MENU

8 de janeiro de 2018 - 15:37Rali Dakar

Dakar 2018: Casale emplaca terceira seguida nos Quads e Medeiros avança

Mjg1MS5qJANIB3VjTV4-DBBBYyRFEikESUEhfEYWEhkXVC46VB05DwZCKCFqGWJfBgR-MlFFdQ5RAXlrBC5-XVQJf2sAQGMAF1Y=

Sobrando na turma: Ignácio Casale vence mais outra e dispara na liderança do Rali Dakar na classe dos Quadriciclos

RIO DE JANEIRO - Cem por cento de aproveitamento – até aqui – para o chileno Ignácio Casale neste Rali Dakar: o piloto sul-americano faturou hoje mais uma especial na classe dos Quadriciclos. A etapa de Pisco até San Juan de Marcona, com 296 km cronometrados, foi inteiramente dominada pelo campeão da prova em 2014. Sem nenhum problema, ao contrário da maioria dos motociclistas, Casale terminou a etapa de hoje em 3h58min08seg.

Com o resultado, ele consolidou e ampliou sua liderança na classificação geral, já que o atual campeão Sergey Karyakin se atrasou e perdeu meia hora, terminando a etapa de hoje em 9º lugar.Em contrapartida, a torcida peruana não teve do que se queixar: Alexis Hernández fez um ótimo resultado – chegou em segundo na especia, a quase nove minutos de Casale.

O dia do brasileiro Marcelo Medeiros foi bom: o maranhense chegou em quarto lugar na etapa, com o tempo de 4h13min07seg. Porém, com uma penalização de duas horas recebida no início da competição, ele ainda está muito atrás na geral – ocupa extra-oficialmente a 21ª posição.

Pablo Copetti foi 3º na etapa desta segunda-feira e segue na mesma posição na geral, porém muito mais próximo de Karyakin. Com os problemas do piloto russo, a diferença entre eles é de 30 segundos no cômputo das três etapas. Hernández é o quarto na geral e Gustavo Gallego vem em quinto.

Com sete sul-americanos no top 10, os únicos europeus que brigam por enquanto na linha de frente são Karyakin, o polonês Rafal Sonik (6º colocado) e o francês Axel Dutrie, que alcançou a décima colocação. O holandês Kees Koolen vinha bem no top 10 após as duas primeiras especiais, mas também se atrasou e desceu para a 13ª posição.

Classificação da etapa #3:
Pisco-San Juan de Marcona
296 km cronometrados – 504 km de percurso

1. #241 Ignácio Casale (Yamaha) – 3h58min08seg
2. #248 Alexis Hernández (Yamaha) – a 8min55seg
3. #242 Pablo Copetti (Yamaha) – a 14min52seg
4. #282 Marcelo Medeiros (Yamaha) – a 14min59seg
5. #255 Gustavo Gallego (Yamaha) – a 17min43seg
6. #246 Jeremías González Ferioli (Yamaha) – a 18min44seg
7. #278 Giovanni Enrico (Yamaha) – a 20min19seg
8. #243 Rafal Sonik (Yamaha) – a 20min30seg
9. #240 Sergey Karyakin (Yamaha) – a 24min30seg
10. #249 Nicolás Cavigliasso (Yamaha) – a 29min30seg

Classificação geral extra-oficial:

1. Ignácio Casale – 8h03min25seg
2. Sergey Karyakin – a 26min13seg
3. Pablo Copetti – a 26min43seg
4. Alexis Hernández – a 28min13seg
5. Gustavo Gallego – a 36min58seg
6. Rafal Sonik – a 36min20seg
7. Jeremías González Ferioli – a 40min24seg
8. Nicolás Cavigliasso – a 44min41seg
9. Gastón González – a 50min40seg
10. Axel Dutrie – a 1h18min22seg (incluindo + 10min de penalização)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>