MENU

4 de fevereiro de 2013 - 19:01Fórmula 1, Lançamentos

Toro Rosso, Toro Nuovo: STR8

RIO DE JANEIRO – Saiu do forno mais um carro novo para a temporada 2013  da Fórmula 1. Além da Mercedes, que distribuiu imagens do W04, a Toro Rosso fez a apresentação oficial do seu STR8 no circuito espanhol de Jerez de la Frontera, onde vão começar os treinos de pré-temporada.

SAMSUNG DIGITAL CAMERA

Ao contrário da Red Bull, a coirmã maior, a Toro Rosso optou por manter o mesmo layout das últimas temporadas, com o touro estilizado em vermelho ocupando grande parte da carenagem do carro – o último que terá motor Ferrari. Em 2014, a equipe será também cliente da Renault quando mudar a configuração dos propulsores, que serão turbocomprimidos.

A Toro Rosso optou por um caminho mais harmonioso na concepção do STR8, abolindo o degrau no bico dianteiro ao contrário do RB9 da Red Bull. Sob a supervisão de James Key, o novo diretor técnico, Luca Furbatto concebeu as linhas gerais de um carro que não tem grandes novidades, exceto pela adoção de uma suspensão pull rod na traseira, assim como o W04 da Mercedes.

Os planos da equipe são ambiciosos: nona colocada no Mundial de Construtores, última das escuderias que marcaram pontos em 2012, a Toro Rosso quer subir mais alguns degraus – embora saiba que não será fácil. A dupla titular foi mantida e tanto Jean-Eric Vergne quanto Daniel Ricciardo sabem que serão muito cobrados, tanto por Franz Tost quanto – e principalmente, aliás – pelo temperamental Helmut Marko.

Não é segredo que, quando um dos dois está descontente, cabeças rolam. Foi assim com Scott Speed, Sébastien Bourdais e, mais recentemente, até a antiga dupla titular formada por Sébastien Buemi e Jaime Alguersuari foi descartada. O francês e o australiano vão cortar um belo dobrado para poder ficar na Fórmula 1 futuramente e tentar seguir o mesmo caminho de Vettel, que saiu da Toro Rosso para ser campeão do mundo.

Compartilhar

6 comentários

  1. Renato disse:

    Todos os dois pilotos tem bom histórico e juntos terminaram na zona de pontuação 10 vezes o ano passado. Mesmo número alcançado por Bruno Senna (dobro do que realizou Maldonado). Deixaram assim, a Toro Rosso uma posição atrás da Williams. Mas, como estão mais experientes e Bruno Senna não está mais na equipe inglesa, e sim o novato Bottas e o agressivo Pastor, terão a chance de subir ao menos um degrau na tabela de 2013.

    Haja paciência pra aguentar patrão sistemático. Alguersuari que o diga!

    • Zé Maria disse:

      De carona com o que o Renato postou, impressionante o poder que o “Herr Doktor” Helmut Marko tem dentro das equipes. . .
      Rodrigo Mattar foi gentil e educado em apenas adjetivar como temperamental uma figura tão asquerosa e desprezível como o austríaco. . .
      Será que não tinha ” ninguém pior” para ser escolhido pelo Dietrich Mateschitz. . .(devo ter errado o sobrenome).
      Zé Maria

  2. edufiorini disse:

    Por quê o Adrian Newey não projeta o STR também?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *