MENU

22 de março de 2017 - 11:16Rali Dakar

Peru volta ao percurso do Rali Dakar

Dakar 2018 Rota

RIO DE JANEIRO - Ainda não é desta vez que o Chile está de volta ao roteiro do Rali Dakar, que em 2018 realiza sua 40ª edição – considerando que em 2008 o evento não foi realizado, apesar de ter sido organizado e promovido pelo ASO – será a décima vez que a maior aventura off-road do planeta passará pelo território sul-americano.

Mas se os chilenos não conseguiram se recompor depois das tormentas que tiveram efeito avassalador naquele país, os peruanos celebram a volta do Dakar após dois anos de ausência. Passado o efeito climático “El Niño”, o país recebe a abertura do evento no próximo dia 6 de janeiro, na capital Lima – o que foi confirmado hoje em conferência de imprensa por Etienne Lavigne, organizador do Rali.

O Rali terá como destaque a passagem por regiões desérticas da Costa Pacífica da América do Sul e também da Cordilheira dos Andes, pois além do Peru, a Bolívia continua na rota e além de Lima, La Paz será a outra capital visitada. É no altiplano, a quase 4 mil metros acima do nível do mar, que teremos o chamado “Rest Day” no dia 12 e a posterior descida para o território argentino. O 40º Rali Dakar terminará em Córdoba, numa região na qual Sébastien Loeb tem as melhores lembranças. A reboque desta mudança, o Paraguai, que iniciou o evento em 2017, está fora do roteiro.

Outra preocupação do ASO foi com o clima: neste ano, foram anulados 1.495 km de trechos cronometrados – 30% do total previsto. Foram anuladas duas etapas (a sexta e a nona, chamada “Super Belén”) e mais três acabaram com seus percursos reduzidos por conta do mau tempo. Isso fez com que a organização determinasse uma nova data para o Dakar em 2018.

O percurso oficial será divulgado em novembro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>