MENU

16 de maio de 2015 - 14:21WTCC

Citroën domina etapa histórica do WTCC no Inferno Verde

Muller-Ring

Os rivais da Citroën só enxergaram assim os C-Elysée oficiais de fábrica no Ring de Nürburg

RIO DE JANEIRO – A Citroën não deixou dúvidas acerca de sua superioridade sobre as adversárias no WTCC, o Mundial de Carros de Turismo. Mesmo com um carro 60 kg lastreado de acordo com o regulamento, que prevê o aumento de peso para o carro mais dominante, o construtor francês continua a enfileirar vitórias na temporada 2015. Na histórica rodada dupla de Nürburgring no Inferno Verde, a 4ª do ano, os pilotos oficiais deitaram e rolaram.

Na prova #1, o argentino José María López driblou a chuva e a névoa da manhã no Nordscheleife para conquistar mais um triunfo no campeonato, com vantagem de quase cinco segundos para Sébastien Loeb. O pódio foi todo Citroën, pois Yvan Muller chegou na terceira colocação. Com o quarto lugar, Norbert Michelisz impediu a “quadrifeta” dos pilotos de fábrica, pois Ma Qing Hua chegou em quinto. O magiar também foi o melhor entre os pilotos não pertencentes a equipes oficiais de fábrica. Como destaque, o primeiro ponto marcado pela estreante Sabine Schmitz, que terminou a disputa em décimo lugar, valendo-se para isso do seu amplo conhecimento da pista.

O português Tiago Monteiro foi o pole da prova #2 e lutou com todas as suas forças para tentar vencer pela primeira vez este ano com o Honda Civic da equipe Castrol Jas. Mas o que o luso pôde alcançar foi a 3ª colocação. Largando de quinto com a inversão do top 10 dos treinos para esta corrida, Yvan Muller logo chegou ao segundo lugar e posteriormente à liderança, da qual não mais saiu. Pechito López confirmou a grande fase: veio de décimo para segundo, cruzando a linha de chegada após três voltas com apenas 173 milésimos de desvantagem. Com os pontos do triunfo, Muller aproximou-se de Loeb na briga pela vice-liderança. López lidera com folga o campeonato, 50 pontos à frente do 2º colocado.

O resultado da prova #1:

1 – José Maria Lopez (Citroen C-Elysée) – Citroen – 3 voltas em 26’02″520
2 – Sébstien Loeb (Citroen C-Elysée) – Citroen – 4”930
3 – Yvan Muller (Citroen C-Elysée) – Citroen – 8”759
4 – Norbert Michelisz (Honda Civic) – Zengo – 9”918
5 – Ma Qing Hua (Citroen C-Elysée) – Citroen – 10”516
6 – Gabriele Tarquini (Honda Civic) – Honda Jas – 10”789
7 – Mehdi Bennani ((Citroen C-Elysée) – SLR – 11”389
8 – Stefano D’Aste (Chevrolet Cruze) – Munnich – 12”755
9 – Tom Chilton (Chevrolet Cruze) – Roal – 21”910
10 – Sabine Schmitz (Chevrolet Cruze) – Munnich – 35”348

A classificação final da prova #2:

1 – Yvan Muller (Citroen C-Elysée) – Citroen – 3 voltas em 26’02″149
2 – José Maria Lopez (Citroen C-Elysée) – Citroen – 0”173
3 – Tiago Monteiro (Honda Civic) – Honda Jas – 0”593
4 – Gabriele Tarquini (Honda Civic) – Honda Jas – 0”694
5 – Sébastien Loeb (Citroen C-Elysée) – Citroen – 3”402
6 – Mehdi Bennani (Citroen C-Elysée) – SLR – 4”062
7 – Rob Huff (Lada Vesta) – Lada – 5”365
8 – Tom Coronel (Chevrolet Cruze) – Roal – 8”865
9 – Jaap Van Lagen (Lada Vesta) – Lada – 10”000
10 – John Filippi (Chevrolet Cruze) – Campos – 18”077

Classificação do campeonato após quatro rodadas:

1. José María López – 177 pontos; 2. Sébastien Loeb – 127; 3. Yvan Muller – 126; 4. Tiago Monteiro – 73; 5. Ma Qing Hua – 64; 6. Norbert Michelisz – 61; 7. Gabriele Tarquini – 58; 8. Tom Chilton – 44; 9. Mehdi Bennani – 40; 10. Hugo Valente – 31; 11. Tom Coronel – 23; 12. Stefano D’Aste – 16; 13. Rob Huff – 9; 14. James Thompson – 6; 15. John Filippi – 5; 16. Rickard Rydell – 3; 17. Jaap Van Lagen e Grégoire Demoustier – 2; 19. Sabine Schmitz – 1 ponto.

3 comentários

  1. Ricardo disse:

    Ansioso para ver o VT das corridas.

  2. Gustavo disse:

    Fico na torcida pelo retorno do WTCC ao Brasil.

    Com a possibilidade do fim de Curitiba, a exemplo do que ocorreu com Jacarepaguá, quem sabe o Circuito dos Cristais não anime os organizadores, uma vez que Interlagos só atende a F-1?

    Tomara…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *