MENU

6 de julho de 2019 - 18:24IMSA, Vídeos

Braun é pole em Mosport mas… Penske e Castroneves sairão na frente

RIO DE JANEIRO – A CORE Autosport ganhou – mas não levou – a pole position para o Mobil 1 SportsCar Grand Prix, 7ª etapa da série IMSA que será disputada neste domingo às 14h, com transmissão do Fox Sports 2 – não mais ao vivo por conta do adiamento da Nascar para amanhã e sim às 17h30.

Colin Braun foi o mais veloz na definição do grid, que ocorreu hoje mais cedo no Canadian Tire Motorsport Park em Mosport, na única visita do campeonato estadunidense de provas longas ao Canadá. O piloto do Nissan DPi #54 cravou 1’05″452, registrou o novo recorde da categoria para a pista, mas não poderá largar da posição de honra.

É que o time optou por trocar os pneus do carro após o treino – o que não é permitido pelo regulamento e, além disto, Jonathan Bennett já estava escalado para começar a corrida, o que também acarretaria em perder posições e largar em último entre os protótipos de sua categoria.

Dessa forma, a posição de honra é herdada pelo Acura Team Penske, com o brasileiro Hélio Castroneves largando na frente para a corrida, com um tempo apenas 0″074 pior que o de Braun e a segunda posição ficou com o Mazda DPi vencedor das 6h de Watkins Glen, com Jonathan Bomarito largando em segundo amanhã.

A segunda fila terá os outros dois carros Acura e Mazda, com os líderes do campeonato Dane Cameron/Juan Pablo Montoya adiante de Oliver Jarvis/Tristan Nunez. O melhor Cadillac DPi-V.R ficou a 0″628 do tempo de Braun e largará em quinto com Felipe Nasr a bordo, no carro #31 que divide com Pipo Derani.

Victor Franzoni e seu parceiro Will Owen subirão uma posição: vão partir de 10º, com um tempo 1″867 pior que a pole position. Enquanto isso, entre os LMP2, Kyle Masson bateu por quase meio segundo o local Dalton Kellett e fez o melhor tempo com o #38 da Performance Tech Motorsports, ficando com o 12º lugar geral.

A BMW surpreendeu e fez 1-2 no treino dos GTLM, com direito a novo recorde do traçado: o finlandês Jesse Krohn fez 1’13″086, pouco mais de quatro décimos melhor que Tom Blomqvist, enquanto Ryan Briscoe ficou com a terceira marca da categoria, ultrapassando por apenas 0″025 o Porsche dos líderes do campeonato, Patrick Pilet/Nick Tandy.

Os dois Corvette C7.R foram batidos em mais de um segundo, com o aniversariante do fim de semana Jan Magnussen à frente do suíço Marcel Fässler, escalado para substituir Tommy Milner, que machucou a mão esquerda no acidente sofrido na primeira volta das 6h de Watkins Glen, domingo passado.

Na GTD, Robby Foley teve trabalho com Ben Keating e levou a melhor entre os carros do regulamento GT3: com a BMW da Turner Motorsport, o piloto do #96 marcou 1’16″172 – foi o único recorde que não caiu neste sábado – enquanto Keating, com o carro reserva da Riley Motorsports, ficou a oitenta e um milésimos da pole.

Líderes do campeonato, Mario Farnbacher e Trent Hindman – vencedores em Glen – ficaram em 3º, enquanto Bia Figueiredo fez um belo trabalho no outro Acura preparado pela Meyer Shank Racing e estabeleceu a quarta marca – 1’16″865, superando o piloto local Zach Robichon.

Dos 13 inscritos da GTD, um não fez tempo: o Lamborghini Huracán EVO da Paul Miller Racing, atual campeã da categoria, bateu no TL3 com Ryan Hardwick a bordo, após um enrosco com o Cadillac da JDC-Miller Motorsports guiado por Tristan Vautier. Devido à extensão dos danos e também pelo fato de Hardwick ter sido hospitalizado, a equipe está fora da corrida, reduzindo o grid a 33 carros.

A transmissão da IMSA pelo Fox Sports 2 fica a cargo de Hamilton Rodrigues e Rodrigo Mattar, este que vos escreve. Prestigiem!

2 comentários

  1. Marcelo Soutello disse:

    Meu caro Mattar, a direçao do Fox bagunçou com a transmissão do IMSA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *