MENU

4 de fevereiro de 2018 - 12:01Asian Le Mans Series

Jackie Chan DCR Jota leva o título do Asian Le Mans Series em Sepang

RW4_1270_preview-e1517749932906

A Jackie Chan DCR Jota “passou o rodo” no AsLMS e levou os títulos na LMP2 e LMP3, para conquistar duas vagas diretas às 24h de Le Mans de 2018

RIO DE JANEIRO - Definidos os campeões da temporada 2017/18 do Asian Le Mans Series (AsLMS), numa última etapa sem surpresas: a Jackie Chan DCR Jota levou os títulos das duas categorias de Protótipos em disputa na série asiática, durante as 4h de Sepang, última etapa do campeonato.

A trinca formada por Harrison Newey/Thomas Laurent/Stéphane Richelmi completou 117 voltas no total, para levar os 25 pontos e o título entre os pilotos da LMP2, com pouco mais de um minuto de vantagem para Anthony Liu Xu/Davide Rizzo/Pipo Derani. A trinca da BBT (equipe que deve pleitear uma vaga na LMP2 para as 24h de Le Mans) ficou com o vice, enquanto o #33 da Eurasia conquistou o último lugar do pódio com Jake Parsons/Nabil Jeffri/Marko Asmer, após partir da pole position.

O time de Jackie Chan e David Cheng, associada à escuderia britãnica Jota Sport, levou também o título da LMP3: o carro #18 da KCMG que começou a disputa na Malásia como líder do campeonato, perdeu a chance de conquistar a vaga direta para Sarthe na LMP2 em razão de uma falha que tirou a trinca Josh Burdon/Louis Prette/Neric Wei da disputa.

Eles completaram uma volta a menos que Guy Cosmo/Patrick Byrne/Gabriel Aubry e mesmo assim não foram classificados – o que não fez muita diferença, pois Cosmo e Byrne deram o título ao carro #6, garantindo assim a segunda vaga automática para o time de bandeira chinesa em Sarthe.

Entre os Grã-Turismo, o FIST Team AAI não teve adversários, já que a TianShi abandonou a disputa com seu Audi e a BMW de Jesse Krohn/Jun San Chen/Markus Palttala rumou para uma fácil vitória – e para o título, com Krohn e Chen sendo os campeões entre os pilotos. A Ferrari guiada por Ollie Milroy/Bhurit Bhirombhkadi/Sarun Sereethoranakul também terminou a corrida – só que 18 voltas atrás.

Mesmo assim, a equipe de Taiwan terá direito a duas vagas diretas em Le Mans na classe LMGTE-AM, se assim desejar. O ACO deve anunciar, provavelmente amanhã, todas as equipes com convites diretos para a prova deste ano. A lista oficial dos 60 carros titulares será divulgada sexta-feira, na França.

1 comentário

  1. João Ferreira disse:

    É uma categoria que não perde em nada para a sua versão europeia, só acho que podiam correr em mais circuitos.

Deixe uma resposta para João Ferreira Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>