MENU

10 de janeiro de 2019 - 17:52Rali Dakar

Dakar 2019: Al-Attiyah vence duelo com Peterhansel e segue no comando nos Carros

2019110163665_AP-1Y39DQQ7H2111_hires_jpeg_24bit_rgb_II

Senhor do deserto: nem o fesh-fesh impediu a vitória de Nasser Al-Attiyah; o piloto da Toyota segue líder nos Carros (Foto: Red Bull Content Pool/Reprodução Grande Prêmio)

RIO DE JANEIRO - A quinta-feira colocou frente a frente dois dos maiores protagonistas da história recente do Rali Dakar na categoria Carros, para discutir a vitória na primeira parte da etapa Maratona entre Arequipa e Tacna: Nasser Al-Attiyah e Stéphane Peterhansel, monstros da competição, se degladiaram em meio ao fesh-fesh (aquela areia bem fininha, quase pó), para discutir quem seria o mais veloz do dia após 405 km cronometrados – sem contar os 259 km de ligação.

E o piloto da Toyota prevaleceu sobre o rival francês da Mini, numa árdua batalha. Al-Attiyah e seu copiloto Matthieu Baumel foram mais velozes do que Peterhansel e David Castera por quase dois minutos. O tempo do vencedor da etapa foi de 3h38min49seg.

O dia de prova sem direito à assistência remota das equipes foi de pesadelo para os outros dois pilotos da Toyota. Ontem o desastre já havia se abatido sobre o sul-africano Giniel De Villiers e nesta quinta, foi Bernhard Ten Brinke que se atrasou, o que praticamente elimina as chances do holandês em buscar um bom resultado a bordo de uma das picapes Hilux preparadas pela equipe oficial de fábrica. Em contrapartida, Carlos Sainz lidou bem com a perda de quase cinco horas em decorrência da quebra de suspensão na 3ª especial: “El Matador” andou o mais rápido que pôde e fechou o dia com o sétimo lugar – mesmo que tenha ficado parado durante uns 10 minutos no trecho cronometrado.

20191101636446_AP-1Y39E95UD1W11_hires_jpeg_24bit_rgb_II

Maior nome contemporâneo do Rali Dakar, Stéphane Peterhansel continua na batalha pelo décimo-quarto troféu de campeão em sua longa e vitoriosa carreira (Foto: Red Bull Content Pool/Grande Prêmio)

Quem vem se solidificando como terceira força nos carros é Kuba Przygonski: o polonês de 33 anos vem discretamente se colocando como um candidato a zebra, caso problemas atinjam Al-Attiyah e Peterhansel. Com seu Mini navegado pelo belga Tom Colsoul, ele chegou em 3º lugar na especial hoje, superando Nani Roma – que tem o mesmo equipamento – e Sébastien Loeb. Porém, na geral, o espanhol campeão do Dakar em 2014 é quem está na frente do polaco.

O saudita Yazeed Al Rajhi, que ontem esteve a ponto de abandonar por ter suspeitado que pedras teriam danificado o fundo de seu carro, hoje foi bem mais discreto e o resultado lhe fez perder a vice-liderança geral. Ele foi sexto, a 18min11seg de Al-Attiyah. Discreto neste Rali, o francês Cyril Despres foi oitavo na primeira perna da Maratona, com o chileno Boris Garafulic despontando pela primeira vez no top 10, à frente do Peugeot não-oficial de Harry Hunt.

A quarta etapa teve o abandono em bloco do Team Speed, com os UTVs da equipe de Robby Gordon inscritos na categoria Open, porque seus modelos não estão enquadrados no regulamento FIA. Tanto ele quanto os colegas de escuderia Cole Potts e Blade Hildebrand, bem como seus respectivos navegadores, estão fora da competição. Outros quatro veículos desistiram e o UTV dos Barron, que tinha o jovem Lucas Barron na navegação, está fora também. O garoto de 25 anos foi o primeiro competidor da história do Dakar com Síndrome de Down. Pena que sua presença tenha sido restrita a apenas três etapas percorridas.

Etapa #4 – Arequipa-Tacna (Maratona)
Ligação: 259 km
Trecho cronometrado: 405 km
Total: 664 km

Resultado – carros:

1. #301 Nasser Al-Attiyah/Matthieu Baumel (Toyota) – 3h38min49seg
2. #304 Stéphane Peterhansel/David Castera (Mini) – a 1min52seg
3. #303 Kuba Przygonski/Tom Colsoul (Mini) – a 8min32seg
4. #307 Nani Roma/Alex Haro Bravo (Mini) – a 8min49seg
5. #306 Sébastien Loeb/Daniel Elena (Peugeot) – a 12min23seg
6. #314 Yazeed Al Rajhi/Timo Gottschalk (Mini) – a 18min11seg
7. #300 Carlos Sainz/Lucas Cruz (Mini) – a 24min44seg
8. #308 Cyril Despres/Jean-Paul Cottret (Mini) – a 25min51seg
9. #321 Boris Garafulic/Filipe Palmeiro (Mini) – a 32min33seg
10. #312 Harry Hunt/Wouter Rosegaar (Peugeot) – a 37min58seg

Classificação geral extra-oficial:

1. Al-Attiyah/Baumel – 12h12min57seg
2. Peterhansel/Castera – a 8min55seg
3. Roma/Haro Bravo – a 20min51seg
4. Przygonski/Colsoul – a 22min17seg
5. Al Rajhi/Gottschalk – a 24min59seg
6. Loeb/Elena – a 50min22seg
7. Despres/Cottret – a 50min30seg
8. Domzala/Marton – a 1h28min37seg
9. Garafulic/Palmeiro – a 1h36min52seg
10. Hunt/Rosegaar – a 1h37min37seg

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>