MENU

9 de março de 2016 - 13:56Fórmula 1

A escolha da borracha

1457452135

RIO DE JANEIRO – Pilotos e equipes já sabem quais são os pneus que serão utilizados no GP da Austrália, prova de abertura do Mundial de Fórmula 1 em 2016. Pela ilustração aqui acima, publicada no site da tradicional revista britânica Autosport, são três os compostos à disposição das equipes em Melbourne: médios, macios e supermacios. Cada piloto receberá da Pirelli um total de 13 jogos de pneus slicks.

Segundo a arte, 12 dos 22 pilotos vão dispor de um número maior de pneus supermacios e apenas Lewis Hamilton e Marcus Ericsson optaram por escolher mais jogos de pneus macios, com cor amarela na lateral, que os demais adversários.

A escolha da dupla da Manor é a mais underrated possível. Tanto Rio Haryanto quanto Pascal Wehrlein escolheram quatro jogos de pneus médios, exatamente o dobro em relação à maioria. Assim, o indonésio e o alemão também terão menos pneus supermacios do que qualquer outro piloto. Mas em contrapartida, vão ter quatro pneus macios, assim como Gutiérrez, Verstappen, Sainz Jr., Kvyat e Ricciardo.

2 comentários

  1. Stanley Ragazzi disse:

    Não acredito que a escolha de pneus tenha sido feita pelos pilotos da Manor.
    Eles foram confirmados agora em fevereiro e a escolha dos pneus foi feita em dezembro devido a regra de 14 semanas de antecedência para GPs fora da Europa.
    A equipe é que deve ter feito a escolha.
    O mesmo vale para os pilotos da Renault.

  2. Marchi disse:

    Nossa! Meu entendimento da regra era totalmente errado.

    Pensava que a Pirelli iria disponibilizar opções de pneus e os pilotos teriam direito, no caso de três compostos disponíveis, somente escolher duas.

    Ou seja… não haverá surpresas. O TI das equipes já têm todas as possibilidades trilhadas em seus softwares.

Deixe uma resposta para Stanley Ragazzi Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *