MENU

21 de setembro de 2015 - 15:0424 Horas de Le Mans, Mundial de Endurance, United Sports Car Championship

Ganassi e Ford em duas frentes em 2016

gallery-1442842824-ford2

RIO DE JANEIRO – Vinte corridas de Endurance em 2016. Este é o “cardápio” da Chip Ganassi Racing para o próximo ano, em que a equipe tradicional da Fórmula Indy e da Nascar vai disputar – ao mesmo tempo – o WeatherTech SportsCar Championship da IMSA e o World Endurance Championship, da parceria ACO/FIA, com o novo Ford GT com motor EcoBoost biturbo.

É, no mínimo um programa ambicioso envolvendo a CGR, a Multimatic e a montadora de Detroit, levando o seu produto a três diferentes continentes e englobando uma logística invejável, como mostrado no vídeo abaixo.

Serão dois carros no certame estadunidense e mais dois no Mundial. Quatro carros no total, no mínimo oito pilotos a bordo e, provavelmente, doze (ou até dezesseis) para a disputa da 84ª edição das 24h de Le Mans, que terão o aguardado confronto entre a Ford e suas rivais Aston Martin, Porsche, Ferrari e Chevrolet Corvette – todas com carros novos ou evoluções dos atuais modelos, para ficar de acordo com o novo regulamento LMGTE.

Quem gostou, bate palma. Quem não gostou, só lamento.

5 comentários

  1. TARCISIO FRASCINO FONSECA disse:

    Torçamos que seja um grande campeonato para todos os envolvidos!

  2. Fernando Lima disse:

    Em minha opinião será o maior encontro dos últimos anos…fala-se em GT x Corvette, mas os mais saudosistas com certeza esperam um GT x F488, por toda a história entre os dois fabricantes das máquinas.
    E o Sr. Chip Ganassi que se vire para dar atenção às 4 categorias e ser competitivo em todas (na Nascar nunca foi muito, é verdade…), porque representar um mito das pistas do porte do Ford GT, descendente do GT40, não é para qualquer time. Estou ansioso.

  3. Pedro P. disse:

    Já se sabe quem seriam os pilotos?

    Porque percebe-se que esses carros GTE ou GTLM não são para qualquer um. Já teve muita gente pegando caras de monopostos e que se deram mal, com os caras não dando conta do recado.

    E entre os PRO de GT, quem é que mudaria de equipe? São muitas vagas…

    • Rodrigo Mattar disse:

      Nada de pilotos anunciados no momento. A gente até pode se surpreender, porque eu não descartaria, por exemplo, nenhum dos dois pilotos de teste, Scott Maxwell e Billy Johnson. Afinal, são eles que têm feito o desenvolvimento desde o início e conhecem demais o carro.

  4. Fernando Kesnault disse:

    Só fico pensando na equipe que corre na Sprint Cup da Nascar…..será que haverá cortes por lá/???

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *