MENU

12 de junho de 2019 - 20:3224 Horas de Le Mans, Mundial de Endurance

24 Horas de Le Mans, treino #1: Toyota conquista pole provisória, com susto…

Le Mans Test

LE MANS (Pista, só amanhã) – Sem credenciamento, o escriba aqui não teve como finalmente ir ao lendário Circuit de la Sarthe. Explico: o acesso não é permitido por conta do fechamento de estradas justamente para a realização dos treinos. Como a pista das 24 Horas de Le Mans é semi-permanente e só chegamos na cidade por volta de 20h25 locais, não foi possível acompanhar o primeiro treino de perto.

Mas o leitor do blog não fica sem informação: a Toyota conquistou a pole provisória, confirmando o favoritismo destacado – mas com um enorme susto apanhado pelo carro #7 guiado por Mike Conway, já com o melhor tempo de 3’17″161 alcançado por Kamui Kobayashi, mais do que garantido.

É que Conway, de repente, pegou pela proa um protótipo LMP2 que saíra da pista nas Chicanes Ford e tentava voltar à pista de forma tão perigosa quanto ridícula, cortesia do mexicano Roberto González, da DragonSpeed. Os danos não foram felizmente tão sérios e ambos os carros retornaram para dar sequência aos treinos.

Egor Orudzhev surpreendeu com o #17 da SMP Racing e foi o segundo mais rápido da sessão, com 3’17″633, apenas 0″472 mais lento que Kobayashi. Thomas Laurent foi o terceiro com o carro #3 da Rebellion, rodando na casa de 3’19”, enquanto Fernando Alonso foi o quarto colocado – 3’19″632.

Bruno Senna fez a sétima marca com o Rebellion R13 Gibson #1: o brasileiro completou 16 voltas, a melhor em 3’20″297, apenas trinta centésimos melhor que o colega de equipe Neel Jani.

Apesar do incidente ao longo do primeiro treino classificatório, a DragonSpeed começou bem em relação às rivais da LMP2. Pastor Maldonado marcou 3’26″804, somente um décimo de segundo melhor que Nico Lapierre. Ambos os pilotos e suas equipes estão “calçados” com pneus Michelin.

A United Autosports conseguiu um bom 3º posto com seu Ligier, seguida pela IDEC Sport Racing e a novata – em Le Mans – Duqueine Engineering. Rival da DragonSpeed e da Signatech-Alpine na luta pelo título neste fim de semana, a Jackie Chan DC Racing ficou com o sexto tempo, graças a Ho-Pin Tung.

André Negrão, parceiro de Lapierre e também de Pierre Thiriet, andou pouco hoje. Deu só oito voltas, a melhor delas em 3’28″978.

A Ford ditou a lei na LMGTE-PRO: numa sessão muito apertada, Harry Tincknell bateu o francês Patrick Pilet por apenas 0″028 – o tempo do britânico foi de 3’49″530, na corrida que marca a despedida do construtor de Detroit a nível oficial na competição e nas 24 Horas de Le Mans.

Alex Lynn fez o melhor tempo em grande parte da sessão, mas acabou em 3º lugar com o Aston Martin #97, seguido por mais outros três Porsche 911 RSR GTE, respectivamente com Fred Makowiecki, Gimmi Bruni e Mathieu Jaminet.

Hoje, dentre os três brasileiros a bordo nos carros da categoria principal de Grã-Turismo, Pipo Derani fez 3’52″997 com a Ferrari da Risi Competizione. Augusto Farfus deu 13 voltas e a mais rápida do piloto da BMW foi 3’53″511. Daniel Serra completou um giro a menos e fez 3’54″119.

Já na LMGTE-AM, o melhor tempo foi do francês Julien Andlauer – 3’53″408, pouco mais de um décimo superior a Pedro Lamy no Aston Martin V8 Vantage GTE – com um carro idêntico, só que da TF Sport, Charlie Eastwood foi o terceiro colocado.

Rodrigo Baptista fez sua melhor volta com a Ferrari 488 GTE da JMW Motorsport em 3’59″061. Sem ir à pista mais cedo, Felipe Fraga marcou 3’59″811 com o Ford GT EcoBoost da Keating Motorsports.

O treino que abriu a definição do grid de largada – que acontece nesta quinta-feira em La Sarthe – não contou com um dos 62 carros inscritos: o Porsche 911 RSR GTE da Dempsey Racing-Proton sofreu um fortíssimo acidente com Tracy Krohn a bordo.

Segundo informações, já que não houve registros mais precisos, a saída de pista foi na segunda chicane do retão Les Hunaudières, com Krohn destruindo o carro em alta velocidade. O piloto felizmente está bem, mas o carro, não: o #99 periga não disputar a prova de Le Mans neste fim de semana. Vamos ver se Krohn decide competir…

Se liga no recado: os canais Fox Sports vão transmitir neste sábado e domingo as 24 Horas de Le Mans, com uma janela de 10 às 16h de Brasília, afora uma atualização após a Nascar, ainda no sábado. Domingo, a transmissão das horas finais começa às 8h de Brasília.

2 comentários

  1. Antonio Seabra disse:

    A melhor maneira de ir pro Autodromo é de Tram (VLT, ou como chamavam os antigos, bonde), que te deixa dentro do circuito.

    • Rodrigo Mattar disse:

      Não tão dentro, mas perto. Hoje pra poder vir pra dentro da pista tive que vir de táxi. O shuttle para imprensa só começava agora à tarde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *