MENU

16 de setembro de 2016 - 00:52Mundial de Endurance

6h de Austin, treinos livres: Audi faz os melhores tempos da quinta-feira

M

Loïc Duval foi o mais rápido da quinta-feira que abriu as atividades de pista das 6h de Austin, no Circuito das Américas, durante o treino noturno (Foto: AdrenalMedia.com)

RIO DE JANEIRO - Estão abertos os trabalhos para a disputa da 6ª etapa do Campeonato Mundial de Endurance (FIA WEC), que acontece neste sábado, com largada no fim da tarde e chegada à noite. A Lone Star Le Mans começou com os primeiros treinos livres, para os acertos iniciais das equipes. E o calor foi o principal obstáculo para os pilotos das quatro categorias do campeonato. Mesmo à noite, já no escuro, a temperatura foi bastante alta – mais de 30ºC antes do início da sessão que durou 1h30.

E as duas sessões de hoje foram inteiramente dominadas pela Audi. Na parte da tarde, quando os 31 carros inscritos foram para a pista do Circuito das Américas pela primeira vez, Oliver Jarvis cravou o melhor tempo com o carro #8, no último instante: o piloto britânico cravou 1’48″453 e foi 0″047 mais rápido que Neel Jani a bordo do Porsche #2 dos líderes do campeonato até esta etapa. Andre Lotterer foi o 3º mais rápido, a 0″436 da marca do colega de equipe dos quatrargólicos.

À noite, com o asfalto menos quente, Loïc Duval estabeleceu o melhor tempo do dia – 1’47″235, apenas 0″095 melhor que Lotterer. E à exceção de Bénoit Tréluyer, todos os pilotos da Audi viraram abaixo de 1’48″ no treino noturno. Parece que o francês está claramente fora de ritmo após o tombo de mountain bike que o tirou das provas de Nürburgring e do México, há duas semanas.

Brendon Hartley foi o único piloto da Porsche que conseguiu rodar no mesmo segundo dos Audi no FP2: o neozelandês fez o 3º melhor tempo da sessão, com Neel Jani melhorando quase quatro décimos em relação ao primeiro treino, porém caindo para quarto. A Toyota ficou a mais de dois segundos das adversárias: Mike Conway fez 1’49″361 e Kazuki Nakajima rodou em 1’49″748.

A ByKolles superou a Rebellion nesta quinta-feira: o #4 de Simon Trummer e Oliver Webb marcou 1’54″361, apenas 0″118 melhor que o #13 da Rebellion Racing guiado por Alexandre Imperatori em sua melhor volta do dia.

M

Gustavo Menezes cravou o melhor tempo da LMP2 com o Alpine da Signatech (Foto: AdrenalMedia.com)

Na LMP2, Gustavo Menezes deu as cartas com o Alpine #36 da Signatech. O piloto foi o mais rápido após os dois treinos livres, rodando em 1’56″318. Bruno Senna andou muito bem no treino noturno e foi o 2º mais rápido com o Ligier #43 da RGR Sport by Morand, vencedor das 6h do México em sua categoria. O brasileiro marcou 1’56″534 e foi três décimos mais rápido que o companheiro de equipe Filipe Albuquerque. Alex Brundle fez a terceira marca com o Oreca 05 Nissan da G-Drive Racing e Nelson Panciatici foi o melhor piloto do segundo Alpine na pista.

Pipo Derani fez sua melhor marca no treino da manhã: o brasileiro da Tequila Patrón ESM rodou em 1’58″753, mas desta vez o mais rápido do carro #31 foi Ryan Dalziel, que cravou 1’58″020 e foi o sétimo mais rápido da quinta-feira.

Entre os pilotos da LMGTE-PRO, Stefan Mücke colocou o Ford GT da Chip Ganassi Racing na ponta da classificação. O alemão do carro #66 fez 2’04″714 – único a virar abaixo de 2’05″ em sua categoria. Nicki Thiim colocou o Aston Martin #95 em 2º lugar: o carro do construtor britânico sofreu restrições do BoP após a vitória dominante nas 6h do México. Gianmaria Bruni fez o terceiro tempo com a Ferrari #51 da AF Corse, seguido pelo Ford #67 de Andy Priaulx.

O brasileiro Fernando Rees regressou ao Mundial com o Aston Martin #97 que dividirá com Darren Turner. Mesmo completando apenas nove voltas, ele fez a 5ª melhor marca da classe, com 2’05″801, seis décimos melhor que o britânico.

Na divisão LMGTE-AM, o português Pedro Lamy foi o mais rápido da quinta-feira – 2’06″092 com o Aston Martin #98. O segundo melhor da categoria foi o estadunidense Ricky Taylor, com o tempo estabelecido na sessão vespertina a bordo do Corvette C7-R da Larbre Competition. Aliás, a equipe francesa promove a estreia de mais um novo piloto no WEC: Lars Viljoen fará a prova de Austin no lugar de Yutaka Yamagishi. Ben Barker foi o terceiro mais veloz da sessão a bordo do Porsche 991 RSR da Gulf Racing UK.

Nesta sexta-feira, será disputado o 3º e último treino livre às 12h30 de Brasília, com duração de 60 minutos. O treino oficial que definirá o grid de largada para as 6h de Austin começa às 17h45 locais (19h45 de Brasília), com as classes LMGTE-PRO e LMGTE-AM. Na sequência, entram na pista os Esporte-Protótipos das classes LMP1 e LMP2.

2 comentários

  1. Marcelo disse:

    A FOX vai transmitir a prova ao vivo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>