MENU

14 de maio de 2019 - 09:06Túnel do Tempo

Direto do túnel do tempo (444)

53b9af15b7637759a1e18620d0b32faf

RIO DE JANEIRO  – Aproveito o ensejo do retorno do GP da Holanda ao calendário da Fórmula 1 e lhes trago esse registro. Dia 22 de junho de 1975 – data da primeira vitória de James Hunt e a única da Hesketh Racing em sua curta trajetória.

No instantâneo, o britânico ergue em júblio os dois braços no fim da volta de consagração. Claro está que esse flagrante é após a quadriculada da vitória. De costas, está Lord Alexander Hesketh, o homem que apostou cada centavo em James – e levou sua própria equipe à falência.

Cinco meses depois desse instante glorioso, já não havia mais o fausto de uma escuderia que servia champagne e cascatas de camarão a seus convidados. A Hesketh ainda seguiria sob o comando de Anthony “Bubbles” Horsley, mas jamais seria a mesma.

O perdulário Hesketh nunca poderia imaginar que fosse possível, mas Hunt fez uma corrida monumental naquele domingo, resistindo à pressão de Niki Lauda (uma avant-premiére da temporada seguinte e do filme “Rush”) após liderar por 61 voltas, a partir do 15º giro, quando a pista – que estava molhada na hora da largada – começou a secar. Os dois cruzaram a linha de chegada separados por apenas um segundo e seis décimos.

Foi um momento de alívio para os ingleses, uma vez que em dois momentos eles sentiram enorme tristeza com as perdas de Piers Courage em 1970 e Roger Williamson em 1973.

Há 44 anos, direto do túnel do tempo.

3 comentários

  1. Leandro disse:

    Belíssimo registro!

  2. joao calango disse:

    Desculpe Rodrigo, mas li seu texto pensando na voz da nossa maravilhosa Cissa Guimarães, direto do túnel do tempo….rsrs

    Enfim, que boa a volta da Holanda, pena que será no lugar da Espanha, mas espero que a Espanha tenha condições de voltar ao calendário em outra pista, talvez Valência, Jerez ou mesmo em Aragón, seria bem legal por lá.

  3. Gustavo disse:

    O perdulário Hesketh, cuja escuderia servia champagne e cascatas de camarão a seus convidados… Sabe que já ouvi algo parecido acerca de um tal STF?

    Kkkkk…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *