MENU

10 de abril de 2013 - 14:30European Le Mans Series

Quem é quem, ELMS – Classes LMP2/LMPC

RIO DE JANEIRO – O Quem é quem do European Le Mans Series vem para a sua segunda e última parte mostrando quem vai competir na abertura do campeonato de 2013 em Silverstone nas classes LMP2 e LMPC.

A LMP2 será de novo o carro-chefe do certame europeu: seus carros com motores derivados de blocos de série prometem disputas acirradas e equilibradas ao longo de todo o campeonato. Já a divisão LMPC segue o mesmo padrão da antiga Formula Le Mans, com seus protótipos monomarca Oreca, produzidos em 2009, com os mesmos motores e pneus para todos. Essa subclasse começa o ano com apenas três carros, esperando que venham outros mais no decorrer da temporada.

Vamos às escuderias, pois:

Equipes LMP2:

THIRIET BY TDS RACING
Sede: Vendres (França)
Chefe de equipe: Xavier Combet
Carro: Oreca 03
Motor: Nissan VK45DE 4,5 litros V8
Pneus: Dunlop
Pilotos: Pierre Thiriet/Jonathan Hirschi (#1)

L9-IMG_2997

Campeã do curtíssimo campeonato do ELMS ano passado, a Thiriet by TDS Racing vem em busca do segundo título. É a terceira temporada do time de Xavier Combet e do engenheiro Jacques Morello, que coordena a parte técnica. Sem Mathias Beche, que foi para a Rebellion, o time terá Pierre Thiriet e o recém-chegado suíço Jonathan Hirschi.

GREAVES MOTORSPORT
Sede: Peterborough (Grã-Bretanha)
Chefe de equipe: Jacob Greaves
Carro: Zytek Z11SN
Motor: Nissan VK45DE 4,5 litros V8
Pneus: Dunlop
Pilotos: Chris Dyson/Michael Marsal (#3)

Greaves-front-le-mans-test

A Greaves Motorsport vem para mais uma tentativa junto às favoritas da categoria LMP2, dividindo sua “força-tarefa” entre WEC e ELMS. O time de Jacob Greaves vai aproveitar a ocasião para dar mais horas de voo aos pilotos estadunidenses Chris Dyson e Michael Marsal, que também farão no fim de semana as 6 Horas de Silverstone. Veremos como se os dois se entenderão com o carro na corrida de estreia de ambos com o Zytek Z11SN.

BOUTSEN GINION RACING
Sede: Wavre (Bélgica)
Chefe de equipe: Olivier Lainé
Carro: Oreca 03
Motor: Nissan VK45DE 4,5 litros V8
Pneus: Dunlop
Pilotos: Bastién Briére/Thomas Dagoneau/John Hartshorne (#4)

Boutsen-Oreca-4

Mais uma das escuderias divididas para este fim de semana de muitas corridas, já que tem duas McLaren MP4-12C GT3 no Blancpain Endurance Series, a Boutsen Ginion Racing participa pelo quarto ano consecutivo do ELMS. Ano passado, tinha o Oreca 03 Nissan na LMP2 e mais um carro na LMPC. Neste ano, concentrou-se apenas na divisão principal de protótipos do certame europeu. O trio é uma mescla de experiência (pelo menos em idade) e juventude: Bastién Briére e Thomas Dagoneau têm, ambos, 28 anos. John Hartshorne é o mais velho da turma, com 55 anos. A equipe é a única da LMP2 com três pilotos em sua tripulação e isso não deve fazer nenhuma diferença na pista neste fim de semana.

MURPHY PROTOTYPES
Sede: Dublin (Irlanda)
Chefe de equipe: Nick Reynolds
Carro: Oreca 03
Motor: Nissan VK45DE 4,5 litros V8
Pneus: Dunlop
Pilotos: Brendon Hartley/Mark Patterson (#18)

s1_1 (11)

Para seu segundo ano nas competições de Endurance, a equipe irlandesa Murphy Prototypes aposta numa mescla entre o jovem e impetuoso Brendon Hartley, vindo das competições de monopostos, com pilotos mais velhos e experientes. Mark Patterson, sul-africano radicado nos EUA, e que correu com Oswaldo Negri na Grand-Am, tem idade até para ser pai do neozelandês. Com 61 anos, ele faz sua primeira temporada no ELMS. A equipe dirigida por Greg Murphy e chefiada por Nick Reynolds deve fazer um papel apenas mediano no ELMS em 2013.

RACE PERFORMANCE
Sede: Münsingen (Suíça)
Chefe de equipe: Ralph Meichtry
Carro: Oreca 03
Motor: Judd HK 3,6 litros V8
Pneus: Dunlop
Pilotos: Michel Frey/Patric Niederhauser (#34)

RacePerformance-Oreca-34

Uma das únicas equipes do lote da LMP2 no Europeu a competir com o motor Judd BMW, a suíça Race Performance está na ativa desde 2010, portanto há três anos, quando estreou com o chassis Radical SR9. De 2011 para cá, tornou-se cliente Oreca. O desempenho da escuderia é apenas mediano e nada indica que com a vinda do novato Patric Niederhauser, que estava na GP3, as coisas melhorarão. O parceiro dele será Michel Frey, um dos donos do time em sociedade com Ralph Meichtry.

SIGNATECH-ALPINE
Sede: Bourges (França)
Chefe de equipe: Philippe Sinault
Carro: Alpine A450 (Oreca 03)
Motor: Alpine (Nissan VK45DE) 4,5 litros V8
Pneus: Michelin
Pilotos: Pierre Ragues/Nelson Panciatici (#36)

Signatech-Alpine-36

A Signatech foi por dois anos o time oficial da Nissan na divisão LMP2. Com o fim da parceria, a equipe de Philippe Sinault buscou refúgio com outro nome de peso do automobilismo: a marca Alpine, que por muito tempo fez modelos esportivos com motores Renault e hoje é da Caterham. A marca conseguiu autorização para competir este ano batizando com seu nome o protótipo Oreca 03 e os motores Nissan usados pelo time, único inscrito na classe com pneus Michelin. Os pilotos são os franceses Nelson Panciatici e Pierre Ragues. Favoritos ao título.

TEAM JOTA SPORT
Sede: Frant, Kent (Grã-Bretanha)
Chefe de equipe: Sam Highnett
Carro: Zytek Z11SN
Motor: Nissan VK45DE 4,5 litros V8
Pneus: Dunlop
Pilotos: Simon Dolan/Oliver Turvey (#38)

L9-IMG_2990

O Team Jota Sport vem para incomodar em 2013. A equipe sediada em Kent tem boa estrutura, chefiada por Sam Highnett e seu diretor técnico é Tim Holloway, que já trabalhou com a escuderia Larrousse na Fórmula 1. Simon Dolan, o proprietário, faz as vezes de piloto e para auxiliá-lo neste ano estará repartindo o carro branco número #38 o rápido Oliver Turvey, que fez algumas boas corridas na GP2 e agora tenta a sorte nas corridas de longa duração.

DKR ENGINEERING
Sede: Luxemburgo
Chefe de equipe: Kendy Janclaes
Carro: Lola B11/40
Motor: Judd HK 3,6 litros V8
Pneus: Dunlop
Pilotos: Romain Brandela/Olivier Porta (#39)

DKR-Lola-39

Sediada no Grão-Ducado (pomposo o negócio, hein?) de Luxemburgo, a DKR Engineering é a mesma equipe que deu suporte ao Corvette do Sangari Team Brazil no FIA GT em 2009, quando Enrique Bernoldi e Roberto Streit faziam parte do time. Com alguma experiência em competições de Grã-Turismo, o time chefiado por Kendy Janclaes faz seu primeiro ano nos protótipos e quem vai dar suporte à escuderia é a Ibanez Racing Services, que já competiu no ELMS noutros anos. Os pilotos serão franceses: Olivier Porta, de 37 anos e Romain Brandela, de 39. Têm rodagem, mas não são velozes.

MORAND RACING
Sede: Suíça
Chefe de equipe: Bénoit Morand
Carro: Morgan LMP2
Motor: Nissan VK45DE 4,5 litros V8
Pneus: Dunlop
Pilotos: Natacha Gachnang/Franck Mailleux (#43)

L9-IMG_3126

Recém-promovida ao time de equipes titulares das 24 Horas de Le Mans, a Morand Racing, do ex-piloto Bénoit Morand, surgiu dos escombros da Hope Racing. O time sediado – mais um – na Suíça vem com muita vontade de aprender e evoluir ao longo do campeonato deste ano. Na corrida inaugural do ELMS, alinharão o francês Franck Mailleux, já bastante experiente em competições do gênero e a suíça Natacha Gachnang, cujo único feito relevante é ser prima do piloto Sébastien Buemi, que também estará em Silverstone na corrida do WEC.

Equipes da LMPC:

TEAM ENDURANCE CHALLENGE
Sede: Magny-Cours (França)
Chefe de equipe: Hughes de Chaunac
Carro: Oreca FLM09
Motor: Chevrolet Katech LS7 6,3 litros V8
Pneus: Michelin
Pilotos: Alex Loan/Matthieu Lecuyer (#47); Anthony Pons/Soheil Ayari (#48) e Paul-Loup Chatin/Gary Hirsch (#49)

Team Endurance-Oreca-48

A Oreca mais uma vez inova na Endurance com o programa chamado “Arrive and Drive”, de baixo custo, para pilotos interessados em aprender as manhas de um protótipo de corridas de longa duração. Como já constrói há quatro anos o modelo FLM09, montou uma estrutura chamada Team Endurance Challenge para poder permitir à divisão LMPC ter pelo menos três carros na primeira corrida do ano, todos com pilotos franceses. Destaque para a presença do veterano Soheil Ayari no #48 ao lado de Anthony Pons. Olho no novato Paul-Loup Chatin, que vem de boas performances na Fórmula Renault. Após se sair bem nos treinos de pré-temporada em Paul Ricard, garantiu um assento na corrida de Silverstone. Veremos como se sairá nas próximas.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *