MENU

17 de dezembro de 2017 - 10:12Automobilismo Internacional, Endurance

Kessel Racing é tri das 12h de Abu Dhabi

MOTORSPORT : GULF 12 HOURS - YAS MARINA CIRCUIT (ARE) 2017/12/14-16

Mais uma para a conta da Kessel Racing: equipe suíça venceu pelo terceiro ano seguido as 12h de Abu Dhabi

RIO DE JANEIRO - Mais uma festa suíça na sétima edição das 12 Horas de Abu Dhabi: a corrida disputada neste sábado no circuito de Yas Marina acabou com o terceiro triunfo consecutivo da Kessel Racing – cortesia dos pilotos a bordo do carro #11: Michael Broniszewski, Miguel Molina e Davide Rigon foram os protagonistas de mais uma conquista do time liderado por Ronnie Kessel, que dominou a disputa praticamente do início ao fim.

A equipe completou ao todo 302 voltas na corrida que é dividida em duas metades de seis horas – sendo que a primeira foi mais curta em razão de um acidente com o protótipo Ligier JS P3 número #1 da Graff Racing, em que o piloto britânico James Winslow precisou ser hospitalizado para exames mais detalhados. A direção de prova mandou o Safety Car para a pista, enquanto as barreiras de proteção eram consertadas.

Na segunda parte, Broniszewski/Rigon/Molina deram 12 giros a mais que na primeira, completando a prova com 55″737 de vantagem para outra Ferrari 488 GT3, inscrita pela Rinaldi Racing para Marco Seefried/Norbert Siedler/Rinat Salikhov. Este carro foi uma das surpresas da disputa, pois recuperou-se muito bem de um grid apenas razoável para chegar em 2º lugar na primeira metade e manter a posição na segunda. Só não chegaram mais próximos dos vencedores porque enfrentaram um furo de pneu.

Os franceses da Ultimate Racing ficaram com o 3º lugar geral e a vitória entre os protótipos LMP3. François Hériau/Jean-Baptiste Lahaye/Mathieu Lahaye também concluíram a disputa com as mesmas 302 voltas dos vencedores, mas a 1’37″812 no cronômetro, em razão de problemas de câmbio.

Construídos para correr com pneus Michelin, os LMP3 sofreram um pouco pelo fato de serem usados nas 12h de Abu Dhabi os pneus da italiana Pirelli. E logo depois da Ultimate, vieram dois dos três carros inscritos pela United Autosports, com o #6 da Graff Racing em sexto. Com Josh Burdon a bordo, esse carro saiu com a melhor volta da disputa em 2’06″422.

Na divisão GT Pro-Am, a Kessel Racing conseguiu outro triunfo, graças ao 7º lugar geral de Claudio Schiavoni/Andrea Piccini/Sergio Pianezzola. A trinca cruzou com apenas 12″712 de vantagem para o Aston Martin da Oman Racing/TF Sport, segundo da subdivisão.

O Lamborghini Huracán Super Trofeo da Target Racing, com o numeral #46, venceu na classe GTX1, chegando em décimo-quarto. Era o carro que tinha a bordo o holandês Jan Lammers, aquele mesmo que disputou Fórmula 1, 24 Horas de Le Mans e Rali Dakar. A Dragon Racing, sem concorrência alguma, triunfou na GT Gentlemen com sua Ferrari 458 GT3. E os argentinos Esteban Gini/Norberto Fontana/Lucas Colombo Russell confirmaram o favoritismo prévio e levaram na GTX2, com o Porsche da MRS-GT Racing.

Por fim, a Generation AMR SuperRacing não teve dificuldades para ganhar na subclasse GTX3, uma vez que o Maserati Granturismo MC da Scuderia Villorba Corse perdeu terreno ao longo da disputa e ficou onze voltas atrás.

O índice técnico das 12h de Abu Dhabi foi muito bom: apenas o carro #1 da Graff Racing e o Porsche da Slidesports não terminaram a corrida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>