MENU

30 de julho de 2014 - 16:15Nascar

Punições severas para Hamlin e JGR após Indianápolis

20140729hamlinmain.jpg.main

Punições a granel, que vão de perda de pontos, a suspensão e multa, mancham o 3º lugar de Denny Hamlin na Brickyard 400 (Foto: Nascar)

RIO DE JANEIRO – A Nascar não brinca quando necessário. Regra é regra e a equipe Joe Gibbs Racing explorou uma brecha para dar um ganho de downforce ao carro #11 de Denny Hamlin durante a última edição da Brickyard 400, em Indianápolis. A falcatrua foi descoberta e foi anunciada uma punição bastante severa não só ao piloto como também à escuderia e, claro, ao chefe de equipe Darian Grubb. Numa escala de 1 a 6 de punições, esta foi de grau 5, quase que uma infração gravíssima dentro da categoria.

Para começo de conversa, Hamlin perdeu 75 pontos na classificação do campeonato. Para sua sorte, o piloto já tem uma vitória no campeonato, o que não o deixa fora do Chase. Mas para efeito de pontos, ele despencou de 11º para vigésimo-primeiro. Caiu, portanto, dez posições. A perda de pontos também se aplica para a Joe Gibbs Racing no campeonato de proprietários da Sprint Cup.

Darian Grubb sofreu as maiores sanções, no fim das contas. O chefe de mecânicos foi suspenso pelas seis próximas provas e posto em observação (o chamado probation) pelos próximos seis meses. E também levou uma multa de US$ 125 mil, pouco mais de R$ 270 mil, por conta das infrações cometidas e verificadas pelos commissários em Indianápolis.

Compartilhar

3 comentários

  1. Marcos Ferreira disse:

    Rdodrigo, qual foi a maracutaia?

    • Sil C San disse:

      Ações prejudiciais para as corridas de stock car. Seção 20-2,1: Corpo de carro deve ser aceitável para os dirigentes da NASCAR e atender aos seguintes requisitos:
      • K – Qualquer dispositivo ou canalização que permite que o ar passe a partir de uma zona do interior do carro para outro, ou para o lado de fora do veículo, não será permitida. Isto inclui, mas não está limitado a, o interior do carro para a área do tronco, ou os andares, firewalls painéis esmagamento e poços de roda de passagem de ar para dentro ou para fora do carro;
      • L – Todas as costuras da chapa de metal interior e toda chapa metálica interior de ponto de contacto chapa exterior devem ser fechadas e calafetadas. Isto inclui, mas não se limita a, pisos, firewalls, poços de roda, bandejas de pacotes, painéis de esmagamento e quaisquer tampas removíveis;
      Seção 20-3,4: Todas as referências a superfície da inspeção na subsecção 20-3,4 foram determinados com a borda inferior da frente de ambos os principais trilhos de quadro fixado em seis polegadas ea borda inferior traseira de ambos os principais trilhos de quadro fixado em oito polegadas. Para protecção do condutor, todos os firewalls, pisos, túneis e painéis de acesso deve ser instalado e completamente fixada no local quando o carro está em concorrência;
      Seção 20-3.4.5: Um firewall traseira, incluindo quaisquer painéis removíveis ou portas de acesso, construído utilizando chapa de aço magnético de um mínimo de 22 calibre (0,031 polegadas de espessura), deve estar localizado entre a área do tronco e do compartimento do condutor e deve ser soldada no lugar. Placas Block-off / cobre usado em firewalls traseiros no lugar de ventiladores, refrigeradores de óleo, etc, devem ser construídas, de 22 de calibre (0,031 polegadas de espessura) em chapa de aço magnético. Placas Block-off / tampas devem ser instalados com parafusos positivos e vedados para evitar o vazamento de ar. De fibra de carbono ou alumínio placas de bloco-off / tampas não será permitida.

      • Marcos Ferreira disse:

        SIL C SAN

        Lido o regulamento que você postou, fiquei ainda sem entender exatamente qual foi a alteração que fizeram no carro para ganhar o downforce!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *