MENU

11 de janeiro de 2015 - 16:12Rali Dakar

Saudita vence primeira especial num Dakar

Yazeed Al-Rajhi

Surpresa: o saudita Yazeed Al Rajhi, 3º colocado na geral em dupla com o alemão Timo Gottschalk, venceu sua primeira especial neste Dakar nos carros

RIO DE JANEIRO – O piloto saudita Yazeed Al Rajhi é desde o início do Rali Dakar a grande surpresa entre os competidores da categoria dos carros. Compondo uma dupla coesa com o experiente navegador Timo Gottschalk, ele vinha “batendo na trave” no que se refere à primeira vitória em especiais. Hoje, deu tudo certo. Na segunda parte da etapa “maratona”, com um total de 784 km aferidos pela organização, o piloto do Toyota Hilux #325 registrou o melhor tempo do dia em 3h26min49seg.

Muito atrasado em relação aos líderes, o argentino Orlando Terranova segue pisando fundo em busca de descontar o prejuízo: com seu Mini, ele e o navegador Bernardo Graue terminaram em 2º lugar, a 1min12seg dos vencedores do dia. Já para Nasser Al-Attiyah, a especial foi importante para que o catari permaneça na liderança geral. Num dos trechos, a diferença chegou a diminuir em três minutos entre ele e o sul-africano Giniel De Viliers, mas o piloto do Mini #301 descontou e chegou 13 segundos à frente do rival da Toyota. Assim, a distância entre eles segue praticamente a mesma. Agora são 8min27seg entre líder e vice-líder do Dakar na categoria.

O polonês Krzysztof Holowczyc continua em alta na competição: chegou em 5º na especial a 3min12seg de Al Rajhi, mantendo a quarta posição geral com vantagem superior a 28 minutos para o holandês Bernhard Ten Brinke (Toyota), que na etapa de hoje foi apenas o 23º colocado. Nani Roma, campeão da edição passada e que ontem destilou cobras e lagartos para cima de Al-Attiyah, foi o sexto colocado, seguido por Stéphane Peterhansel, Vladimir Vasiliev, Boris Garafulic e Carlos Sousa.

243370_467501_306_dk15_gustavoepifanio_060032_alta

A 8ª etapa, segunda da perna “maratona”, foi a melhor da dupla brasileira formada por Guiga Spinelli/Youssef Haddad: eles ficaram com o 11º lugar

A especial foi excelente, aliás, para os dois Mitsubishi ASX da equipe brasileira. Guilherme Spinelli/Youssef Haddad conquistaram o melhor resultado do carro #324 neste Rali Dakar. Terminaram em 11º lugar, com o tempo de 3h39min41seg, o que os coloca entre os 15 melhores na classificação geral. Eduardo Sachs, navegador do português Ricardo Leal dos Santos, também conseguiu chegar ao fim da etapa: a dupla do Nissan #360 concluiu o trecho cronometrado com a 19ª marca do dia – 3h52min58seg. Com o resultado, eles estão em 26º no agregado.

O resultado da etapa #8 nos carros:

1º #325 Yazeed Al Rajhi/Timo Gottschalk (Toyota) – 3h26min49seg
2º #305 Orlando Terranova/Bernardo Graue (Mini) – 3h28min01seg
3º #301 Nasser Al-Attiyah/Matthieu Baumel (Mini) – 3h29min25seg
4º #303 Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzewitz (Toyota) – 3h29min38seg
5º #307 Krzyzstof Holowczyc/Xavier Panseri (Mini) – 3h30min01seg
6º #300 Nani Roma/Michel Périn (Mini) – 3h30min13seg
7º #302 Stéphane Peterhansel/Jean-Paul Cottret (Peugeot) – 3h30min35seg
8º #310 Vladimir Vasiliev/Konstantin Zhiltsov (Mini) – 3h32min49seg
9º #319 Boris Garafulic/Filipe Palmeiro (Mini) – 3h36min58seg
10º #306 Carlos Sousa/Paulo Fiuza (Mitsubishi) – 3h38min06seg

Classificação geral:

1º #301 Nasser Al-Attiyah/Matthieu Baumel – 26h41min15seg
2º #303 Giniel De Villiers/Dirk Von Zitzewitz – 26h49min42seg
3º #325 Yazeed Al Rajhi/Timo Gottschalk – 26h59min55seg
4º #307 Krzyzstof Holowczyc/Xavier Panseri – 27h35min53seg
5º #315 Bernhard Ten Brinke/Tom Colsoul – 28h04min07seg
6º #314 Erik Van Loon/Wouter Rosegaar – 28h07min06seg
7º #309 Christian Lavieille/Pascal Maimon – 28h29min56seg
8º #302 Stéphane Peterhansel/Jean-Paul Cottret – 28h33min01seg
9º #306 Carlos Sousa/Paulo Fiuza – 28h48min28seg
10º #320 Ronan Chabot/Gilles Pillot – 29h08min05seg

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *