapa foi transferida para o Velopark em Nova Santa Rita, no Rio Grande do Sul.

Por mais que a Vicar acreditasse ser possível fazer seus eventos no circuito, o governo de Rodrigo Rollemberg já deixou claro que não há nenhuma condição financeira de se finalizar a reforma no Autódromo Nelson Piquet, já que o antecessor Agnelo Queiroz deixou o Distrito Federal com uma mão na frente e outra atrás. A CBA teria dito através de comunicado que haveria uma verba disponível para o complemento das reformas, mas o próprio governo desmentiu o assunto.

Aliás, por falar em Brasília, ontem a Bandeirantes pôs no ar uma matéria de 10 minutos num de seus telejornais sobre o imbróglio envolvendo o cancelamento da corrida prevista para 8 de março, mais conhecido como este domingo. A emissora paulista promete acionar o governo do DF por danos materiais e morais.

Vai feder essa história… e o automobilismo brasileiro vai perder o Autódromo de Brasília. Querem apostar?

7 comentários

  1. Fernando Garcia disse:

    Uma pena! Passei ao lado do autódromo ontem e ele já parece coisa do passado. Guardo boas lembranças de quando ia assistir às corridas com meu pai. Ano passado fomos ver a stock depois de muito tempo sem ir ver corridas no autódromo e foi muito bom. Uma pena mesmo!

  2. chefe escoteiro carlos moura disse:

    Gozado, parece apenas coincidência, mas este e o segundo lugar onde foi construido um estádio para a copa e perde um autódromo. podemos chamar isso de conspiração do marketing futebolístico?? kkkkkk

  3. Robertom disse:

    O Autódromo não será destruído por que é tombado como patrimônio da humanidade , antes da Copa queriam construir hotéis perto do estádio nacional e não conseguiram.
    Ficará inativo por um tempo, porém tenho certeza de que voltará a funcionar.

  4. Fernando Lima disse:

    Em minha opinião a tv Bandeirantes é a maior culpada pelo estado do autódromo, que foi destruído no final do ano passado, após os resultados das eleições, onde o então governador candidato a reeleição sequer foi ao segundo turno, ou seja, já era de conhecimento de todos a situação política e financeira do DF. Então por que insistir numa praça com tantos problemas?
    Não adianta vir com esta conversa de que o governo tinha aceitado as condições e tal…a Bandeirantes é a principal promotora do evento. Além do mais, o GDF cancelou as obras sob respaldo do Ministério Público, que apurou uma série de irregularidades nos valores entre outras coisas.
    Gostaria realmente de ver a Indy, cujas corridas são muito legais sim, nas mãos de outra emissora (que não fosse da Globosat também…), que a tratasse com mais seriedade, mas infelizmente, ainda teremos de sintonizar os canais dos Saad para assistir as corridas.

    • Robertom disse:

      Quem procurou a Band foi o Agnelo, e é lógico que ela toparia um negócio em que quem entraria com o dinheiro seria o Governo do DF.
      Certamente na expectativa de uma mamata faltou avaliar com precisão os riscos envolvidos na operação com o “Estado pré falimentar”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>