Lista final das 12h de Bathurst com 41 inscritos

L

2019-entry-list-graphic-770x480

RIO DE JANEIRO – Após alguns ajustes e desistências, foi enfim divulgada a lista final das 12h de Bathurst, prova de Endurance que abre no próximo dia 3 de fevereiro a temporada 2019 do Intercontinental GT Challenge.

Felizmente, não houve qualquer desistência no plantel de 28 modelos GT3 inscritos e que vão certamente disputar a vitória no espetacular circuito de Mount Panorama, subindo e descendo os mais de 6 km da desafiadora pista da Austrália. As baixas aconteceram na classe B, onde um dos quatro Porsche Cup anteriormente anunciados está fora e também na divisão C, dos modelos GT4. A Ginetta Australia teria três carros – serão dois.

Assim, a lista está fechada em 41 carros – contudo sem a divisão dos carros da classe A de acordo com as graduações dos pilotos. Contudo, a disputa na turma de cima terá 10 marcas diferentes na pista, sem contar ainda os KTM, Ginetta e MARC Cars dos outros grupos, o que aumenta o total de construtores para 13.

Entre os pilotos, teremos mais de 120 nomes representando até o momento 22 países, com a presença do Brasil – mais uma vez contando com Augusto Farfus a bordo do carro #42 da Schnitzer, a mesma equipe pela qual competiu em 2018, com um BMW M6 GT3.

Os atuais campeões do IGTC, o francês Tristan Vautier e o australiano Kenny Habul, este vitorioso entre os Gentleman Drivers, também fazem parte do plantel de pilotos. E a Mercedes-Benz confirmou ontem seus nove representantes em toda a temporada da competição. Serão eles os alemães Thomas Jäger, Maro Engel, Maxi Götz, Luca Stolz e Maxi Bühk, o italiano Raffaele Marciello, o britânico Gary Paffett, o holandês Yelmer Buurman e, logicamente, Vautier.

Eles estarão espalhados em quatro dos carros da marca da estrela de três pontas confirmados para a competição. A Mercedes tem seis AMG GT3 confirmados em Bathurst e pelo menos um deles tem uma constelação de pilotos locais, feras dos Supercars – Craig Lowndes, Jamie Whincup e Shane Van Gisbergen, que vão no #888 da Triple Eight.

Outra novidade para Bathurst será ninguém menos que Paul Tracy a bordo de um MARC da classe Invitational. O parrudo canadense de 50 anos, vencedor de 31 provas de Fórmula Indy, foi anunciado como substituto de Boris Said no carro #91 que o antigo piloto da Penske, Andretti-Green e Newman-Haas, entre outras organizações, dividirá com Keith Kassulke e Paul Morris.

Uma olhada mais detida na lista nos traz também o nome de outro velho conhecido, que vira e mexe corre em Bathurst: Ivan Capelli, hoje com 55 anos e careca – igualzinho o escriba aqui – vai de Lamborghini Huracán com Jim Manolios, Ryan Miller e Dean Canto. Ano passado, inclusive, essa mesma tripulação chegou em quarto lugar na classe A Pro-Am e em oitavo na geral.

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

Adicione um Comentário

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames