MENU

29 de janeiro de 2016 - 15:12IMSA

DeltaWing faz melhor tempo do último treino livre

Deltawing-Rolex-24-Free-4

Katherine Legge foi a mais veloz da última sessão de treinos livres das 24h de Daytona com o DeltaWing

RIO DE JANEIRO - Sem ter andado em nenhum dos treinos livres anteriores à qualificação de quinta-feira que definiu o grid para as 24h de Daytona, o DeltaWing DWC13 foi o carro mais rápido da última sessão extra-oficial – a primeira com sol neste fim de semana, trazendo otimismo para a corrida que larga às 17h40 de Brasília. A britânica Katherine Legge cravou a melhor volta em 1’38″590, 0″291 abaixo da marca de Olivier Pla, segundo mais rápido a bordo do Ligier JS P2 HPD da Michael Shank Racing.

Pole position, o BR01 Nissan da SMP Racing sequer conseguiu marcar tempo: o carro enfrentou uma falha mecânica com o piloto russo Kirill Ladygin a bordo e, mesmo que o motor seja trocado, os conterrâneos de Vladimir Putin não perdem a posição de honra, já que de acordo com o regulamento, as punições de fim de grid por troca de motor são válidas somente para as provas com duração de 6h ou menos. Já a Tequila Patrón ESM, que divide a primeira fila do grid com os russos, andou hoje e ficou em terceiro, com Johannes Van Overbeek registrando a melhor volta do carro em 1’39″745, com um dos Mazda SDR-14 em quarto. O melhor DP foi o #10 da Wayne Taylor Racing, quinto colocado nas mãos do experiente Max Angelelli – 1’40″557, seguido do carro #5 da Action Express Racing, atual bicampeã da categoria.

Na divisão Prototype Challenge, o britânico Tom Kimber-Smith fez a melhor volta do último dia de treinos, com o #52 da PR1/Mathiasen Motorsports – que a exemplo do DeltaWing sequer participou da sessão classificatória. O tempo de 1’43″283 foi meio segundo mais rápido que o do novato Kenton Koch, campeão da série Cooper IMSA Prototype Lites. Outro britânico, Martin Plowman, foi o terceiro mais veloz com o #54 da CORE Autosport e Renger Van der Zande foi o quarto.

25-BWW-Rolex-24-Free-4

1-2 da BMW na última sessão entre os GTLM, com Bill Auberlen à frente do pelotão

A BMW fez 1-2 na classe GTLM, com suas novas M6: Bill Auberlen foi o único a baixar de 1’45″ ao marcar 1’44″966, enquanto Lucas Luhr foi o segundo com 1’45″199. Alessandro Pier Guidi colocou a Ferrari #68 da Scuderia Corsa como o terceiro carro mais rápido da sessão, seguido pelo Porsche de Earl Bamber e da Ferrari de Gianmaria Bruni – que foi consertada após o acidente no treino oficial em que o carro bateu e teve o aerofólio traseiro arrancado no impacto.

Entre os GTD, o alemão Jörg Bergmeister, da Park Place Racing, foi o mais rápido no novo Porsche 911 GT3-R, cravando 1’47″594, enquanto dois Lamborghini Huracán GT3 vieram a seguir, com Mirko Bortolotti (Paul Miller Racing) em segundo e Townsend Bell (O’Gara Motorsport) na terceira posição. O carro da Change Racing participou desta última sessão após os mecânicos vararem a noite consertando o bólido. O carro deu 12 voltas e fez o 51º tempo geral – antepenúltimo na categoria e penúltimo entre os que andaram, já que o #33 da Riley Technologies não saiu à pista para marcar tempo.

O Fox Sports 2 tramsmite as 24h de Daytona neste sábado e domingo. A primeira janela de transmissão será entre 17h e 21h, voltando no domingo a partir das 15h para a quadriculada e pódio, até 18h de Brasília. A corrida também poderá ser assistida através do Fox Play. No intervalo entre as duas janelas de vivo, o site oficial da IMSA terá imagens via live streaming.

3 comentários

  1. Marcio disse:

    fiquei até arrepiado com o tamanho das janelas do Fox Sports 2, parece até as transmissões que tinha no Speed. Estou muito feliz.

  2. Alex disse:

    Aquilo é um carro ou um avião?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>