Nasce o novo Aston Martin para o regulamento LMGTE

N
The-GTEs-rear-diffusser-has-been-extended
Com novo difusor traseiro e novo aerofólio, montados dentro das regras da classe LMGTE, eis o Aston Martin Vantage V8 para 2016

RIO DE JANEIRO – A Aston Martin lançou hoje em caráter oficial a versão 2016 do modelo Vantage V8 para o novo regulamento das classes LMGTE, que entra em vigor a partir do próximo ano. Com o objetivo de aumentar a diferença de performance entre os modelos dessa divisão e os FIA GT3, foram introduzidas alterações substanciais no que concerne ao desempenho mecânico e aerodinâmico de cada bólido.

O difusor traseiro do novo Vantage, por exemplo, obedece à normativa de que a peça pode ser estendida até 100 mm em relação à parte traseira do carro. O mesmo acontece com o aerofólio, igualmente estendido na mesma medida. Além de um motor com 50 HP a mais, o novo Aston Martin Vantage V8 também sofreu extensas modificações no chassis, porque agora os carros têm que apresentar uma saída extra pelo teto, por medida de segurança. Testes de impacto e um novo assento também foram introduzidos.

Um carro teste será enviado para a França, a fim de se efetuar o primeiro comparativo para que a FIA introduza o primeiro Balance of Performance (BoP) dos modelos FIA GTE e FIA GT3 para 2016. No que concerne ao V12 Vantage, o motor de 6 litros está mantido, mas com novas camisas de cilindros e bielas. Novos radiadores de água e óleo foram concebidos e redesenhados para o modelo do construtor britânico.

A princípio, a estreia da nova versão do Aston Martin não está programada para as 24h de Daytona. O chefe de equipe John Gaw não se pronuciou a respeito, mas poderia ser um importante teste de performance para o carro, uma vez que o Vantage na versão 2016 está totalmente elegível para o Weather Tech SportsCar Championship.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

5 Comentários

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames