MENU

28 de março de 2018 - 14:52Túnel do Tempo

Direto do túnel do tempo (395)

Sauber-Montoya

RIO DE JANEIRO - Como vocês souberam pelo post anterior, o tio de Juan Pablo Montoya – anunciado hoje pela United Autosports para disputar as 24h de Le Mans deste ano – esteve em Sarthe e terminou entre os 10 primeiros colocados na prova disputada em 1983.

Diego Montoya guiava na série estadunidense IMSA GTO e alinhou no protótipo Sauber C7 da foto, com os estadunidenses Tony Garcia e Albert Naon Júnior. O carro – enquadrado no regulamento do Grupo C – tinha motor BMW 6 cilindros em linha com 3,5 litros de capacidade cúbica e 480 cavalos de potência – capazes de levar o carro a respeitáveis 322 km/h no retão Les Hunaudières.

Entre 51 carros aptos a largar, a trinca conseguiu no treino classificatório o 34º lugar no grid, com o tempo de 3’50″. Diego foi o piloto que deu a largada e já na primeira hora o carro com o numeral #46 despontava na 23ª colocação.

As primeiras paradas mais longas foram para trocas de pastilhas de freio – no início da madrugada – e também do nariz do protótipo. Na 10ª hora, a trinca já se encontrava na nona colocação, eventualmente alcançando o oitavo posto à medida que o tempo avançava.

Porém, houve duas visitas mais demoradas aos boxes. Na primeira, por volta da 16ª hora, perderam 25 minutos. Perto de seis horas antes da quadriculada, com Tony Garcia a bordo, o Sauber precisou voltar à garagem e ficou retido mais 21 minutos.

Após o período crítico, o rendimento do carro se normalizou, a trinca completou 338 voltas e terminou em nono – únicos entre os carros do Grupo C a terminar no top 10 final que não estavam a bordo de um Porsche.

Um belo feito da equipe.

Em tempo: a carreira de Diego Montoya durou pouco. De 1982 a 1986, ele disputou 39 corridas – a maioria nos EUA, venceu três, subiu oito vezes ao pódio com uma pole position e uma volta mais rápida.

Há 35 anos, direto do túnel do tempo.

3 comentários

  1. Luis Felipe Bezerra disse:

    Rodrigo,

    Naquela época já era dominada pelos 956 da Rothmans, não era?

  2. Arthur Luz disse:

    “Diego Montoya disputou 39 corridas – a maioria nos EUA, venceu três, subiu oito vezes ao pódio com uma pole position e uma volta mais rápida”

    Nada mal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>