MENU

23 de maio de 2018 - 15:48IMSA Weather Tech SportsCar Championship

IMSA: 25 carros no GP de Detroit

DSC_0344-1068x799

Ano passado, Christian Fittipaldi e João Barbosa largaram da pole, mas não puderam conter os “irmãos Metralha” Jordan e Ricky Taylor, que ainda corriam juntos. A esperança de João e do novo parceiro Filipe Albuquerque é de seguir com a liderança do campeonato na próxima etapa da IMSA, que terá a presença de Felipe Nasr, Hélio Castroneves e Pipo Derani

RIO DE JANEIRO - Divulgada a lista de entradas para o Chevrolet Detroit Grand Prix presented by Lear, quinta etapa do IMSA Weather Tech SportsCar Championship, marcada para o próximo dia 2 de junho no circuito urbano montado no Belle Isle Park. Será uma corrida de tiro curtíssimo a exemplo do GP de Long Beach, com apenas 1h40min de duração e participação de duas categorias.

Com as equipes oficiais de Ford, Porsche e Corvette se preparando para as 24 Horas de Le Mans, quem divide o traçado de pouco mais de 3 km de extensão com os protótipos DPi e LMP2 da classe principal será a GTD. Por isso, o total será de 25 carros para o GP de Detroit, sendo 14 da Prototype e onze GTD.

Lista de inscritos para o GP de Detroit

A novidade é o retorno da Spirit of Daytona após duas etapas de ausência. O carro da equipe foi destruído num forte acidente nas 12h de Sebring e os danos foram extensos o suficiente para comprometer a participação da equipe em Long Beach e Mid-Ohio. O time de Troy Flis trabalhou pesado e o #90 está pronto para voltar, com Tristan Vautier e Matt McMurry dividindo o quarto Cadillac DPi-V.R inscrito na categoria em 2018.

Em contrapartida, a Performance Tech Racing não leva seu Oreca 07 LMP2 Gibson para Detroit. A equipe de Brent O’Neill vai focar em treinos com vistas às 6h de Watkins Glen, que acontecerão em julho.

Desse modo, o plantel terá 10 protótipos DPi contra quatro LMP2, sendo três Oreca – os dois da JDC-Miller e o carro da CORE Autosport – além do solitário Ligier da PR1/Mathiasen Motorsports. Com duas vitórias em quatro etapas, a dupla formada por João Barbosa e Filipe Albuquerque vai para este evento na liderança do campeonato com 119 pontos, dez à frente dos companheiros de equipe Eric Curran e Felipe Nasr, que buscam a primeira vitória em 2018.

Os outros brasileiros inscritos já triunfaram: Hélio Castroneves e Ricky Taylor vêm de uma bela performance em Mid-Ohio e estão em quarto lugar na tabela, somando 98 pontos. Pipo Derani ainda não conseguiu repetir nas demais corridas o mesmo brilho mostrado nas 12h de Sebring. Ele vem em nono na classificação, com 89 pontos.

Na GTD, apesar de um número de carros um tanto quanto abaixo de qualquer outra expectativa, são oito as marcas que terão seus bólidos no circuito urbano do Belle Isle Park. Porsche, Lexus e Mercedes-Benz são as únicas com dois inscritos e a marca nipônica comemorou na prova de Mid-Ohio sua primeira vitória, com Dominik Baumann/Kyle Marcelli querendo repetir a dose na próxima etapa. A dupla do carro #14 está em 7º lugar, com 68 pontos.

Bryan Sellers/Madison Snow comandam o campeonato com 95 pontos em três provas – a GTD não correu em Long Beach – e não deverão ter dificuldades em permanecer no topo da tabela, porque Álvaro Parente/Katherine Legge só voltam nas 6h de Watkins Glen, de acordo com o cronograma da Meyer Shank Racing. Um único Acura está confirmado para Justin Marks/Lawson Aschenbach.

A surpresa na lista de entradas está no carro #75 da SunEnergy1 Racing: Kenny Habul terá a companhia de ninguém menos que Bernd Schneider, lenda viva da Mercedes-Benz nos carros do DTM e de Grã-Turismo. O alemão de 53 anos disputa sua primeira prova da IMSA em décadas.

Apesar de terem o carro mais penalizado pelo BoP, a dupla Ben Keating/Jeroen Bleekemolen está no páreo com 80 pontos e o 3º lugar na tabela, seguidos por Alessandro Balzan/Cooper MacNeil e David Heinemeier-Hansson/Jack Hawksworth, com 76.

Vários pilotos inclusive vão viajar de Detroit para Le Mans após a corrida – possivelmente num avião cedido por Ben Keating. Além dele, Bleekemolen, MacNeil, Heinemeier-Hänsson, Filipe Albuquerque, Felipe Nasr, Juan Pablo Montoya, Pipo Derani, Harry Tincknell, Ricky Taylor e Christina Nielsen têm o compromisso dos treinos do Journée Test, ao qual poderão faltar Sébastien Bourdais, Scott Dixon e Tony Kanaan, que disputam a Fórmula Indy no mesmo fim de semana – por serem pilotos de graduação platina, os três são isentos de participação no dia 3 de junho.

A largada para o GP de Detroit será às 13h40 pelo horário de Brasília no sábado, dia 2 de junho. Por conta do horário próximo à etapa de Pocono da Nascar, a princípio marcada para ser exibida ao vivo, o Fox Sports 2 deve fazer a transmissão da corrida da IMSA em exibição inédita ainda no sábado, às 16h30.

1 comentário

  1. ags disse:

    Boa fox……………………boa……..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>