MENU

12 de abril de 2019 - 13:42European Le Mans Series

ELMS: DragonSpeed abre trabalhos em Paul Ricard com o melhor tempo

5cb0a25d9480d

Em clique realizado no Bronze Test, o #21 da DragonSpeed que foi o mais rápido da sexta-feira em Paul Ricard (Foto: Jakob Ebrey Photography/ELMS)

RIO DE JANEIRO - A temporada 2019 do European Le Mans Series está, enfim, aberta oficialmente. Foi realizado hoje o primeiro treino livre para as 4h de Le Castellet, no mesmo circuito de Paul Ricard onde, há três dias, as equipes tiveram dois períodos de testes coletivos.

E quando foi para valer, a DragonSpeed inaugurou a primeira folha de tempos do ano com seu Oreca 07 no topo: Ben Hanley marcou 1’41″227 e despachou a concorrência. A diferença em relação ao carro da estreante RLR MSport/Tower Events foi de quase nove décimos de segundo. Arjun Maini, estreante na categoria, fez o tempo da equipe do brasileiro Bruno Senna – que começa bem, não tenham dúvidas.

A campeã G-Drive Racing ficou em 3º lugar com seu Aurus 01 – que é outro Oreca – guiado pelo holandês Job Van Uitert, outro novato na LMP2. Antonin Borga surpreendeu com o carro #37 da Cool Racing e foi quarto, seguido pelo novo recordista para o ELMS, Anders Fjørdbach. O melhor Ligier foi 7º colocado, com Paul Di Resta (substituindo Filipe Albuquerque) marcando 1’42″288. O Dallara da Carlin foi o único entre os 18 protótipos da divisão principal do ELMS que não fez tempo nesta sexta-feira.

Na LMP3, domínio dos modelos Norma M30 com as quatro primeiras colocações entre os 13 carros que marcaram tempo na divisão: Damiano Fioravanti (Oregon Team) voltou a ser o mais veloz, tal como nos testes coletivos do início da semana, com 1’50″592, 0″782 melhor que David Droux, da Realteam Racing. Na sequência, Yann Ehrlacher (M.Racing) e Jean-Baptiste Lahaye (Ultimate). A boa notícia para Thomas Erdos é que Wayne Boyd foi o melhor entre os Ligier: o piloto da United Autosports marcou 1’52″068 – Erdos deu cinco voltas somente, a melhor em 1’53″825.

E numa amostra de que escondiam mesmo o jogo no Prólogo, os Porsches fizeram 1-2-3 no primeiro treino entre os nove inscritos da LMGTE. Matteo Cairoli, da Dempsey-Proton Racing, superou o carro do austríaco Thomas Preining por somente 0″048, deixando Jörg Bergmeister a dois décimos e os demais a mais de meio segundo. Aaron Scott foi o melhor com as Ferrari 488 GTE nesta primeira sessão e a dinamarquesa Michele Gatting estabeleceu a quinta marca com o carro #83 da Kessel Racing.

A Luzich Racing, que nos ensaios livres do início da semana andou bem, teve problemas (vazamento de óleo) com sua Ferrari e só completou cinco voltas – nenhuma digna de registro. Por sinal, o carro do trio Nicklas Nielsen/Ale Pier Guidi/Fabien Lavergne provocou bandeira vermelha.

No teste coletivo exclusivo para os pilotos de graduação bronze, choveu. Só 22 dos pilotos andaram e John Falb estabeleceu a melhor volta. Tempos na casa de 2 minutos, sem parâmetro algum por conta das condições do traçado, molhado pela água que caiu em Paul Ricard.

Amanhã, o cronograma indica que os carros e pilotos terão o treino livre #2 a partir de 9h locais (4h da manhã, hora de Brasília) para os últimos ajustes. A definição do grid será a partir de 12h55 locais (7h55 de Brasília), com streaming exibido aqui no blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>