MENU

27 de março de 2018 - 23:57Automobilismo Internacional

Surpresa: Jaie Robson sai líder do Australiano de GT em Melbourne

RGP-2018-ROLEX-F1-GP-thur-a94w2048-800x533

Elemento-surpresa: Jaie Robson venceu duas em Melbourne na abertura do Australiano de GT, emergindo como líder da classificação

RIO DE JANEIRO – Com duas vitórias ao longo da rodada quádrupla de abertura da temporada 2018 do CAMS Australian GT em Melbourne, temos um elemento-surpresa na liderança da classificação: Jaie Robson acabou como o piloto que mais pontos marcou no fim de semana, saindo de Albert Park como o primeiro da tabela, ao somar 156 pontos.

Na vice-liderança, um empate: a dupla Peter Hackett/Dominic Storey, a bordo da Mercedes #63 da equipe Eggleston Motorsport, com seu desempenho na pista de rua, chegou ao total de 135 pontos. Também o campeão de 2017 Geoff Emery leva 135 pontos para casa, graças à ajuda valiosa do ex-WEC Marcel Fässler, que fez sua estreia na categoria australiana com o Audi R8 LMS da Valvoline-JAMEC PEM Racing.

Craig Baird e Scott Taylor, na Mercedes #22 da Scott Taylor Motorpsort, completaram a ‘varrida’ do construtor da estrela de três pontas no fim de semana. Ganharam duas provas – a de abertura e a terceira. Mas com os outros resultados, acabaram perdendo 30 em relação ao líder e três para o quarto colocado da tabela, Fraser Ross.

40058471625_ea25159475_k

Convidado de luxo: Giancarlo Fisichella andou nesta Ferrari e conquistou dois bons resultados. Foi 2º e quarto nas baterias que disputou no Albert Park

Vencedor do GP da Austrália de Fórmula 1 em 2005, Giancarlo Fisichella voltou à pista australiana e competiu com uma Ferrari 488 GT3 da Maranello Motorsport em dupla com Peter Edwards. Fisico fez dois ótimos resultados: 2º colocado na prova #1 e quarto na prova #3. Mas na prova #2, que se encerrou com a luz dos faróis em Melbourne, Edwards chegou em 16º apenas. Como efeito, o piloto sai com apenas 88 pontos na classificação.

Na subclasse GT Trophy, para os modelos mais defasados em relação aos atuais, Nick Kelly levou seu Audi R8 LMS Ultra #199 da Industrie Clothing ao triunfo em todas as quatro baterias. Por isso, é o líder da classificação com 220 pontos contra 179 de John Marriss, que alinhou um Porsche em dupla com Daniel Stutterd.

Entre os GT4, a luta foi entre Jeremy Gray (Aston Martin) e Xavier West (BMW). Os dois estão separados por somente dois pontos – 191 a 189 – na subcategoria que teve apenas quatro inscritos em Melbourne.

A próxima prova do campeonato será já em abril, no fim de semana de 13-14 do próximo mês, no The Bend Motorsport Park. E válida como a primeira etapa do Australian GT Endurance Championship, que será disputado em três rodadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *