MENU

24 de junho de 2015 - 12:09Blancpain GT Series Endurance

66 carros anunciados para as 24h de Spa

timthumb (18)

RIO DE JANEIRO - Mais longa e mais importante corrida do Blancpain Endurance Series, as 24 Horas de Spa-Francorchamps serão disputadas em julho, mais precisamente nos dias 21 e 22. A quarta etapa da série organizada pela SRO de Stéphane Ratel terá um grid ainda maior que o apresentado nas 24h de Le Mans, há alguns dias. Os organizadores receberam nada menos que 66 inscrições para este evento. Por coincidência, a corrida, cuja primeira edição realizou-se em 1924, foi disputada sessenta e seis vezes. A edição de 2015 será a 67ª da história e a corrida é disputada initerruptamente desde 1964, fazendo parte do BES desde 2011.

Lista de inscritos para as 24h de Spa-Francorchamps

A divisão Pro Cup responde pelo maior total de carros entre os participantes. Serão 28 bólidos na pista belga e a Audi, que já venceu as 24h de Nürburgring este ano com a nova geração do R8 LMS, quer tentar o segundo triunfo do modelo – que seria também o quarto da marca de Ingolstadt nas últimas cinco edições do evento belga. A equipe Audi Sport Team WRT, que é da casa e os alemães da Audi Sport Team Phoenix são a grande força do construtor germânico, cada qual com dois novos Audi R8 LMS.

Quem também vem com um exército de carros de respeito é a Bentley. Quatro Continental GT3 de duas equipes – M-Sport e HTP Motorsport – serão vistos em Spa-Francorchamps e outra atração é a estreia do Lamborghini Huracan em provas mais longas. Até aqui, só disputaram provas de 3h e os 1000 km de Paul Ricard, no qual conquistaram a pole position.

Vencedora da 3ª etapa do BES, a Nissan confirmou seu “Godzilla” com o mesmo trio que faturou a prova da frança – Wolfgang Reip/Katsumasa Chiyo/Alex Buncombe, novos líderes do campeonato com 45 pontos, um à frente de Guy Smith/Andy Meyrick/Steven Kane.

Cinco brasileiros vão disputar as 24h de Spa-Francorchamps na Pro Cup: Bruno Senna estará no McLaren 650S GT3 #59 da Von Ryan Racing ao lado de Adrian Quaife-Hobbs e Álvaro Parente. O BMW Team Brasil vai com apenas uma Z4 GT3 (a exemplo do que fizera em Paul Ricard), para Cacá Bueno/Sérgio Jimenez/Felipe Fraga. Augusto Farfus também está anunciado como um dos pilotos da Marc VDS, que vai alinhar duas BMW Z4 GT3. O curitibano vai no carro #45 ao lado do belga Maxime Martin e de mais um piloto a ser anunciado.

A prova de Spa terá também a volta de Alessandro Zanardi às pistas: o piloto italiano de 48 anos vai disputar a prova com uma BMW Z4 GT3 da ROAL Motorsport, time de Roberto Ravaglia e

Na Pro-Am Cup, mesclando pilotos profissionais com outros de graduação inferior (prata ou bronze), o plantel conta com 25 carros. Uma das grandes atrações é a Ferrari #47 da AF Corse, com a participação do atual campeão mundial da LMGTE-PRO, Gianmaria Bruni, confirmada ao lado do compatriota Alessandro Pier Guidi, do tailandês Pasin Lathouras e do belga Stéphane Lemeret. Outro belo reforço é o de Olivier Pla, no time oficial Nissan ao lado de Gaëtan Paletou, Florian Strauss e Ricardo Sánchez.

Duncan Cameron e Matt Griffin chegam a Spa ainda na liderança do campeonato nesta subclasse do BES, mas com pouquíssima vantagem – um ponto apenas – para Michael Broniszewski/Alessandro Bonacini/Michael Lyons, que venceram os 1000 km de Paul Ricard na categoria.

A divisão Am Cup responde pelos 13 carros restantes na 4ª etapa do campeonato e são os pilotos desta classe que podem provocar os momentos de maior perigo e risco durante a disputa. Basta lembrar que no ano passado tivemos um festival de porradas e na mais grave delas, o piloto Markus Mahy acabou hospitalizado.

Com duas vitórias nas três primeiras etapas, Rino Mastronardi/Andrey Birzhin/Fabio Mancini somam 66 pontos, contra 44 de Olivier Grotz/Karim Ojjeh e 33 do ex-goleiro da seleção francesa Fabién Barthez e seu companheiro de AKKA-ASP, Anthony Pons.

A pontuação para as 24h de Spa é diferenciada das demais provas do campeonato. Há uma classificação para os nove primeiros na 6ª hora e na metade da corrida, para cada categoria, a saber: 12-9-7-6-5-4-3-2-1. E ao final, a pontuação é a mesma das demais provas de 3h de duração, com 25 pontos aferidos ao vencedor. Ou seja: quem estiver à frente nos três momentos (6h, 12h e 24h), pode somar um máximo de 49 pontos no evento.

3 comentários

  1. Marco Barral disse:

    Queria ver algum Ford Gt nessa …….

  2. GUSTAVO RANGEL disse:

    Essa categoria é muito interessante. Gostaria de ver uma corrida em le mans, mesmo que não fosse de 24 horas, só com esses carros. Pros caras não terem que ficar toda hora tirando pé, mudando traçado, pra deixar os LMP passarem. Ia ser interessante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>