MENU

8 de abril de 2013 - 18:48Automobilismo Internacional

Vandoorne abre World Series na frente

s1_1 (10)

RIO DE JANEIRO – A temporada 2013 da World Series by Renault, uma das  mais aguardadas do automobilismo neste ano, começou no último fim de semana em Monza com Stoffel Vandoorne como o melhor piloto do fim de semana. O campeão do Europeu de Fórmula Renault 2.0 largou na frente da classificação do campeonato com a vitória na primeira prova e o 3º lugar na segunda, a bordo do carro #5 da Fortec Motorsports.

Foram duas baterias disputadas em ritmo fortíssimo pelos 26 pilotos da categoria e repletas de disputas, graças às características do veloz circuito italiano, onde os monopostos da categoria chegaram a 220 km/h de média horária. Vandoorne tirou partido da pole conquistada para a corrida #1 e, sem muita oposição – mesmo com a troca obrigatória de pneus – venceu com sete segundos de avanço para Kevin Magnussen, filho do antigo piloto de Fórmula 1 Jan Magnussen. Christopher Zanella completou o pódio da primeira etapa.

O português Antônio Félix Da Costa, chamado de Filix na transmissão internacional em inglês, outro dos favoritos na primeira prova, abandonou na 13ª volta. André Negrão foi o único dos quatro brasileiros que completou a primeira etapa do ano, em 10º lugar. Yann Cunha nem passou do primeiro giro. Lucas Foresti saiu da corrida na segunda volta. Pietro Fantin desistiu na 24ª passagem.

A vitória do piloto da Arden Caterham, apoiado pela Red Bull, na corrida #2, não foi das mais fáceis: durante as 29 voltas, ele teve que resistir à violenta pressão de Kevin Magnussen, sem esquecer de Vandoorne, que sempre esteve por perto para levar um 3º lugar que o garantiu em primeiro ao fim da rodada dupla de Monza.

Arthur Pic fez uma corrida sensacional, saindo de 16º para quarto ao fim da disputa, com Nico Muller, que ficou longo tempo na posição, em quinto. O novato Norman Nato foi o sexto, seguido de Pietro Fantin, o melhor entre os brasileiros no fim de semana, marcando seus primeiros pontos logo na segunda corrida dele na World Series by Renault.

Christopher Zanella não repetiu o resultado da véspera e chegou em 8º, com Oliver Webb em nono e Mihai Marinescu, que ganhou catorze (!) posições na primeira volta, herdou a décima posição com a penalização de 10 segundos imposta a Mikhail Aleshin.

Mais uma vez, Lucas Foresti teve uma corrida atribulada e nem completou a primeira volta em Monza. André Negrão chegou em 13º lugar e Yann Cunha foi o décimo-quinto colocado.

Resultado da corrida #1 da World Series by Renault em Monza:

1 – Stoffel Vandoorne – Fortec – 29 voltas em 46’48″474
2 – Kevin Magnussen – Dams – 7″053
3 – Christopher Zanella – ISR – 8″596
4 – Oliver Webb – Fortec – 8″991
5 – Nigel Melker – Tech 1 – 16″461
6 – Arthur Pic – AV Formula – 17″087
7 – Jazeman Jaafar – Carlin – 17″838
8 – Mihai Marinescu – Zeta – 18″474
9 – Matias Laine – P1 Motorsport – 19″932
10 – Norman Nato – Dams – 25″456

Resultado da corrida #2:

1 – Antônio Félix Da Costa – Arden Caterham – 29 voltas em 46’24″405
2 – Kevin Magnussen – Dams – 2″767
3 – Stoffel Vandoorne – Fortec – 5″922
4 – Arthur Pic – AV Formula – 11″600
5 – Nico Muller – Draco – 16″805
6 – Norman Nato – Dams – 28″467
7 – Pietro Fantin – Arden Caterham – 29″106
8 – Christopher Zanella – ISR – 37″524
9 – Oliver Webb – Fortec – 41″314
10 – Mihai Marinescu – Zeta – 51″737

Classificação do campeonato após 2 corridas:

1. Stoffel Vandoorne – 40 pontos; 2. Kevin Magnussen – 36; 3. Antônio Félix Da Costa – 25; 4. Arthur Pic – 20; 5. Christopher Zanella – 19; 6. Oliver Webb – 14; 7. Nico Müller e Nigel Melker – 10; 9. Norman Nato – 9; 10. Jazemaan Jaafar e Pietro Fantin – 6; 12. Mihai Marinescu – 5; 13. Matias Laine – 2 pontos.

Compartilhar

3 comentários

  1. RENATO CONTIN disse:

    Acredito que dos brasileiros, o Pietro e que vai andar melhor. Precisa somente se ambientar mais na categoria.

  2. Davi Bosco disse:

    Rodrigo, uma pergunta: a marca no carro do Vandoorne não da Federação de Automobilismo da Bélgica? Pô, igualzinho acontece aqui! A CBA ajuda os pilotos brasileiros até a porta da Fórmula 1…rsrsrs. Desculpa a piada de mau gosto…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *