Sobe a placa: sai Spirit of Race, entra Duqueine

S
dun
A equipe francesa Duqueine Engineering é alçada à lista titular das 24h de Le Mans na classe LMP2. O carro terá o dorsal #30 na prova de junho

RIO DE JANEIRO – A edição passada das 24h de Le Mans – coisa rara, aliás – não teve nenhum forfait, nenhum tipo de desistência. Só que nem bem chegamos a 90 dias para a histórica corrida francesa, que neste ano encerra a temporada 2018/19 do Mundial de Endurance, e já temos a primeira mudança na lista oficial de inscritos.

A equipe suíça Spirit of Race retirou a inscrição da Ferrari 488 GTE LMGTE-AM #55. Esse bólido é um competidor regular do European Le Mans Series e os pilotos indicados foram Duncan Russell Cameron e Aaron Scott. Portanto, faltava apenas um nome para se completar a tripulação. Não foram explicados, contudo, os motivos que fizeram a equipe – que é um braço da AF Corse – se retirar da prova com este carro.

A Spirit of Race concentrará seus esforços no carro #54 do WEC, que briga pelo título mundial da divisão com o trio Thomas Flöhr/Giancarlo Fisichella/Francesco Castellacci.

Assim sendo, a equipe francesa Duqueine Engineering é repescada da lista de espera e ganha a oportunidade de disputar a lendária prova de La Sarthe pela primeira vez, com um protótipo Oreca 07 Gibson LMP2.

Yann Belhomme, já sabendo da boa nova, fez questão de anunciar seus três pilotos: o veterano Romain Dumas vai para a disputa de sua 19ª 24h de Le Mans, ao lado dos compatriotas Nico Jamin e Pierre Ragues.

“Somos vizinhos na minha cidade (Alès)”, contou Dumas. “Conhecemos Belhomme bem, então eu realmente gostei do convite. Sei de Pierre (Ragues) mas ainda não conheço Nico (Jamin) a fundo. Ouvi muito bem sobre ele. Temos um bom pacote e três meses para trabalhar. Já ganhei a prova em LMP1 e LMGTE, mas nunca de LMP2”, explicou.

O plantel passa a ser dividido entre 26 protótipos (oito LMP1 e 18 LMP2) e 34 GTs (17 LMGTE-PRO e 17 LMGTE-AM). Isso faz agora da LMP2 a classe com o maior número de inscritos na edição 2019.

Em caso de novos forfaits, a lista de espera conta com oito concorrentes, já que a Meyer Shank Racing retirou-se, furiosa com a falta de critérios do ACO. Pela ordem, o #20 da High Class Racing é agora o primeiro suplente, seguido pela United Autosports com o #32 e a Eurasia Motorsport com o #33.

Depois seguem Panis-Barthez Competition com o dorsal #24, IDEC Sport Racing com o #27, Ebimotors com o #80 (LMGTE-AM), Team Project 1 com o #58 (LMGTE-AM) e TF Sport Red River Sport com o #79 (LMGTE-AM).

Sobre o Autor

Rodrigo Mattar

2 Comentários

Por Rodrigo Mattar

Reclames

Perfil

Rodrigo Mattar, carioca de 49 anos. Apaixonado por automobilismo desde os nove, é jornalista especializado em esportes a motor desde 1998. Estagiou no Jornal do Brasil e numa assessoria de comunicação antes de ingressar na Rede Globo. Em 2003, foi para o SporTV, onde foi editor dos hoje extintos programas Grid Motor e Linha de Chegada. No mesmo ano, iniciou sua trajetória como comentarista, estreando numa transmissão de uma corrida de Stock Car, realizada no saudoso Autódromo de Jacarepaguá. Há sete anos, está no Fox Sports, atuando como editor responsável do programa Fox Nitro e comentarista de diversas categorias, entre as quais Rali Dakar, Nascar, MXGP, WTCC, WRC, FIA WEC, IMSA, Fórmula E, WTCR e Superbike Series Brasil. Conduz o blog A Mil Por Hora, agora no GRANDE PRÊMIO, desde 2008.

Arquivos

Categorias

Nuvem de Tags

Twitter

Reclames

Facebook

Mais reclames