MENU

10 de agosto de 2014 - 21:12United Sports Car Championship

Vitória fundamental da Action Express em Road America

Dagys_-2014_281752-728x4851

RIO DE JANEIRO – A três etapas para o encerramento do Tudor United SportsCar Championship na classe Prototype, chegar à frente dos adversários tornou-se questão de honra para João Barbosa/Christian Fittipaldi. Pois a dupla da Action Express Racing seguiu à risca as determinações – e muito mais: com o Corvette DP #5, a dupla luso-brasileira venceu a prova disputada neste domingo no circuito Road America, em Elkhart Lake.

Melhor que isso: o #10 de Jordan e Ricky Taylor não completou a prova. A dupla estadunidense foi vítima de um incidente que tirou o Corvette DP da Wayne Taylor Racing restando meia hora para o término da disputa. Do nada, a direção do carro quebrou num período de bandeira amarela, jogando Jordan Taylor, que estava a bordo, contra a barreira de pneus.

Naquela altura, a dupla do #5 já tinha feito seu último pit stop e estava contando com o tráfego para tentar roubar de Memo Rojas e Scott Pruett o comando da disputa. Deu certo. O #01 da Chip Ganassi Racing ficou preso entre os retardatários, bem como o #90 da Spirit of Daytona guiado por Michael Valiante e Richard Westbrook, o que beneficou Barbosa/Fittipaldi, vencedores pela terceira vez no TUSC.

A surpresa ficou por conta do 2º lugar: Oswaldo Negri e seu parceiro John Pew realizaram uma corrida brilhante, partindo da sétima posição do grid. Negri segurou a posição até o final, cruzando milésimos à frente do pole position Ryan Dalziel, que conduziu de forma excelente o #1 da ESM para mais um pódio.

Outra boa novidade foi o encorajador 5º posto geral da Marsh Racing: Eric Curran e Burt Frisselle andaram bem e levaram o #31 ao melhor resultado na temporada. Sem contar que o DeltaWing, de volta após o incêndio sofrido em Mosport, passou incólume de qualquer problema e chegou em oitavo.

Na classe Prototype Challenge, a corrida de Bruno Junqueira durou duas voltas apenas – aliás, o brasileiro nem chegou a guiar o Oreca FLM09 Chevrolet com que conquistara a pole position na véspera. Um acidente com outro adversário tirou Duncan Ende de esquadro logo cedo. A vitória foi do #8, aquele carro nas cores da Martini, guiado por Mirco Schultis/Renger Van der Zande, que terminaram em sexto na geral.

Luis Diaz/Sean Rayhall, a bordo do bólido da 8Star Motorsports, terminaram em segundo e Chris Miller/Stephen Simpson fecharam o pódio. Líderes do campeonato de forma absoluta até Road America, Colin Braun/Jonathan Bennett tiveram uma prova bastante atribulada. Perderam oito voltas ao final em decorrência de um toque sofrido por um carro rival e acabaram num distante 39º lugar geral.

RisiWin2

A Ferrari surpreendeu na GTLM: Giancarlo Fisichella/Pierre Kaffer levaram a #62 da Risi Competizione a uma imprevista vitória, mediante o nono lugar obtido nos treinos classificatórios entre os carros da divisão. A dupla chegou em 13º ao fim da disputa, desbancando a BMW de Dirk Müller/John Edwards, que vinha com banca de favorita após largar da pole na classe e o Dodge Viper de Jonathan Bomarito/Kuno Wittmer, que evoluiu muito na segunda metade do campeonato. Líderes da classificação até esta prova, Antonio Garcia/Jan Magnussen concluíram em 6º lugar.

Na GTD, desfalcada do Aston Martin pole position, que bateu no warm-up com um dos Mazda Skyactiv-D da Prototype, vitória sem grandes problemas para a Turner Motorsport e a BMW Z4 GT3, muito bem conduzida por Dane Cameron/Markus Palttala. Cooper MacNeil/Leh Keen chegaram em segundo e Madison Snow/Jan Heylen completaram o pódio.

Restando duas etapas para o fim do campeonato na classe Prototype, João Barbosa e Christian Fittipaldi lideram com 285 pontos, contra 266 de Michael Valiante/Richard Westbrook, que assumem a vice-liderança. Jordan e Ricky Taylor ficam para trás, somando os mesmos 248 pontos do veteraníssimo Scott Pruett. Oswaldo Negri/John Pew subiram para 228 pontos – mesmo assim estão em 8º na tabela.

O resultado final em Elkhart Lake está aqui

3 comentários

  1. Cuca Beludo disse:

    Legal. Terá algum post explicando sobre os novos regulamentos do campeonato ? Está muito interessante

  2. Luiz Lomando disse:

    Assisti a NASCAR no domingo pela FoxSports e a Tudor na WEB, simultaneamente. Na segunda feira, você e o Sergio Lago estavam narrando o VT da Tudor. Como é que armaram esse esquema?

    • Rodrigo Mattar disse:

      O sinal da Tudor só chegou para nós após a prova da Nascar, por volta das 18h do domingo. Gravamos como se fosse ao vivo na segunda-feira mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *