Car Collection triunfa nas 24h de Dubai

C
24h Dubai 2019
Vitória dominante da Car Collection com este Audi durante as 24h de Dubai

RIO DE JANEIRO – Terminou há instantes a 14ª edição das 24h de Dubai, disputada nesta sexta e hoje nos Emirados Árabes Unidos por um grid de 74 carros distribuídos em várias categorias que compõem o certame 24h Series, organizado pela holandesa Creventic.

E pela primeira vez, a equipe alemã Car Collection Motorsport conquistou uma importante vitória, na estreia oficial da nova versão do Audi R8 LMS. O carro #88 partilhado por Christopher Haase/Fréderic Vervisch/Dmitri Parhöfer/Rik Breukers dominou a corrida quase em sua totalidade. Foram 559 das 606 voltas percorridas ocupando a dianteira, num triunfo incontestável e tranquilo que dá à Audi o segundo triunfo dos quatrargólicos nas 24h de Dubai.

A marca de Ingolstadt, inclusive, venceu em dobradinha – já que o 2º posto foi da equipe MS7 by WRT, com Michael Vergers/Dries Vanthoor/Christopher Mies/Mohammed Saud Fahad al Saud, que chegaram uma volta atrás.

Pole position, o Lamborghini Huracán da GRT Grässer que teve a bordo Rolf e Mark Ineichen, além de Mirko Bortolotti e Christian Engelhart, liderou no início, foi ultrapassado pelos vencedores e daí em diante não conseguiu mais discutir a vitória. Uma quebra de suspensão levou a equipe a uma parada extra de reparos e o 4º lugar, com sete voltas de desvantagem, foi o que de melhor puderam alcançar.

Num top 6 dominado por quatro dos novos Audi e mais este Lamborghini, a Ferrari 488 GT3 da Bohemia Energy Racing with Scuderia Praha surpreendeu positivamente e levou o pódio com Jiri Pisarik/Josef Král/Matteo Malucelli, completando quatro voltas a menos em relação aos vitoriosos.

Além da Grässer, outras equipes como a KCMG e principalmente a Black Falcon tiveram problemas com seus carros ao longo da disputa, tirando de esquadro vários competidores que poderiam ter lutado mais à frente. Como efeito, a HTP Motorsports terminou com o melhor Mercedes-AMG GT3 da disputa – 7ª posição geral para Alexander Hrachowinia/Bernd Schneider/Indy Dontje/Brice Bosi/Martin Konrad, ganhando na subclasse A6-AM.

A participação do quarteto brasileiro da MRS GT-Racing na disputa foi boa: Ricardo Maurício, Werner Neugebauer, Dennis Dirani e Daniel Schneider levaram o Porsche 991-II Cup de dorsal #990 inscrito na divisão SPX ao 16º posto geral e segundo na divisão. Era muito difícil competir com o ritmo do Lamborghini Super Trofeo EVO inscrito pela Leipert Motorsport – só se esse carro quebrasse. Com inteligência, o quarteto brazuca manteve-se longe de atribulações, terminando a prova com 576 voltas percorridas.

O time de Karsten Molitor tinha bólidos inscritos em três classes e pelo menos numa delas acabou com o triunfo: a BMW M4 GT4 do quarteto formado por Thomas Pekar, Franjo Kovas, Frëdrik Kestrup e Thomas Tekaat surpreendeu e bateu por cinco voltas de frente a Sörg Rennsport, outra que se socorreu do modelo bávaro para a disputa. Na 991, dos Porsche Cup, ganhou a Duel Racing, que terminou em 17º lugar.

Numa prova que teve 19 neutralizações (o chamado Code 60), somando quatro horas em que os pilotos tiveram que andar sob velocidade reduzida, a Autorama Motorpsort foi a vencedora entre os carros do grupo TCR com um Volkswagen Golf que chegou em 26º lugar na geral. Foi o primeiro dos carros da TCE Series que recebeu a quadriculada. Nas demais subclasses, a Fun-M Motorsport ganhou na Cup1, o Vortex Scirocco GC10 levou a melhor no grupo SP3 e na A3, quem teve as honras foi a GR Motorsport com uma BMW E46 GT3.

Ao todo, 55 carros foram classificados – mas desse total, onze não receberam a bandeira quadriculada. A próxima etapa do certame 24h Series será as 12h de Mugello, que se disputarão no fim de março – como primeira etapa do Campeonato Europeu.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames