MENU

30 de abril de 2019 - 13:2724 Horas de Le Mans, Mundial de Endurance

Exclusivo: mais um brasileiro no grid das 24h de Le Mans

baptista1

O piloto brasileiro de 22 anos é o 29º do país na história das 24h de Le Mans (Foto: Bob Chapman/Autosport Image)

RIO DE JANEIRO – Fonte confiável informou em primeira mão ao escriba aqui: o Brasil terá um sétimo piloto no grid das 24h de Le Mans em 2019.

Vencedor da prova #2 do Blancpain GT World Challenge America junto ao belga Maxime Soulet, a bordo de um Bentley Continental da K-Pax Racing, durante a rodada dupla realizada no último fim de semana, Rodrigo Baptista estará no plantel de 186 nomes que disputarão a maior corrida de Endurance do planeta, nos dias 15 e 16 de junho.

Campeão do Porsche Império GT3 Cup em 2017, o piloto de 22 anos – que tem graduação prata designada pela Federação Internacional de Automobilismo – vai compor a trinca da Ferrari 488 GTE da JMW Motorsport inscrita com o numeral #84, que terá ainda o estadunidense Jeffrey Segal e o também estreante Wei Lu, canadense de ascendência oriental e egresso das competições do Ferrari Challenge na América do Norte.

É mais um evento de 24 Horas que o paulista irá disputar em 2019: há alguns meses, ele foi confirmado pela equipe M-Sport para tripular um dos carros extras do time de fábrica da Bentley nas 24h de Spa-Francorchamps, prova do Blancpain GT Series Endurance e do Intercontinental GT Challenge. Ele dividirá um dos carros com os britânicos Seb Morris e Callum McLeod.

5cac738dc550d

A equipe de Jim McWhiter disputa o European Le Mans Series com esta Ferrari 488 GTE. Como Matteo Cressoni vai guiar para a Clearwater Racing também na classe LMGTE-AM, Rodrigo Baptista foi o escolhido para compor trinca com Wei Lu e Jeffrey Segal em La Sarthe (Foto: Jakob Ebrey Photography)

Sobre a equipe que contratou Rodrigo Baptista, cabe uma observação: atualmente disputando o European Le Mans Series (ELMS), a organização dirigida por Jim McWhiter é sediada em Colchester, na Inglaterra. E tem intimidade com a pista francesa: venceu em La Sarthe há dois anos na LMGTE-AM, com Will Stevens/Dries Vanthoor/Robert Smith e já participou da competição em nove vezes nos últimos dez anos. Na última edição, o time competiu em associação com Cooper MacNeil e a Weather Tech, ficando com o quinto posto da categoria.

O anúncio oficial deve acontecer até quinta-feira, mas a notícia é quente e tem fundamento. Com isso, o total de pilotos brasileiros na história das 24h de Le Mans chega a 29. Além de Rodrigo Baptista, Felipe Fraga também estreia na corrida via Keating Motorsports, como adversário de seu compatriota na LMGTE-AM.

Assim, o total de vagas restantes vai baixando pouco a pouco. Extra-oficialmente, sobram 26 assentos, mas tudo indica que a BMW vai confirmar Antonio Félix da Costa e Martin Tomczyk na LMGTE-PRO, já que correm no FIA WEC. Na LMP2, a Cetilar Villorba Corse terá o trio Roberto Lacorte/Giorgio Sernagiotto/Andrea Belicchi, enquanto a IDEC Sport Racing vai de Paul Lafargue/Memo Rojas/Paul-Loup Chatin – embora alguns desses nomes não estejam confirmados na lista de entradas. E a ARC Bratislava deverá ter Henning Enqvist e Konstantin Tereschenko ao lado do eslovaco Miro Konôpka.

Faltariam, portanto, dezoito assentos a serem confirados: dois na LMP1 (ByKolles), quatro na LMP2 (High Class Racing, Panis-Barthez, United Autosports e Larbre Competition), mais quatro na LMGTE-PRO (BMW Team MTEK e Aston Martin Racing – dois lugares em cada), além de oito na LMGTE-AM (quatro vagas em dois carros da Dempsey Racing-Proton, duas na Kessel Racing no carro #60, uma na Gulf Racing e mais outra na TF Sport).

3 comentários

  1. Ivair disse:

    Rodrigo. O seu xará está fazendo um bom trabalho na Blancpain Americana. O Bentley está com um ótimo desempenho. Merecido para ele.

  2. Leonardo disse:

    A Fox vai transmitir as 24hr Dumans?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *