Team Black Falcon é pole nas 12h de Abu Dhabi

T

Dagys_-2013_217488

RIO DE JANEIRO – Campeã em Bathurst, Dubai e Nürburgring em provas de longa duração, o Team Black Falcon continua em alta rotação e em primeiríssimo nível na Endurance internacional. Com a Mercedes SLS AMG GT3 número #3, a trinca formada por Jeroen Bleekemolen, Khaled Al Qubaisi e pelo interminável Bernd Schneider, de 49 anos, conquistou a pole positon para as 12h de Abu Dhabi, que tem um formato diferenciado – com duas corridas de seis horas onde o campeão sai pelo somatório dos resultados das duas baterias.

Nos treinos classificatórios realizados nesta quinta-feira, inclusive, a trinca nem foi a mais rápida na média das voltas – o feito coube à Ferrari F458 GT3 #12 da equipe suíça Kessel Racing. Mas o carro do time de Ronnie Kessel perdeu o direito à pole position porque um dos inscritos, Kola Aluko, não compareceu à pista. Apenas Thomas Kemenater e Giacomo Piccini marcaram tempos e isso prejudicou a tripulação do time helvético, que larga punido pela organização do evento, lá do fim do pelotão.

A média do trio do Team Black Falcon foi de 2’11″377, cabendo a melhor volta a Bleekemolen, que marcou 2’10″736. Bernd Schneider rodou em 2’11″208 e Al Qubaisi fez um tempo bem respeitável: 2’12″187.

Apesar da punição ao #12, a primeira fila terá um outro carro da Kessel Racing: entra o #11 com Michael Bronizsewski/Daniel Zampieri/Cesar Ramos. O brasileiro estabeleceu o tempo de 2’11″348 e a melhor volta do trio foi de Zampieri, com 2’10″814. A média da tripulação foi 2’10″814.

Na terceira posição, figura o carro #15 de Matteo Bobbi/Aleksandr Skyrabin/Alessandro Pier Guidi – outra Ferrari F458 GT3 da Kessel Racing. O Bentley Continental GT3 manteve as ótimas performances dos treinos livres: o carro #7 de Guy Smith/Steven Kane/Andy Meyrick larga da quarta colocação do pelotão.

Entre os protótipos inscritos na classe CN, o melhor foi o #94 da Avelon Formula. Mas a exemplo do #11 da Kessel Racing, o carro – inscrito com três pilotos – só teve Alessandro Latif e Guglielmo Bellotti nos treinos classificatórios. Se a regra vale para todos, esse carro também sai do fim do grid na largada para a primeira parte da prova.

Na categoria GX, o melhor tempo foi de Lee Moyle/Ryan Ratcliffe/Joseph Osborn, com um Ginetta G50 GT4 da Optimum Motorsport.

Dois dos 24 carros presentes às 12h de Abu Dhabi não apareceram para o treino classificatório: o McLaren MP4-12C GT3 #5 da MRS-GT Racing teve problemas de câmbio e o Lamborghini Gallardo #21 da Rhino’s Leipert Motorsport foi vítima de uma falha mecânica. Nenhum dos dois carros tem presença assegurada na largada amanhã, a partir de 9h30 da manhã, hora local.

 

 

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames