MENU

7 de abril de 2018 - 10:49Super GT

Super GT: pole para a Real Racing em Okayama

HIR_9632

Koudai Tsukakoshi é o primeiro pole do ano no Super GT, com Jenson Button em quinto no grid e João Paulo de Oliveira em sexto. A corrida é nesta madrugada, com vídeo ao vivo no A Mil Por Hora

RIO DE JANEIRO - Começa neste fim de semana repleto de atrações automobilísticas e motorizadas uma das categorias que mais tenho acompanhado ultimamente: é a 25ª temporada da história do Super GT, que abre seu calendário de oito provas com a disputa da etapa de Okayama, onde as equipes fizeram dois dos treinos de pré-temporada há alguns dias.

Naquela oportunidade, os Lexus foram dominantes, mas na hora do “vamos ver”, deu Honda num traçado molhado pela chuva na hora da definição das posições de largada. A pole position é da Real Racing, com o piloto Koudai Tsukakoshi marcando 1’26″905 com o carro #17 que partilhará com Takashi Kogure. O modelo NSX Concept GT foi muito bem, tanto que a primeira fila terá o carro #8 da ARTA guiado por Tomoki Nojiri/Takuya Izawa.

Estreando na GT500, a equipe B-MAX se valeu da enorme experiência de Satoshi Motoyama para qualificar o melhor Nissan do grid com o 3º melhor tempo, deixando em quarto o Lexus de Kazuya Oshima e do estreante Felix Rosenqvist.

Por falar em estreia, o campeão mundial de Fórmula 1 em 2009 começa bem sua campanha como piloto da equipe Kunimitsu: Jenson Button alcançou a quinta posição e abre a terceira fila do grid com a marca de 1’27″985. O brasileiro João Paulo de Oliveira ficou com a 6ª posição a bordo do #24 da Kondo Racing, mas cabe observar que no Q1 o melhor tempo foi de seu companheiro de equipe, Mitsunori Takaboshi, na pista ainda seca…

Os campeões do ano passado – Ryo Hirakawa e Nick Cassidy – não avançaram para o Q2. Ficaram com o tempo da primeira sessão de qualificação e vão largar de nono entre os 15 carros da GT500. A parceria Heikki Kövalainen/Kamui Kobayashi também não esteve bem no treino oficial e eles ficaram com o 15º posto.

9315_HIR_9770

A pole da GT300 ficou com o estreante italiano Marco Mapelli

Na GT300, o italiano Marco Mapelli aproveitou as condições adversas para marcar a pole em sua estreia na categoria. O piloto da equipe MonePa Lamborghini fez 1’33″925 e superou o japonês Ryuchiro Tomita, que marcou 1’34″082 com seu Audi R8 LMS.

Nove modelos diferentes de carros ficaram no top 10, com destaque para o 3º posto do Nissan da Gainer, seguido da Mercedes alinhada pela equipe Leon Cvstos, do “Mother Chassis” da Hoppy Tsuchiya Racing, do Lexus da K-Tunes, do Toyota Prius (único modelo com sistema híbrido do Grã-Turismo mundial), a BMW M6 da ARTA e o Subaru BRZ. Outro “Mother Chassis”, carro construído pela Dome, que ficou entre os dez mais rápidos, foi o Toyota da Upgarage Bandoh.

Com 29 carros na GT300 e mais da metade ficando pelo caminho no Q1, não foi surpresa que os novos Honda NSX-GT3 não conseguissem lugares de destaque. A tripulação da Car Guy ainda salvou a 11ª colocação do grid, contra o 15º posto do bólido da Drago Corse – que ficou fora do Q2, assim como a Mercedes-AMG dos campeões Nobuteru Taniguchi/Tatsuya Kataoka. A dupla larga de 16º e terá que ‘remar’ para alcançar uma boa colocação na abertura da competição.

O blog terá o vídeo ao vivo da abertura do campeonato em Okayama nesta madrugada, uma cortesia do canal da Nismo no YouTube.

2 comentários

  1. hodari disse:

    Mattar o Button está na Team Kunimitsu em parceria com Naoki Yamamoto. Na Mugen os pilotos são Hideki Mutoh e Daisuke Nakajima!

    O J.P Oliveira vai contar com um parceiro muito promissor, Mitsunori Takaboshi é um excelente piloto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>