MENU

1 de maio de 2018 - 18:03Super TC2000, Vídeos

Para quem não viu: Super TC2000, etapa de Mendoza

RIO DE JANEIRO - O Super TC2000 disputou no último fim de semana a 3ª etapa da temporada 2018, na região dos melhores vinhos argentinos: Mendoza. O Autódromo Ciudad San Martín, com seus 4,167 km atuais, foi inaugurado nos anos 1990 com uma variante curta de 2,668 km que seria ampliada ao longo dos anos. O circuito é rápido, com médias superiores a 170 km/h em ritmo de classificação, desde que a categoria passou a usar os motores Radical V8, que são dois propulsores Suzuki Hayabusa fundidos, debitando mais de 400 HP de potência e com um ronco maravilhoso.

Na sexta visita da categoria ao circuito, o atual campeão Facundo Ardusso conquistou sua segunda vitória na pista de Mendoza. Aliás, o piloto da Renault faturou absolutamente tudo o que pôde no fim de semana, à exceção da pole position conquistada por Agustín Canapino (Chevrolet). De resto, ganhou a prova classificatória e a final, que teve um detalhe: a exemplo do que já acontecera noutras oportunidades ano passado, o Super TC2000 permitiu o uso de duas ‘joker laps’ por piloto, cortando caminho.

Canapino chegou ao fim das 27 voltas em segundo e Matías Rossi (Toyota) completou o pódio. Ardusso disparou na liderança com duas vitórias em três etapas, chegando a 93 pontos, enquanto a vice-liderança é dividida entre Canapino e Leonel Pernía (Renault), ambos com 56. Mariano Werner (Peugeot) está em quarto com 42 e Matías Rossi fecha o top 5 com 39. Nos campeonatos de equipes e construtores, a Renault Sport lidera com folga absurda.

Abaixo, vocês podem acompanhar todos os vídeos do fim de semana de provas em Mendoza. A quarta etapa será em Potrero de los Funes, em San Luis, no próximo dia 20.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>