MENU

28 de fevereiro de 2014 - 02:29V8 Supercars

Duas poles para a Red Bull na Clipsal 500; Volvo impressiona

Jamie WhincupRIO DE JANEIRO - A Red Bull (ou melhor, a Triple 8 Race Engineering) começou bem a temporada 2014 do International V8 Supercars. Nos dois primeiros treinos classificatórios para as corridas de 39 voltas que serão disputadas neste sábado, abrindo a Clipsal 500 no circuito urbano de Adelaide, os dois Holden VF Commodore ficaram à frente no pelotão de 25 carros inscritos.

Jamie Whincup, o atual campeão, foi o mais veloz para a corrida #1 e seu companheiro de equipe Craig Lowndes acabou como o pole position da corrida #2. Sendo que, no grid da prova inaugural, os dois carros com o touro vermelho estarão monopolizando a primeira fila.

Whincup marcou o tempo de 1’20″584, abaixo do melhor tempo dos treinos livres, cortesia de Fabian Coulthard num outro Holden, inscrito pela Brad Jones Racing. Ele superou Lowndes por 0″151 e a terceira posição, a 0″235, ficou com Mark “Frosty” Winterbottom, do time oficial da Ford.

James Courtney, totalmente recuperado das fraturas sofridas num acidente fortíssimo ano passado em Phillip Island, colocou-se em quarto. A surpresa veio a seguir: o jovem Scott McLaughlin, revelação de 2013, classificou o estreante Volvo S60 da Garry Rogers Motorsport/Polestar Race na quinta colocação do grid. Um tremendo resultado, considerando que Robert Dahlgren, no segundo carro do time, ficou apenas em 21º.

O melhor Nissan Altima L33 ficou em 7º lugar com Todd Kelly, da equipe Jack Daniel’s. Já o Mercedes-Benz Erebus mais bem colocado foi o de Lee Holdsworth, qualificando-se na décima-sexta posição. Cabe observar que 20 dos 25 pilotos ficaram dentro do mesmo segundo no primeiro treino classificatório.

Scott McLaughlin

Na segunda bateria classificatória, que definiu o grid da corrida #2, McLaughlin voltou a surpreender com seu Volvo e fez o segundo melhor tempo, numa performance extraordinária do kiwi, imiscuindo-se entre os dois carros da Red Bull. O experiente Jason Bright foi bem e conseguiu a quarta posição, batendo o Ford de Mark Winterbottom, a Mercedes de Lee Holdsworth e o Nissan de Michael Caruso. As cinco marcas presentes no campeonato ficaram nas sete primeiras posições do grid. Nada mal.

Nas demais posições, destaque negativo para o 15º posto de Shane Van Gisbergen e o 16º posto de Fabian Coulthard, pois sempre espera-se muito de ambos os pilotos. O veterano Russell Ingall também não alcançou um bom tempo de classificação: foi o penúltimo, com Robert Dahlgren fechando a raia.

3 comentários

  1. Fernando Lima disse:

    Será que neste ano terá algum piloto capaz de enfrentar Wincup…porque atualmente reina absoluto.

  2. Ashpool disse:

    ” imiscuindo-se” foi ótimo …

  3. Racing Fan disse:

    Se houvesse um Honda Civic acho que não tinha pra ninguém. Acho que o Civic é o melhor turismo do momento. O hatch, não o Tourer, que fique claro. O Tourer é só para publicidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>