MENU

27 de abril de 2015 - 17:13Fórmula 3

Baptista e Piquet dividem vitórias na F3 Brasil

RIO DE JANEIRO - Após um inexplicável hiato de dois meses, a Fórmula 3 Brasil voltou às pistas com a 2ª rodada dupla da temporada no circuito do Velopark, em Nova Santa Rita, no Rio Grande do Sul. O fim de semana teve 16 pilotos inscritos e duas estreias neste ano: Gustavo Bandeira, pela Hitech Racing e o canadense Ryan Verra, que já disputara algumas corridas em 2014, com um Dallara F309 da RR Racing.

Campeão da temporada passada, Pedro Piquet foi absoluto no treino classificatório e fez a pole position, mais de meio segundo abaixo de Matheus Iorio, companheiro de equipe do filho do tricampeão mundial de F1 Nelson Piquet na Cesário Fórmula. Tudo correu bem para Pedrinho na largada, mas logo na segunda volta ele foi ultrapassado sem nenhuma cerimônia pelo 3º colocado no grid, Rodrigo Baptista, da PropCar. Piquet não percebeu nada, mas já vazava algo na traseira de seu Dallara.

Pouco depois, o Safety Car entrou em ação por conta de uma colisão entre Christian Hahn e Pedro Cardoso. E quando a corrida recomeçou, Piquet começou a perder rendimento e posições. Foi ultrapassado por Carlos Cunha e na 11ª volta, seu motor foi para o espaço em meio a uma nuvem de fumaça.

17062069647_8822497bf7_b

No sábado, Rodrigo Baptista venceu a primeira na F3 Brasil (Foto: Duda Bairros/Vicar)

Rodrigo Baptista liderou a partir daí com sobras e sem dificuldade alguma, para conquistar sua primeira vitória na F3 Brasil em seu ano de estreia na categoria. O piloto do carro #13 cruzou a linha de chegada com 1″619 de vantagem para Matheus Iorio, que empreendeu boa recuperação vindo da 5ª posição após uma saída de pista. Artur Fortunato completou o pódio, com Carlos Cunha em quarto. Gustavo Bandeira estreou com um bom 5º posto e Guilherme Samaia, de último no grid, conseguiu a vitória na classe Light e a sexta posição na geral. Na divisão dos Dallara F301, o pódio teve ainda Andreas Visnardi, da RR Racing e Matheus Muniz, da PropCar.

17072843867_4f5ea2e6f8_b

Pedro Piquet ganhou cinco posições após a primeira volta e assumiu a ponta na 20ª, para ganhar a segunda no ano. (Foto: Fábio Davini/Vicar)

Na corrida #2, marcada para domingo no esdrúxulo horário de 8h45 da manhã, péssimo para o público, equipes e pilotos, a pole ficou com Guilherme Samaia, com a inversão do resultado da primeira corrida do fim de semana entre os seis primeiros colocados. Pedro Piquet largou da 14ª posição. E fez uma corrida brilhante de recuperação, passando em nono na primeira volta e chegando à liderança na vigésima passagem. Samaia só liderou as duas primeiras voltas, até ser superado por Carlos Cunha, que largara em terceiro.

O Safety Car trabalhou bastante: foram três entradas ao longo da disputa, sendo a primeira na 23ª volta, em razão de problemas mecânicos no carro de Andreas Visnardi. E depois, em virtude de duas falhas no carro de Matheus Muniz – a última delas na penúltima volta – a corrida terminou em regime de bandeira amarela. Matheus Iorio chegou em 2º lugar e com mais este pódio, mantém a liderança do campeonato com 48 pontos, contra 41 de Rodrigo Baptista e 33 de Pedro Piquet.

Na classe Light, Guilherme Samaia venceu a terceira corrida em quatro já disputadas, disparando na liderança da categoria com 45 pontos. Pedro Cardoso foi o 2º colocado na prova #2 do Velopark e Igor Fraga fechou o pódio. No campeonato, Matheus Muniz é o vice-líder, 19 pontos atrás de Samaia.

Resultado final da corrida #1 no Velopark:

1. #13 Rodrigo Baptista – PropCar Racing – 32 voltas em 31min27s309, média de 139,05 km/h
2. #34 Matheus Iorio – Cesário F3 – a 1s619
3. #28 Artur Fortunato – Fortunato F3 Racing – a 6s342
4. #54 Carlos Cunha – CF3 – a 6s903
5. #23 Gustavo Bandeira – Hitech Racing – a 14s179
6. #77 Guilherme Samaia – Cesário F3 – a 14s606
7. #91 Leonardo de Souza – Kemba Racing – a 15s506
8. #46 Andreas Visnardi – RR Racing – a 3 voltas
9. #84 Fernando Croce – Hitech Racing – a 3 voltas
10. #27 Matheus Muniz – PropCar Racing – a 8 voltas

Resultado final da corrida #2 no Velopark:

1. #1 Pedro Piquet – Cesário F3 – 33 voltas em 30min43s769, média de 146,78 km/h
2. #34 Matheus Iorio – Cesário F3 – a 1s289
3. #54 Carlos Cunha – CF3 – a 1s980
4. #77 Guilherme Samaia – Cesário F3 – a 2s741
5. #43 Pedro Cardoso – Cesário F3 – a 3s679
6. #9 Cristian Hahn – Hitech Racing – a 4s410
7. #13 Rodrigo Baptista – PropCar Racing – a 5s437
8. #55 Igor Fraga – PropCar Racing – a 8s226
9. #3 Ryan Verra -RR Racing – a 1 volta
10. #84 Fernando Croce – Hitech Racing – a 1 volta

Classificação do campeonato após 4 corridas:

Classe A

1. Matheus Iorio – 48 pontos; 2. Rodrigo Baptista – 41; 3. Pedro Piquet – 33; 4. Artur Fortunato – 21; 5. Carlos Cunha – 17; 6. Christian Hahn – 14; 7. Leonardo de Souza – 10; 8. Fernando Croce – 9; 9. Giuliano Raucci – 8; 10. Gustavo Bandeira – 6; 11. Ryan Verra – 3; 12. Nicholas Silva – 2 pontos.

Classe Light

1. Guilherme Samaia – 45 pontos; 2. Matheus Muniz – 26; 3. Pedro Cardoso – 21; 4. Andreas Visnardi – 19; 5. Igor Fraga – 9 pontos.

2 comentários

  1. Fernando Lima disse:

    Há algum canal de tv brasileiro, aberto ou fechado que esteja transmitindo as provas??

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>