MENU

19 de março de 2019 - 17:54Super GT

Nissan faz melhores tempos em Okayama na pré-temporada do Super GT

Calsonic-Nissan-GT-R-NISMO-GT500-Okayama-test-1

A dupla Rossiter/Sasaki partiu na frente das rivais durante a pré-temporada do Super GT em Okayama

RIO DE JANEIRO – Os testes de pré-temporada do Super GT realizados em Okayama (a antiga pista de Aida, que recebeu duas corridas de Fórmula 1, lembram?) foram realizados com todos os 44 carros inscritos na temporada 2019. Divididos entre GT500 e GT300, os bólidos do principal campeonato de Grã-Turismo do Japão ganharam o circuito com 3,703 km de extensão para dois dias de atividades e quatro sessões de treinos.

O primeiro dia foi quase definitivo em termos de avaliação de desempenho, já que no segundo choveu num dos períodos, a pista perdeu um pouco do emborrachamento normal e alguns tempos não foram mais superados. A Nissan saiu dos testes com a melhor volta: o carro #12 da dupla Daiki Sasaki e James Rossiter foi o mais rápido – 1’17″167, tempo alcançado na segunda sessão de testes.

A marca deles foi cerca de sete décimos melhor que o Lexus #6 do Wako’s Team LeMans, dos pilotos locais Kazuya Oshima e Kenta Yamashita, com o #36 da Au Tom’s em terceiro. Kazuki Nakajima não participou dos testes por conta do compromisso com o FIA WEC em Sebring. Yuhi Sekiguchi fez o trabalho sozinho e conseguiu 1’18″058.

Campeã em 2018, a Honda teve a melhor volta dos testes em 1’18″301, tempo conseguido pelo carro da Keihin Real Racing, de Koudai Tsukakoshi e Bertrand Baguette. O atual campeão Jenson Button e seu parceiro Naoki Yamamoto ficaram com 1’18″874 – e possivelmente se esperava algo muito melhor do que isso.

Dstation-Aston-Martin-Vantage-GT3-Okayama-test-1

Nono tempo geral para João Paulo de Oliveira e Tomonbu Fujii na classe GT300: o melhor tempo foi da K-Tunes, com um Lexus RC-F GT3

Na divisão GT300, a K-Tunes conseguiu fazer uma volta mais rápida que no primeiro dia, quando a Goodsmile Racing Team Ukyo, do antigo piloto de Fórmula 1 Ukyo Katayama, estabeleceu a marca de referência. Com o Lexus RC-F, Morio Nitta e Sena Sakaguchi fecharam os treinos com 1’25″455. A Hoppy Tsuchiya Engineering, com Takamitsu Matsui e Kimiya Sato a bordo do Toyota 86 “Mother Chassis” ficou com o segundo tempo – 1’25″694.

A marca do Mercedes-AMG de Nobuteru Taniguchi e Tetsuya Kataoka no primeiro dia de testes foi suficiente para que a dupla fechasse em 3º lugar no agregado dos dois dias. O Subaru BRZ da R&D Sport ficou com o quarto tempo e o Lotus Évora, outro dos “Mother Chassis”, alinhado pela Cars Tokai Dream 28, foi o quinto.

O brasileiro João Paulo de Oliveira e seu companheiro de equipe Tomonobu Fujii ficaram com o 7º lugar no agregado do primeiro dia, melhorando o tempo em 0″013 na segunda leva de treinos. O Aston Martin AMR Vantage GT3 da D’Station Racing acabou os testes com um razoável nono posto. Ao todo, foram cumpridas 147 voltas pela dupla do carro #7 ao longo dos períodos de pista aberta em Okayama – que será o traçado sede da prova de abertura do campeonato de 2019, no dia 14 de abril. Serão disputadas oito etapas, tendo como evento mais longo as 500 Milhas de Fuji, em agosto.

2 comentários

  1. Fernando Silva disse:

    Apesar dos tempos animadores na pista e, sem pachequismo, acho que o time Nissan perde sem o João Paulo Oliveira, qie agora se aventura pela GT 300…vamos conferir.

  2. André Fonseca disse:

    Nenhum carro, em todas as Eras de todos os Universos, será tão lindo quando esse GTR Calsonic!!!

    Chegando perto, mas mesmo assim anos-luz atrás, a pintura Gulf…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *