MENU

26 de outubro de 2014 - 22:03Rali

Ogier é bicampeão do WRC

520320141026174426

RIO DE JANEIRO – Não se pode negar que Jari-Matti Latvala foi um grande adversário ao longo de toda a temporada. Também não se pode negar que o finlandês recuperou terreno nas últimas etapas do Rali da Catalunha e quase “carimbou” a faixa. Mas Sébastien Ogier, o herdeiro direto do xará Loeb, é novamente campeão do Mundial de Rali, o WRC. O piloto da Volkswagen faturou o bicampeonato com a vitória na penúltima etapa, o Rali da Catalunha, chegando com quase 12 segundos de vantagem para Latvala. Como efeito do triunfo, mesmo após perder o Power Stage, a última especial que confere três pontos extras ao piloto mais rápido do trecho, Ogier chegou ao total de 242 pontos – 31 à frente do companheiro de equipe. Fatura mais do que liquidada.

O “best of the rest” teve Mikko Hirvönen com a 3ª colocação em seu melhor resultado a bordo do Ford Fiesta #5 desde o Rali de Portugal, quando foi segundo. Mads Östberg chegou em quarto, pouco à frente de Dani Sordo, que terminou como o mais bem colocado entre os pilotos Hyundai, posto que é um especialista em provas de asfalto.

Thierry Neuville, ainda na luta pelo quarto lugar da classificação no Mundial, chegou em 6º, pouco à frente de Andreas Mikkelsen – que já confirmou a terceira posição no campeonato. Martin Prokop foi disparado o melhor entre os pilotos não-oficiais, concluindo o Rali da Catalunha em oitavo, seguido por Hayden Paddon e Nasser Al-Attiyah. O piloto catari não só foi o melhor entre os competidores da WRC2, como também alcançou a liderança do campeonato, restando apenas o Rali da Grã-Bretanha, entre 14 e 16 de novembro. Nasser tem 20 pontos de vantagem para o finlandês Jari Ketomaa. Nesta penúltima etapa, Julien Maurin foi o 2º colocado da classe e Robert Barrable o terceiro.

O resultado do Rali da Catalunha:

1. Ogier-Ingrassia (VW Polo WRC) em 3.46’44”6
2. Latvala-Anttila (VW Polo WRC) a 11”3
3. Hirvonen-Lehtinen (Ford Fiesta RS WRC) a 1’42”2
4. Ostberg-Andersson (Citroen DS3 WRC) a 2’13”3
5. Sordo-Marti (Hyundai i20 WRC) a 2’22”2
6. Neuville-Gilsoul (Hyundai i20 WRC) a 4’01”0
7. Mikkelsen-Floene (VW Polo WRC) a 4’02”9
8. Prokop-Tomanek (Ford Fiesta RS WRC) a 8’06”8
9. Paddon-Kennard (Hyundai i20 WRC) 9’12”4
10. Al-Attiyah-Bernacchini (Ford Fiesta RS RRC WRC2) a 12’39”8

A pontuação do Mundial de Rali:

1. Sébastien Ogier (campeão) – 242 pontos
2. Jari-Matti Latvala – 211
3. Andreas Mikkelsen – 150
4. Mikko Hirvönen – 108
5. Mads Östberg – 92
6. Thierry Neuville – 91
7. Kris Meeke – 84
8. Elfyn Evans – 71
9. Martin Prokop – 42
10. Dani Sordo – 40
11. Henning Solberg – 26
12. Bryan Bouffier e Juho Hänninen – 20
14. Hayden Paddon – 18
15. Robert Kubica – 14
16. Ött Tanak – 11
17. Benito Guerra – 8
18. Chris Atkinson – 7
19. Pontus Tidemand – 6
20. Dennis Kuipers, Jaroslav Melicharek e Nasser Al-Attiyah – 4
23. Lorenzo Bertelli, Matteo Gamba, Yuriy Protasov e Craig Breen – 2
27. Jari Ketomaa, Karl Kruuda e Khalid Al-Qassimi – 1

1 comentário

  1. Fabricio disse:

    Esse vai fazer história como foi o Sèbastian anterior, e se não surgir um Marquez de rali para atrapalhar, vai enfileirar um título atrás do outro, pois é muito bom, e já passou da fase de desespero, arriscando em todas as curvas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *