MENU

25 de fevereiro de 2015 - 13:50Fórmula 1, Temporada 2015

E não é que a Manor tem piloto?

1412306325

RIO DE JANEIRO – A Manor, que assumiu o lugar da Marussia na Fórmula 1, corre contra o tempo. Sem ter feito um único teste de pré-temporada e proibida de usar o carro da Marussia no ano passado, em veto conjunto das demais equipes da categoria, a equipe prepara o novo bólido em Donington, já que a antiga sede do time recém-liquidado judicialmente será da Haas F1 do estadunidense Gene Haas.

Além de correr contra um prazo curtíssimo de construção do carro, uma vez que os equipamentos têm que ser embarcados para a Austrália com relativa antecedência, a Manor não só assegurou o fornecimento da unidade de potência através da Ferrari como também anunciou um dos dois pilotos para 2015: é o britânico Will Stevens, de 23 anos.

Ano passado, ele apareceu como o substituto de Marcus Ericsson no GP de Abu Dhabi, largando na última corrida da história da Caterham. Seu resultado foi o 17º lugar. O piloto tinha vínculo com a equipe de Tony Fernandes como piloto de teste, enquanto competia na World Series by Renault, pela Strakka. Em outubro, antes do campeonato terminar, ele fora anunciado pela Marussia para guiar nas sextas-feiras de treinos livres até o fim do ano, mas a situação falimentar do time o deixou sem lugar – até a participação solo pela Caterham.

Veremos se realmente a Manor participa do GP da Austrália. Certo é que a lista de pilotos aumenta para 19 e é aguardado para muito breve o anúncio do 20º e último nome para a temporada 2015.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *