MENU

20 de fevereiro de 2015 - 20:30Nascar

Deu ruim para o Buschão

Coca+Cola+600+Fi5MDRNlXbZx

Acusado de agressão pela ex-namorada Patricia Driscoll, Kurt Busch acaba de ser suspenso pela Nascar, por tempo indeterminado

RIO DE JANEIRO – Campeão de 2004 na Sprint Cup Series, Kurt Busch está suspenso por tempo indeterminado pela direção da Nascar. Os boatos ganharam força durante o dia e o que se temia foi confirmado nesta noite aqui no Brasil. O piloto da Stewart-Haas Racing, que deveria largar em 24º lugar no grid das 500 Milhas de Daytona neste domingo, cometeu abuso e violência contra a ex-namorada Patricia Driscoll em setembro último, no paddock do circuito Dover International Speedway, em Delaware.

Segundo relatos dos jornalistas estadunidenses, Patricia foi agredida pelo Buschão, estrangulada e jogada contra uma parede, batendo a cabeça com violência. O caso, é claro, parou na justiça: o comissário David Jones, do condado de Kent, afirmou ser “provável” o ato de abuso do piloto sobre sua própria namorada.

O substituto de Kurt Busch já está definido: é Regan Smith, que disputa a Nascar Xfinity Series. Ele terá que largar da última posição na corrida que abre a temporada 2015 da Sprint Cup.

Compartilhar

2 comentários

  1. Fernando Lima disse:

    Não quero dar uma de defensor do Buschão…mas a julgar pela foto a moça também não parece ser “flor que se cheire” não.

  2. Jeremias Campos de Maio disse:

    É, pelo jeito o caô de que ela é um assassina profissional do governo americano não colou…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *