MENU

2 de setembro de 2018 - 22:29EF Open

EF Open: Drugovich ganha mais uma e segue líder rumo ao título

Start_Race_1_1

Largada da prova de sábado, que dominou do início ao fim, chegando a oito vitórias em 10 corridas: Felipe Drugovich pode já ser campeão antecipado em Monza, na próxima rodada

RIO DE JANEIRO - Felipe Drugovich continua dando passos largos rumo ao título do Euroformula Open em 2018. O piloto brasileiro da RP Motorsport alcançou neste fim de semana mais dois pódios e a oitava vitória em um total de 10 corridas disputadas. Na rodada de Silverstone, Felipe foi batido pela segunda vez no ano – o que de forma alguma atrapalha sua vantagem na classificação.

Pole position na prova #1 disputada sábado (mais conhecido como ontem), Drugovich dominou a corrida de 15 voltas sem maiores problemas. Venceu com quase quatro segundos de vantagem para Bent Viscaal, da Teo Martín Motorsport, enquanto Lukas Dunner completou o pódio ao fechar com oito décimos de frente para Alex Karkosik.

Matheus Iorio, da Carlin, conseguiu se destacar durante a disputa, mas acabou mesmo em 7º lugar. Guilherme Samaia fechou o top 10 e Christian Hahn completou a disputa em 13º – último entre os que competiram neste fim de semana.

Neste domingo, o jogo virou a favor de Bent Viscaal. O holandês fez a pole position e conquistou sua primeira vitória na temporada, num ótimo trabalho dele e de sua escuderia. Drugovich bem que tentou se manter próximo do adversário, mas deu-se por satisfeito ao cruzar a linha em segundo, a 1″295 do vencedor. Em ótima batalha pelo último lugar do pódio, o estadunidense Cameron Das superou o argentino Marcos Siebert, o outro nome da categoria com vitórias neste ano.

Matheus Iorio fechou em sexto lugar, resultado que deixa o brasileiro da Carlin em 3º na tabela com 119 pontos. Guilherme Samaia repetiu o resultado da véspera, chegando a 56 pontos no campeonato – sétimo na classificação. Christian Hahn ficou em 11º – e como não pontuou, segue com 17 e em 12º no campeonato.

Para Drugovich, a fatura tem tudo para ser liquidada em Monza, na próxima rodada dupla. Com 249 pontos somados, ele tem 93 de frente para Bent Viscaal. Com 54 pontos em jogo na etapa da Itália e mais 108 até o fim do campeonato, já que depois teremos provas em Jerez de la Frontera e Barcelona, se a vantagem chegar além de 109 após a etapa marcada para os dias 22 e 23 deste mês, o título estará nas mãos de Felipe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>