MENU

14 de junho de 2017 - 22:5524 Horas de Le Mans

24 Horas de Le Mans: Toyota faz 1-2 e leva a pole provisória na quarta-feira

7-Toyota-le-mans-2017-qual1

A Toyota levou a pole provisória nesta quarta-feira com uma boa volta do japonês Kamui Kobayashi (Foto; Dailysportscar.com)

RIO DE JANEIRO - Valeu como ensaio para o que vem aí amanhã: o primeiro treino classificatório para a 85ª edição das 24 Horas de Le Mans acabou sendo realizado com 20 minutos a menos de pista por conta de um incidente no treino livre do Road To Le Mans, uma das preliminares do evento principal. Para não atrasar o cronograma e não trazer problemas para ninguém, a organização resolveu suprimir o tempo, deixando assim equipes e pilotos com menos chances de encaixar voltas voadoras e decisivas.

Além do tráfego ser um fator crucial – como sempre – o calor também ajudou (dependendo do ponto de vista) a tornar a tarefa da conquista da pole position um tanto quanto difícil. Os carros tendem a ser mais sensíveis com melhor pressão aerodinâmica e com temperatura ambiente superior a 30ºC durante o dia, não foi isso que se verificou.

Resultado do Q1 das 24 Horas de Le Mans AQUI

Mas mesmo assim a Toyota conseguiu dar as cartas. Fez 1-2 no Q1, com Kamui Kobayashi registrando a melhor volta do treino em 3’18″793, quando o cronômetro marcava apenas 20 minutos de sessão. Para mostrar que os japoneses não estão literalmente para brincadeira, o 2º melhor tempo foi de Kazuki Nakajima, marcando 3’19″431 no carro #8.

2-Porsche-le-mans-2017-qual1

A Porsche chegou a assustar com Timo Bernhard, que fez um bom tempo a bordo do carro #2. Mas os alemães tiveram que se contentar com o 3º posto no primeiro treino classificatório (Foto: Dailysportscar.com)

Timo Bernhard até assustou a turma dos Corollões quando marcou 3’19″710, uma bela volta, com seu Porsche 919 Hybrid #2. Pareceu que os Fuscões tinham mesmo escondido o jogo no Journée Test. Mas ficou no ar a dúvida se é tudo isso que a turma de Weissach tem a oferecer ou se eles ainda vão dar trabalho ao pessoal de Colônia.

Depois, não houve mais ninguém dentro do mesmo segundo: Nicolas Lapierre fez 3’19″958 com o terceiro Toyota Hybrid e Neel Jani não conseguiu em momento algum rodar abaixo de 3’20″. O austríaco Dominik Kraihamer conseguiu a bordo do ByKolles o tempo de 3’28″887, 6ª marca geral.

Na LMP2, a situação foi bem mais movimentada. Vários carros se revezaram no comando da folha de tempos e a Manor chegou a fazer 1-2 com seus ex-pilotos de Fórmula 1 Jean-Éric Vergne e Vitaly Petrov (e vice-versa). Mas no fim do treino, a TDS Racing conquistou a pole provisória num excelente trabalho do jovem francês Matthieu Vaxivière.

19182106_10154793205729397_789929939_o

Matthieu Vaxivière conseguiu uma volta quase perfeita com o carro da TDS Racing e fez o melhor tempo entre os LMP2 (Foto; Bruno Vandevelde/Endurance-Info.com)

Ele conseguiu saltar do 14º tempo para o primeiro na categoria, marcando 3’29″333 e superando o brasileiro Bruno Senna – que pouco tempo antes do rival marcara a pole provisória, com 3’29″851. Os dois – e mais oito carros – superaram o antigo recorde da LMP2 para a atual configuração da pista, cortesia de Jos Verstappen na edição de 2008, quando o pai do Max Verstappen fez os 13,629 km da pista em 3’32″301.

A Manor acabou ficando mesmo com a 3ª e 4ª colocações, seguida pela Jackie Chan DC Racing com o carro #38 guiado por Ho-Pin Tung. A Signatech Alpine veio na sequência e o carro #35, que terá a bordo o brasileiro André Negrão, ficou em sétimo. Nelson Panciatici foi o autor da melhor volta na sessão oficial em 3’31″439.

JM1_7487

Oitavo tempo para Nelsinho Piquet e parceiros no primeiro treino das 24 Horas de Le Mans na LMP2 (Foto: José Mário Dias/Piquet Sports)

Nelsinho Piquet não fez o melhor tempo do #13 da Vaillante Rebellion: a primazia coube a Mathias Beche. O suíço marcou 3’31″636 e o carro do time anglo-helvético ficou em oitavo na classe, 14º tempo na geral.

Em sua estreia nas 24 Horas de Le Mans, Rubens Barrichello já conseguiu um feito digno de registro: foi o mais rápido entre os intrusos da divisão numa alcateia de protótipos Oreca 07 LMP2. Com o Dallara #29 da equipe Racing Team Nederland, o veterano brasileiro conquistou a 13ª posição no primeiro treino, com o tempo de 3’33″796. Além de ser o melhor entre os “não-Oreca”, Rubinho superou todos os Ligier, o Riley da Keating Racing, os outros dois Dallara – que tiveram muitos problemas nos treinos – e até outros dois Oreca (o #21 da DragonSpeed e o #37 da Jackie Chan DC Racing). Nada mal!

19181819_10154793205749397_1824000384_o

O Aston Martin #95 fez o melhor tempo do Q1 com Nicki Thiim a bordo (Foto: Bruno Vandevelde/Endurance-Info.com)

A Aston Martin dominou o treino classificatório nas duas categorias de Grã-Turismo do evento: na LMGTE-PRO, o dinamarquês Nicki Thiim tratou logo de impor seu ritmo e marcou 3’52″117, 0″118 mais rápido que o britânico Sam Bird a bordo da Ferrari #71 da AF Corse. No outro carro da equipe italiana, que teria a bordo o brasileiro Lucas Di Grassi, James Calado ficou com a terceira colocação.

Darren Turner fez o tempo de 3’53″296 e deixou o Aston Martin do estreante Daniel Serra na 4ª posição do treino, logo à frente do Ford GT EcoBoost de Pipo Derani, em que Andy Priaulx marcou 3’54″118. Tony Kanaan fez o melhor tempo do #68 em 3’55″059, mas não foi além da 10ª posição, já que a Ferrari #82 da Risi Competizione teve seus tempos excluídos e a trinca Toni Vilander/Giancarlo Fisichella/Pierre Kaffer terá que correr atrás do prejuízo nesta quinta-feira.

19181788_10154793205744397_1045711188_o

Pedro Lamy, como de costume, foi o mais veloz no primeiro treino entre os pilotos da LMGTE-AM (Foto: Bruno Vandevelde/Endurance-Info.com)

Na subclasse LMGTE-AM, o show foi do português Pedro Lamy, que fez o tempo de 3’55″134, meio segundo abaixo do italiano Matteo Cairoli a bordo do Porsche 911 RSR (991) da Dempsey Racing-Proton. O novato Euan Hankey fez um sólido treino a bordo do #90 da TF Sport e colocou mais um Aston Martin na linha de frente.

Andrea Bertolini foi o quarto mais rápido com a melhor Ferrari 488 GTE da divisão e o brasileiro Fernando Rees, com uma boa volta em 3’56″259, conquistou o quinto melhor tempo da categoria.

Nesta quinta-feira, os pilotos voltam ao circuito de Sarthe para mais dois treinos, sendo o primeiro a partir de 14h de Brasília e o derradeiro e decisivo às 17h. O Fox Sports 2 transmite o Q2 na íntegra comigo e com o Felipe Motta. O Q3 terá a transmissão iniciada após o futebol.

1 comentário

  1. Antonio Seabra disse:

    Rodrigo,

    Show a transmissão, imagens fantásticas apresentadas pela geração local, e excelentes locução e comentários, sempre “em cima da marca”, onde voce e o locutor demonstraram grande conhecimento da categoria, equipes, carros e pilotos.
    Vim mais cedo do escritório para casa para assistir !!! Valeu a pena
    .
    Abraços

    Antonio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>