Kessel Racing vence 12h de Abu Dhabi

K

o_1a65ppnhe1alo1lt5f2b19ce1sq2nRIO DE JANEIRO – Disputada hoje em duas fases de seis horas cada – a primeira pela manhã e a segunda à noite, com iluminação artificial – a edição 2015 das 12h de Abu Dhabi viu a vitória da Ferrari F458 GT3 da equipe suíça Kessel Racing. O carro #11 guiado por Davide Rigon/Andrea Piccini/Michael Broniszewski foi o melhor de toda a disputa, que somou 301 voltas ao fim das metades iguais no circuito de Yas Marina.

Na verdade, a trinca da equipe helvética foi a grande dominadora da disputa, que na primeira metade terminou com quatro carros na mesma volta e na segunda, com três. A Mercedes da Black Falcon guiada por Hubert Haupt/Yelmer Buurman/Abdulaziz Al Faisal chegou com pouco mais de 24 segundos de desvantagem para os campeões da prova, enquanto o Aston Martin V12 Vantage GT3 da Oman Racing Team, que largou da pole position com o trio Jonathan Adam/Ahmad Al Harty/Darren Turner, fechou o pódio final.

A prova contou com apenas 18 carros inscritos e marcou a estreia da lenda da MotoGP Loris Capirossi a bordo de uma Ferrari F458 GT3 alinhada também pela Kessel Racing. Na primeira parte, “Capirex” e seus companheiros Niki Cadei e Alexis de Bernardi chegaram a ocupar a sexta colocação. Ao fim da segunda metade, caíram para oitavo na classificação geral, completando 289 voltas. Acabaram em 2º lugar na subclassificação destinada aos Gentlemen Drivers.

Nas outras subcategorias, Jack Gerber/Marco Cioci/Ilya Melnikov (AF Corse) ganharam na divisão Pro-Am, com direito a terminar em quarto na geral, à frente de Marco Zanuttini/Vadim Gitlin/Michael Lyons (Kessel Racing), os melhores na classe Gentlemen. Na Cup, o Porsche de Xavier Maassen/Charlie Espenlaub/Charles Putman cumpriu boa prova e ganhou em sua categoria, terminando em 9º na soma dos resultados. O único protótipo CN2 que acabou competindo, o Wolf GB08 da equipe Angelo Negro, acabou 30 voltas atrás, em 15º lugar.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

1 Comentário

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames